terça-feira, 28 de maio de 2019

[Resenha] Eu desaparecerei com a fria brisa de inverno

| 10 comentários
Autora: Anne Holt Muller
Páginas:332
Editora: Intempérie
Riley Harred trabalha em uma livraria em Surrey e desaparece em uma noite de verão voltando para casa. Conforme o tempo passa e as folhas de outono caem, as pistas vão desaparecendo no ar. Em seu cativeiro, Riley tenta entender a mente de seu raptor para sobreviver, mas as coisas que pareciam ser claras a primeira vista logo têm suas linhas borradas. Linhas cruzadas e vidas entrelaçadas.
E nenhum deles saíra de lá sendo o mesmo.





Eu desaparecerei com a fria brisa de inverno, da autora Anne Hølt Muller, e publicado pela Editora Intempérie, é um thriller de tirar o fôlego! Eu tinha acabado de terminar A filha do rei do pântano que fala sobre sequestro quando fui procurar no kindle unlimited algo para ler e me deparei com essa capa e título. Eu nem li a sinopse, simplesmente comecei a leitura, e me deparei com mais um enredo que envolvia sequestro. Eu me perguntei se aguentaria mais um enredo desses, afinal, nunca são leituras fáceis, e no fim me vi envolvida em tanto mistério e segredos, e eu precisava descobrir o que estava acontecendo.

quinta-feira, 23 de maio de 2019

[Resenha] O cara dos meus sonhos (ou quase)

| 6 comentários
Autora: Jenn Bennett
Páginas: 462
Editora: Plataforma21
E se você tivesse que atravessar o país para descobrir um grande amor?A cinéfila Bailey “Zibelina” Rydell troca mensagens com um nerd carismático igualmente apaixonado por filmes – Alex, seu crush virtual. Eles viviam separados por mais de mil quilômetros, até Bailey se mudar para a casa do pai na Califórnia – mais precisamente, para a mesma cidade de Alex.
Insegura e temendo que o Alex da vida real seja muito diferente de suas idealizações, Bailey não conta a ele que estão na mesma cidade. Ou que conseguiu um trabalho num museu “caça-turistas” local. Ou que ela está, pouco a pouco, sendo fisgada por um rapaz irritantemente atraente que trabalha no lugar – Porter Roth, cujo berço é uma lendária família de surfistas.
Só que a vida é muito mais complicada que qualquer filme, principalmente quando Bailey percebe a estreita fronteira entre ódio, amor ou seja lá o que estiver sentindo por Porter. Além disso, descobrir a verdadeira identidade de Alex mostra-se uma tarefa mais difícil do que ela imaginava.
Assim, conforme o verão passa, Bailey precisa decidir se permanece apegada a suas projeções de um Alex que ela nem sabe se existe ou se arrisca uma relação com Porter. Afinal, o cara dos seus sonhos não pode ficar só no mundo virtual. Mas o que Bailey não sabe é que Porter também guarda um segredo…

O cara dos meus sonhos (ou quase), da Jenn Bennett, é meu primeiro contato com a escrita da autora. Jenn tem também publicado no Brasil, A anatomia de um coração, também da Plataforma21. Essa história é quase um filme de sessão da tarde de tão gostosinha e leve que é! Eu iniciei a leitura de forma despretensiosa e quando menos esperei já estava totalmente envolvida com o enredo e personagens.

segunda-feira, 20 de maio de 2019

[Resenha] Crianças do Éden

| 5 comentários
Autor: Joey Graceffa
Páginas: 266
Editora: Galera Record
Série: Crianças do Éden, 1
Em uma Terra envenenada e morta pelo homem, onde todos os animais e a maioria das plantas foram destruídos, o Éden é o último refúgio para o que restou da raça humana. Mas as medidas de controle populacional garantem que a existência de Rowan seja ilegal. A garota não pode frequentar a escola, fazer amigos, ou mesmo ser vista em público. Cada dia em que continua viva é um risco para sua família.
Cansada de viver escondida, Rowan decide pular os muros que a escondem, e, embora descubra ser fácil permanecer invisível quando não se existe legalmente, a noite de aventura pode acabar em tragédia. Cabe a Rowan usar toda sua habilidade para sobreviver em um mundo que a renega.



Crianças do Éden é o primeiro volume da série de mesmo nome, livro de estreia do autor Joey Graceffa, e publicado pela Galera Record. Eu recebi essa obra de surpresa da editora, e no outro dia já tinha iniciado a leitura. Essa é uma distopia com alguns elementos de ficção científica, e possui um enredo bem desenvolvido e que traz um tema muito real: a morte do planeta Terra. Essa premissa me deixou muito empolgada pela leitura, e o que eu encontrei no decorrer da narrativa foi ainda mais fascinante. 

quinta-feira, 16 de maio de 2019

[Resenha] Química perfeita

| 8 comentários
Autora: Simone Elkeles
Páginas: 428
Editora: Globo alt
Série: Química perfeita, 1
Brittany e Alex são de mundos opostos: ela é a menina perfeita com um futuro brilhante pela frente, ele o membro de uma gangue perigosa que não tem nada a perder. Os dois não teriam nenhum contato um com o outro, se não tivessem sido forçados a ser parceiros nas aulas de química do último ano. Alex sabe que qualquer relação que Brittany tenha com ele pode colocar em risco sua reputação impecável de boa aluna e namorada dedicada e, por orgulho e diversão, aposta com os amigos que consegue fazer com que ela saia com ele. No entanto, quanto mais se aproximam, mais fica evidente que eles têm algo em comum que ninguém parece perceber: nenhum dos dois é o que se esforça tanto para ser.



Química perfeita é o primeiro volume da série de mesmo nome, da autora Simone Elkeles. Esse livro já tinha sido lançado anos atrás por uma editora que não existe mais, e eu sempre tive vontade de ler, porém, estava esgotado. Ainda bem que a Globo alt, que já publicou outros livros da autora, resolveu relançar essa série e agora tive a oportunidade de conhecer a história de Alex e Britt. Apesar de suas mais de quatrocentas páginas essa foi uma leitura de poucos dias, porque é simplesmente impossível querer largar o livro.

domingo, 12 de maio de 2019

TBR de maio

| 6 comentários

Boa noite, leitores! Vim mostrar para vocês a minha TBR de maio. Eu escolhi sete livros, e já li três até o momento. Vamos conferir o que eu selecionei?!

sexta-feira, 10 de maio de 2019

[Resenha] Uma dobra no tempo

| 8 comentários
Autora: Madeleine L'Engle
Páginas: 240
Editora: HarperCollins Brasil
Série: Uma dobra no tempo, 1
Era uma noite escura e tempestuosa; a jovem Meg Murry e seu irmão mais novo, Charles Wallace, descem para fazer um lanche tardio quando recebem a visita de uma figura muito peculiar.
“Noites loucas são a minha glória”, diz a estranha misteriosa. “Foi só uma lufada que me pegou de jeito e me tirou da rota. Descansarei um pouco e seguirei meu rumo. Por falar em rumos, meu doce, saiba que o tesserato existe, sim.”
O que seria um tesserato? O pai de Meg bem andava experimentando com a quinta dimensão quando desapareceu misteriosamente... Agora, com a ajuda de três criaturas muito peculiares, chegou o momento de Meg, seu amigo Calvin e Charles Wallace partirem em uma jornada para resgatá-lo. Uma jornada perigosa pelo tempo e o espaço.
Uma dobra no tempo é uma aventura clássica, que serviu de inspiração para os mestres da fantasia e da ficção científica do mundo, agora adaptada para os cinemas pela Disney. Junte-se à família Murray nesta jornada, entre criaturas fantásticas e novos mundos jamais imaginados.

Uma dobra no tempo é o primeiro volume da série de mesmo nome, da autora Madeleine L'Engle. Considerado um clássico da fantasia e da ficção científica esse livro irá nos levar em uma grande aventura pelo tempo e espaço de forma divertida e envolvente, com crianças carismáticas, e reviravoltas loucas. Essa obra é voltada público jovem, onde a autora trata de alguns assuntos de forma direta, e sem muitas explicações. Considerei algumas partes até mesmo um pouco bobas demais, porém, como eu adoro livros infantojuvenis isso não foi um problema para mim.

quarta-feira, 8 de maio de 2019

Leituras de abril

| 7 comentários

Boa noite, leitores! Em abril eu consegui dar um gás nas leituras e li seis livros e dois e-books! Vamos conferir o que eu andei lendo? :)

domingo, 5 de maio de 2019

Caixinha de correio #141

| 1 comentários

Boa tarde, leitores! Vim mostrar para vocês os livros que eu comprei e recebi em abril. Depois de tirar as fotos e começar a guardar os livros percebi que já estou sem espaço na estante de novo, hahaha. Enfim... Tem bastante coisa, vamos começar?! ♥

sábado, 4 de maio de 2019

[Resenha] Por favor, ignore Vera Dietz

| 12 comentários
Autora: A. S. King
Páginas: 288
Editora: Novo Século
Vera Dietz e Charlie Kahn foram melhores amigos desde crianças até completarem 17 anos. Mas agora Charlie está morto. E morreu de uma maneira horrível e misteriosa. E morreu brigado com Vera.A vida não tem sido fácil desde então. Vera não sabe direito como agir, como pensar, o que sentir. Sua mãe foi embora quando ela tinha apenas 12 anos, e seu pai é adepto da filosofia de ignorar os problemas até que eles desapareçam por mágica.
Mas Vera precisa fazer suas entregas no Templo da Pizza. Precisa abrir o coração para o amor. Precisa concluir o Ensino Médio. Precisa colecionar palavras para a aula de Vocabulário. Precisa entender o que realmente aconteceu com Charlie.
Precisa seguir em frente.


Por favor, ignore Vera Dietz, da A. S. King, é o segundo livro que eu leio da autora. Minha primeira experiência com a escrita da King foi com Todo mundo vê formigas, um livro muito marcante, e desde então eu estava louca para conferir outras obras dela. E, pelo que pude perceber, a autora gosta de trazer assuntos importantes e reflexivos, mais uma vez me vi mergulhada em um enredo profundo.

sexta-feira, 3 de maio de 2019

[Resenha] Guerras secretas

| 8 comentários
Autor: Alex Irvine
Páginas: 304
Editora: Novo Século
Vingadores, X-Men, Quarteto Fantástico, Homem-Aranha: os maiores heróis do universo. Magneto, Doutor Destino, Ultron, Galactus: os maiores vilões. Convocados pelo onipotente Beyonder para um desafio interestelar, heróis e vilões deverão se confrontar no Mundo de Batalha, visando conquistar o maior prêmio que alguém jamais poderia cobiçar.







Guerras secretas, do Alex Irvine, é mais um livro da coleção Marvel, da Novo Século. Eu já falo isso em todas as resenhas, mas vou repetir: não acompanho nada dos quadrinhos desse universo, então minha experiência com esses romances é sem nenhuma comparação ou um entendimento maior das histórias. E, eu nem me importo com isso. Na verdade ter a oportunidade de conhecer o universo com algo além dos filmes é muito incrível, e eu estou adorando as leituras.