domingo, 17 de março de 2019

[Resenha] A morte do Capitão América

|
Autor: Larry Hama
Páginas: 352
Editora: Novo Século
Coleção: Marvel Comics
Ele foi um herói para milhões de pessoas. Uma inspiração para as forças armadas norte-americanas e personificação dos maiores ideais de sua nação. Ele viveu por seu país – e agora, alvejado a sangue frio, deu sua contribuição final à terra que tanto amou. A morte do herói tem sérias consequências. Falcão, seu parceiro de toda a vida, faz da vingança sua prioridade. Sharon Carter, prisioneira dos capangas de Caveira Vermelha, encontra-se fora de controle. E Bucky Barnes, mais conhecido como Soldado Invernal, precisa se reconciliar com seu passado sórdido, a fim de encarar uma missão que mudará sua vida.



A morte do Capitão América faz parte da coleção Marvel, publicada pela Novo Século. E, apesar de eu já ter uns dez livros dessa coleção, essa é a primeira obra que leio (finalmente!), e eu gostei bastante da experiência. Eu não tenho o costume de ler HQ's, eu já falei isso várias vezes por aqui, e até já tive vontade de ler as da Marvel, mas o problema é que são muitas e eu nunca soube direito por qual começar, então acabo conferindo apenas os filmes; quando soube das novelizações minha empolgação não poderia ser maior, pois ficaria muito mais fácil conhecer melhor as histórias dos personagens e tudo que vivenciamos nos filmes. 

Eu não li Guerra Civil, percebi depois dessa leitura que teria sido melhor ter começado por ele, porém, como eu assisti ao filme eu consegui relacionar algumas coisas. A morte do Capitão América se passa depois de Guerra Civil, e vai mostrar que a divisão de opiniões é ainda marcante e trará consequência irreparáveis, como a morte do Capitão América. Começar a leitura já sabendo dessa morte (afinal, está no título do livro) não deixou ela menos surpreendente, pelo contrário, o desenvolvimento em cima de uma tragédia dessas conseguiu explorar ambos os lados, dos heróis e vilões, e nos mostra que os planos eram ainda mais grandiosos que matar o Capitão.

Temos uma grande presença da S.H.I.E.L.D nesse livro, e eu gostei bastante de vê-los em ação. Porém, os três personagens que ganham destaque nessa leitura são a Agente Carter, que se sente culpada pelo que aconteceu com Capitão América; Falcão, que quer se vingar; e Bucky, o Soldado Invernal, que culpa Tony Stark, e também procura vingança.


A narrativa tem vários pontos de vista, o que no início me confundiu um pouco, mas assim que você se acostuma e compreende melhor o enredo como um todo fica mais fácil de se envolver. Carter tem seus próprios problemas para resolver, ela é uma mulher forte e independente, mas ter sua mente bagunçada por um dos aliados do Caveira Vermelha mexe com suas emoções. Eu gostei bastante quando a narrativa pulava para Bucky, que é um personagem que mostra uma grande evolução dentro da trama. Sua história com o Capitão América é explicada de forma rápida, mas que consegue situar o leitor no relacionamento dos dois no decorrer dos anos.

A morte do Capitão América é uma leitura um pouco difícil, no sentido de precisar ler com calma para entender o que cada personagem representa nesse jogo de poder. Tudo nos leva a crer que o inimigo está próximo de conseguir o que quer, e com a morte do Capitão a esperança é cada vez menor. A trama é cheia de reviravoltas, e em nenhum momento há uma parte mais parada, sem algo interessante acontecendo. Depois de conferir essa obra estou ainda mais empolgada para ler outras da coleção. 

A edição que eu tenho é Slim (menor que o normal, mas com orelhas), porém muito bonita, e com uma capa bastante atrativa. Se você também não tem o costume de ler HQ's, mas quer saber mais sobre o universo da Marvel não pode deixar de conferir essa coleção da Novo Século. Recomendo! 

3 comentários:

  1. Olá!
    Gente, mas que notícia boa! Eu não sabia que a novo século estava publicando as histórias como novels e.. Uau! Eu já quero todas! Como faz? Kkkk adorei, apesar de ter me doído o coração já o título do livro, fiquei bem curiosa para ler, não só esse, como todos! Espero conseguir em breve! Obrigada pela dica!

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Ah eu ainda não li este. Eu tenho Guerra Civil e apesar de dar pra entender pelo filme, nos quadrinhos tem bem mais heróis, recomendo que você leia. Quero ler este também!

    Debyh
    Eu Insisto

    ResponderExcluir
  3. Eu não tenho muito o costume de ler HQ, mas eu li uma série só, que foi uma do King, as HQs da torre negra que sairam pela suma, mas eu não curti muito a experiencia, deve ser porque eu já tinha lido o livro ou algo assim. Quero muito tentar com super herois, minha mulher tá louca pela guerra infinita, quem sabe vai agora né kkk

    ResponderExcluir