sexta-feira, 29 de março de 2019

[Resenha] Guardiões da Galáxia: Caos na galáxia

|
Autor: Dan Abnett
Páginas: 416
Editora: Novo Século
Quando os poderosos Vingadores... Bem, eh, não, este livro não é sobre eles. Na verdade, este livro não é sobre ninguém lá muito famoso. Enfim...
Os Guardiões da Galáxia tinham tudo para ser a equipe mais heroica do Multiverso sério, você deu uma boa olhada no uniforme de Rocket Raccoon na capa? Mais heroico, impossível. Mas até eles têm uma queda por grana. E quando Rocket Raccoon e Groot não estão por aí protegendo a Galáxia, estão cuidando de suas contas bancárias.
Mas as coisas nem sempre são fáceis, né? Menos ainda quando um pegajoso, incivililzado e rude alienígena badoon, em busca de um androide fugitivo, começa a invadir bares e interromper drinks absolutamente perfeitos. Rocket e Groot intercedem (por razões puramente altruístas, é claro) em favor do androide um gravador rigelliano mais coerente do que feijoada sem linguiça que todo mundo parece querer conhecer.
Rocket Raccoon e Groot precisam descobrir o quanto vale o tal gravador. E, bem, salvá-lo. Mas terão que fazer isso com o Império Kree e a Tropa Nova em sua cola. A ajuda virá de inesperados célebres convidados! Tiros serão disparados por armas irracionais, insanas e inumanas! Naves espaciais colidirão, e a morte gloriosa será iminente. Tudo isso em apenas um dia de trabalho da dupla mais bizarra da Galáxia.


Guardiões da Galáxia: Caos na galáxia, do autor Dan Abnett, é mais um livro da coleção Marvel, da Novo Século. Esse já é o segundo livro que eu leio, e mais uma vez fui surpreendida com uma história envolvente. E, diferente de A morte do Capitão América, essa trama é muito mais divertida, e não poderia se esperar menos já que temos como protagonistas Rocket Raccoon e Groot. Eu amei os filmes de Os guardiões das galáxias, e esses dois personagens são os meus preferidos. Rocket é um guaxinim modificado muito inteligente e bom com armas, além de ser impulsivo, sarcástico e bastante desbocado. Já Groot é mais reservado e tímido, porém, muito altruísta e proporciona alguns diálogos muito engraçados, mesmo que só use a linguagem do 'eu sou Groot'.

Um dos pontos mais divertidos de todo o livro é conhecer o narrador: um gravador rigelliano que possui informações importantes que podem causar um grande impacto na galáxia caso caia nas mãos erradas. Ele narra toda a situação em que se encontra de forma bem informal, para que os leitores entendam, então há muitas gírias que ele pensa se encaixar no momento, e que nem são mais tão usadas. Eu me vi gargalhando em certos momentos com esse androide fugitivo. Ele tem todas as respostas do universo e usa isso à seu favor em momentos de perigo.


Rocket e Groot estavam tomando um drink, procurando alguém para comprar a carga de Zixos que eles querem se livrar, quando um alienígena badoon invade o bar à procura do gravador fugitivo, e interrompe o momento dos dois. Quando percebe que o androide pode ser importante, o guaxinim não pensa duas vezes em ajudá-lo. Porém, a cada momento os perigos aumentam e mais pessoas querem o tal gravador, incluindo o Império Kree e a Tropa Nova.

Esse livro tem muita perseguição, naves espaciais e tiros. O ritmo é sempre frenético, e mesmo em momentos de tensão os personagens conseguem nos divertir. As situações em que eles se enfiam são hilárias e um pouco trágicas, porém mais uma vez não poderia se esperar menos do que isso em se tratando de Rocket e Groot. Temos a presença de outro integrante dos guardiões, e eu adorei quando essa pessoa apareceu. 

Caos na galáxia é um livro excelente, com uma leitura fluída e uma narrativa com alguns termos próprios que acabamos nos acostumando e achando engraçado. A narrativa foi o ponto alto da história, os personagens principais são aqueles que conhecemos e amamos, e o autor conseguiu trazer bem a personalidade de cada um. Eu gostei muito dessa obra, e espero que tenham mais livros com essa dupla. Recomendo!

11 comentários:

  1. Oie,
    o que mais me chamou atenção foi você ter mencionado que a trama é divertida.. Na verdade Guardiões é mais divertido..
    Já li alguma coisa dos X-Men mas ora isso nunca me aventurei.
    Gostei de ver uma opinião sincera sobre Guardiões e uma história para se divertir, o que é importante

    ResponderExcluir
  2. Tudo bem? Estou mega curiosa para ler. Não que seja um tipo de leitura recorrente, mas aprendi a curtir por causa do meu filho e ele já leu e amou.

    Estou curiosa.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Nossa, já quero demais essa obra, fiquei extremamente curioso para saber dessa história na íntegra. Anotada a dica, pois fiquei muito interessado mesmo!!!

    ResponderExcluir
  4. Olá!

    A capa do livro me chamou a atenção pelos personagens, não tenho muito conhecimento sobre eles.
    Parece ser uma leitura bem envolvente e divertida, cheia de ações, gostei bastante da premissa.
    A dica está anotada, apesar de eu não ter o habito de ler livros dos super-heróis da Marvel, esse me chamou bastante a atenção!

    ResponderExcluir
  5. Oi! Eu amo o Rocket e o Groot, e adoro saber que eles têm essas aventuras paralelas ao MU. Sempre dá pra esperar muita bagunça e diversão, porque o Rocket tem um certo dom para misturar as duas. Só que acho que para leitura, eu esperaria mais um pouco, até a obra estar completa, porque odiaria esperar muito para ir concluindo a leitura. Obrigada pela dica!

    Bjoxx ~ Aline ~ www.stalker-literaria.com ♥

    ResponderExcluir
  6. Oi, Andressa.
    Eu sempre fui fã de HQ's de heróis, mas confesso que hoje em dia estou bem mais animada com as histórias narradas em formato romance! Rs... Essa coleção da Novo Século é demais. Já tenho uns cinco ou seis e são todos ótimos!!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  7. Sou apaixonada por essa história, por causa do filme, os personagens tem personalidade, são divertido, ou seja e impossível não gostar dessa trama. E fiquei feliz em saber que o autor consegue passar tudo isso para o livro de HQ, deixando a leitura tão divertida e eletrizante quanto o adaptação. Porém confesso que não me desperta atenção para a leitura, quem sabe futuramente, mas por hora não me interessou.

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bom?
    Acredita que sou super por fora do enredo de O guardião das Galáxias? Pois é, nem os filmes eu assisti rs Agora, lendo sua resenha sobre essa HQ, fiquei super curiosa para conferir a trama e essa sua leitura, que realmente parece ser super divertida. Anotei a sugestão.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Na verdade não conheço muito sobre esses personagens além da adaptação cinematográfica. Achei interessante ver que tem ação, humor, acredito que seja uma leitura bem ágil.
    A capa também está muito bonita!
    Quem sabe eu não leia em algum momento.

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  10. Eu tenho muita curiosidade em ler essa série da marvel e gostei de saber que essa história é tão boa e divertida. Ainda não assisti ao filme, então com certeza vai ser uma novidade para mim esse universo.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura | Instagram

    ResponderExcluir
  11. O que eu mais amei da sua resenha foi você pontuar que o ritmo é frenético. estou atrás de algo assim e eu amo esta fatia da Marvel e tenho certeza que vou adorar.
    beijos

    ResponderExcluir