terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

[Resenha] Calamidade

|
Autor: Brandon Sanderson
Páginas: 382
Editora: Aleph
Trilogia: Os executores, 3
Os Executores se preparam para a batalha definitiva. Mas pode ser que suas armas e habilidades não sejam suficientes. Para derrotar os Épicos de uma vez por todas, David e sua equipe precisam descobrir o segredo de Calamidade, a misteriosa estrela vermelha. As respostas podem estar em Ildithia, uma bizarra e perigosa cidade de sal. Com a união e a coragem pelas quais são conhecidos, os Executores vão até lá, e contam com a ajuda de amigos poderosos para tentar pôr fim ao caos.




1. Coração de aço
2. Tormenta de fogo

Calamidade é o último livro da trilogia Os executores, do autor Brandon Sanderson, e publicado pela Editora Aleph. Desde o primeiro livro eu me vi fisgada pelo enredo, eu adoro tramas com heróis e poderes, mas Brandon conseguiu usar esses elementos para algo ainda mais grandioso e reflexivo. Essa trilogia nos mostra um mundo dominado por Épicos, pessoas que por algum motivo desenvolveram habilidades, e usam seus poderes para dominar cidades e amedrontar as pessoas. Essa realmente vai ser a última batalha, a última chance de salvar a humanidade. E, iniciar esse livro foi algo muito doloroso, é tão difícil se despedir de livros que nos conquistam. Porém, ao mesmo tempo eu estava muito empolgada para ter as respostas finais.

Calamidade, assim como os livros anteriores, tem muita ação e reviravoltas. A escrita do autor continua brilhante e envolvente, e é muito interessante acompanhar o amadurecimento de cada personagem, principalmente de David, que no primeiro livro era um garoto que queria se vingar do Épico que matou seu pai. Neste volume ele acaba se tornando o líder dos Executores, e suas decisões podem ter um grande impacto. Apesar dele ter medo de não estar à altura, percebemos que ele cresceu como pessoa, além de tudo, ele é inteligente, corajoso e determinado.


David e a equipe vão precisar descobrir como lidar com Calamidade depois de algumas descobertas chocantes. Porém, antes disso eles precisam lidar com um Épico extremamente poderoso, e que eles conhecem muito bem. É assim que eles vão parar na cidade de sal, Ildithia. A cidade de tempos em tempos se desintegra e 'renasce', e nunca está no mesmo lugar, ela está sempre se movimentando. É lá que os Executores precisam achar uma forma de fazer o Épico lidar com suas fraquezas para ser novamente quem eles conheciam: uma pessoa gentil e sempre disposta a ajudar os outros.

Esse último livro foi totalmente empolgante, do início ao fim, e o autor conseguiu desenvolver bem o final. Tudo foi se encaixando e eu não me vi confusa ou com dúvidas, esse desfecho fechou a trilogia com chave de ouro, e ela virou uma das minhas favoritas. Os executores tem uma trama bem jovem e rápida de acompanhar, diferente de outros livros do autor que são mais detalhados esse consegue ter uma narrativa mais fluída.


 A edição da Aleph segue o mesmo padrão dos outros livros. A capa é muito bonita e a diagramação está perfeita. Eu vou ficar com muitas saudades dos personagens, e torcendo para que Brandon escreva mais alguma coisa sobre esse universo futuramente. Não custa sonhar!

8 comentários:

  1. Tudo bem? Eu gosto muito desse autor e adorei essa leitura. Como você disse, o enredo é empolgante do começo ao fim. Me diverti muito lendo os livros dessa série.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Oi, que bom saber que esse livro encerra bem a trilogia. Acho muito interessante isso de termos pessoas com poderes que usam isso pra dominar os outros, é uma leitura que quero fazer.

    ResponderExcluir
  3. Olá, Andressa.

    A primeira coisa que me chamou a atenção nos livros foram as capas. É ótimo quando o autor consegue fechar o último livro de uma boa maneira, nos deixa com a sensação de dever cumprido! <3

    ResponderExcluir
  4. Oi, Andressa.
    Há tempos que eu tenho vontade de ler essa trilogia e sua resenha desse último livro só me deixou com mais curiosidade. Vou tentar fazer uma maratona e ler tudo de uma vez.
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  5. Oi Andressa!
    Adorei as capas dos livros, não conhecia essa série, mas fiquei curiosa sobre a trama me pareceu bem interessante. Parabéns pela resenha, vou anotar a dica, bjs!

    ResponderExcluir
  6. Ainda não conhecia a série, mas fiquei bastante interessada! Bom saber que o autor conduziu bem e o final foi bem desenvolvido.
    Obrigada pela indicação!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Ainda não conheço o trabalho do autor e nunca li nada dessa editora. Saber que o terceiro livro tem um bom desfecho e deixa saudades dos personagens é animador.
    Parece ser uma boa leitura.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir