quarta-feira, 4 de outubro de 2017

[Resenha] Graça & maldição

|
Autora: Laure Eve
Páginas: 350
Editora: Galera Record
Um thriller que mantém a magia ambígua até a narrativa ganhar asas e levar o leitor por uma viagem intensa, estranha e envolvente. Como todos os outros na pequena cidade, River é obcecada pelos Grace. Fenrin, Thalia e Summer Grace são carismáticos, charmosos e ricos — e há boatos de que sua influência se estende aos mais altos degraus da política mundial. Se você não ama um deles, quer ser exatamente como um deles. Especialmente River, a nova aluna da escola local... Que de repente é acolhida pela família que todos reverenciam e temem em igual medida. Ela é diferente. Mas o que os Grace não sabem é que a garota não está na cidade por acaso; ela sabe exatamente o que está fazendo. Ou não?




Sabe aquele livro com uma premissa muito interessante, e que de bônus tem uma capa e diagramação linda? Agora acrescente um ar de mistério e magia, tornando a empolgação para ler ainda maior. Então, inicie a leitura e perceba que a obra vai te decepcionar até o final com diálogos clichês, uma personagem principal irritante e superficial, uma narrativa confusa e uma história sem coerência nenhuma. Ok? Assim, temos Graça & maldição. O livro tinha tudo, tudo mesmo, para ser uma leitura incrível, mas me decepcionou em todos os sentidos. E isso é ainda pior quando você fica cheio de expectativas por um livro. Chegou em um momento da narrativa que eu fiquei me perguntando aonde a autora queria chegar?! 

A família Grace tem todo esse ar misterioso, e as fofocas pela cidade dizem que eles têm uma espécie de magia, que eles são bruxos. Além de uma família muito rica, todos esses boatos fazem com que eles sejam muito populares, amados por alguns e odiados por outros, e respeitados. Algumas pessoas têm até mesmo medo deles. Os três filhos, Summer, Fenrir e Thalia, são lindos e populares, muitos alunos querem ser seus amigos, querem um pouco dessa magia em suas vidas.

River não é diferente. Porém, sua ideia inicial é que sendo amiga deles, eles consigam trazer seu pai de volta. Esse deslumbramento com a família Grace faz com que a personagem não seja ela mesma. Ela finge ser descolada apenas para se aproximar deles. E no fim, ela realmente consegue se tornar amiga de Summer, uma garota rebelde e que adora usar a magia para fazer as pessoas a respeitarem e idolatrarem.


Não sabemos se realmente eles são bruxos. Em nenhum momento temos aquela certeza de que há algo místico na obra. E talvez por isso, a personagem principal tenha ficado tão chata por acreditar em algo tão ridículo e sem explicação. River é superficial, e na minha opinião, precisa urgentemente se tratar. No fim, eu não tive mais medo dos Grace, mas sim de que River pudesse fazer algo meio psicopata com eles, já que sua obsessão ultrapassa os limites.

Apesar de a bruxaria não estar presente no enredo, há situações que mostram um pouco de rituais Wicca, onde as palavras têm poder. Eu acho que se autora fosse por esse caminho a leitura seria muito mais interessante. Porém, esse negócio de não definir bem o tema central do enredo me fez desgostar bastante do que eu encontrei.

A paixão de River por Fenrir, irmão de Summer, é outra coisa que desgasta a leitura. Ela é muito repetitiva no que acha sobre ele, e não convence o leitor com seus sentimentos. Para mim, pareceu que ela só estava obcecada por um garoto tão popular e bonito, e ser vista com ele a faria se sentir melhor.

Perto do final acontecem as situações mais absurdas. As reviravoltas são extremamente brochantes. No fim, os irmãos Grace salvaram o livro, juro! Os três têm personalidades bastante marcantes, e mostram que não se importam com o que acham deles. Eu me perguntava o que eles viram em River para querer a manter por perto. 

Graça & maldição me decepcionou um pouco, mas por ter a leitura fluída, consegui me envolver um pouco com os irmãos Grace e chegar até o final. Uma história cheia de clichês, que talvez seja uma leitura para passar o tempo, mas se você procura algo realmente voltado para a magia/bruxas, talvez seja melhor reconsiderar ler ou não a obra.

15 comentários:

  1. Aaaaaaah, que chato! Tão ruim quando colocamos toda uma expectativa no livro e ele nos decepciona.
    A capa é bonita, e a sinopse é interessante. Teria sido legal se autora mostrasse um crescimento de River no decorrer da história.
    Mas ainda bem que os Grace salvaram, pena que a questão da magia ficou mais entre família mesmo.
    Mas gostei da resenha, é bom ler opiniões sinceras.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi, Andressa!

    Ahhh que pena que você não gostou tanto do livro :( eu o conheci quando estava na livraria um dia desses e a capa me atraiu logo de cara. Fiquei mega interessada em ler! Se eu comprar, vou tentar abaixar um pouco minhas expectativas pra não me decepcionar com a leitura hahaha

    Beijos,
    Isa
    Viciadas em Livros
    Participe do Amigo Secreto Literário do Viciadas em Livros

    ResponderExcluir
  3. Andressa,assim que comecei a ler a sinopse,pensei: Uau,esse é o livro!!!
    Esse mistério em torno da família Grace ,e até então o que parecia ser um livro místico,me fascinou!
    Mas lendo a resenha,percebi que a história tinha tudo para ser maravilhosa,mas não foi.
    Pena!

    Talvez se eu tiver uma oportunidade,eu vou até ler.
    Mas sem grandes expectativas. ;)

    ResponderExcluir
  4. Oi Andressa.
    É uma pena que você não curtiu muito a leitura e eu entendo você também já estou farta de diálogos sem graças e repetitivos parece que todos os livros que eu pego do gênero as autoras estão escrevendo a mesma coisa só que de forma diferente isso chega um ponto que já não conseguimos mais desfrutar dos livros por ter tantos clichês, eu confesso que tinha achado a premissa bem interessante a capa Realmente é muito bonita e apesar de ainda Pretender ler. Vou é muita expectativa, pois não quero me decepcionar.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Odeio quando me decepciono com um livro. Fico muito mal!
    A sinopse é bem interessante mesmo, nos deixa intrigado para saber mais sobre essa família e a garota.
    Mas não sei se leria. Gosto da trama com diálogos cheio de energia e não como se não tivesse conteúdo e que toda hora repete a mesma coisa. Bem chato isso.

    ResponderExcluir
  6. Eu não conhecia este livro, mas como você citou em sua resenha, a capa é muito bonita, e após ler sua resenha bem positiva sobre Graça & Maldição, não tem como não acabar ficando curiosa para conferir está história, e como gosto de histórias de mistério e magia, adicionei este livro em minha lista de leituras e espero ler ele em breve.

    ResponderExcluir
  7. Uma pena que um livro que tinha tudo para ter uma estória cativante e envolvente, tenha se desenvolvido de maneira tão clichê e cansativa, onde afinal o leitor não conseguia de certa maneira saber o intuito, muito menos onde a autora queria chegar. Mas, ainda bem que alguns personagens conseguiram salvar a leitura fazendo com você conseguisse tirar algum proveito da trama. Eu já não me interessei pela leitura.

    ResponderExcluir
  8. Tão ruim quando um livro nos decepciona! Sou fã de livros de bruxaria e é uma pena que esse acaba não tendo o conteúdo esperado.
    Mas que bom que pelo menos a família Grace acabou salvando pouco a leitura, porque caso contrário poderia ter sido um desastre total.

    beijos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
  9. Andressa!
    Gosto muito quando o livro envolve magia, seja do tipo apresentado em Harry Potter, seja das religiões pagãs como Wicca, essas bem praticadas até hoje em nossa sociedade.
    Uma pena Raven ser um tanto acanhada e tímida e que as personagens principais tenham maior destaque que ela.
    Se o final tem reviravolta e mesmo deixando alguns pontos entreabertos, é como gosto.
    Daria uma chance a leitura.
    Pena que não gostou muito da leitura.
    Desejo uma ótima semana produtiva!
    “Saber quando se deve esperar é o grande segredo do sucesso.” (Xavier Maistre)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE OUTUBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem

    ResponderExcluir
  10. Que pena que o livro não foi tudo aquilo. Lendo a sinapse e a resenha parece que o livro tido tudo para ser incrível, já que envolve magia.

    ResponderExcluir
  11. Ola!
    Nossa, é muito ruim quando colocamos uma expectativa em um livro que será incrível e acaba decepcionando. Gostei da trama do livro tem uma história boa, mas me deixou bem receosa por ele, não sei se leria agora ou mas na frente.

    ResponderExcluir
  12. Oi Andressa,
    É tão frustrante ler um livro, que tanto anseia e este não atender suas expectativas. A premissa de Graça e Maldição é mesmo muito clichê e remete a muitos livros que já li. River é uma protagonista pouco interessante, falsa e interesseira e isso não favorece a história. A parte mais atrativa está na família Grace e nos mistérios que os cercam e, claro, a possibilidade magia presente na trama. O livro tem todos os elementos necessários para um bom enredo, mas faltou mais desenvolvimento por parte da autora e, acredito, um melhor direcionamento de foco durante a narrativa. A capa é mesmo linda, mas é uma pena que a história deixa tanto a desejar.

    ResponderExcluir
  13. Oi! Adoro livros que aborda o tema fantasia, magia e poderes sobrenaturais. Gostei da premissa do livro e gostaria de saber mais sobre o assunto magia que aborda no livro. Gostei de saber que a leitura é bem fluida e que o final tem uma reviravolta inesperável, amo livros assim. Tenho certeza que vou gostar muito desta leitura.
    Obrigada pela dica, beijos.

    ResponderExcluir
  14. Queria ler esse livro somente pelo tema de magias e bruxarias e agora que vi que fica nesse não sabe se são bruxos, se não são, fiquei um pouco decepcionada, o livro realmente cria uma expectativa e tanto, com a capa, a sinopse e tudo mais, mas agora realmente vou pensar bastante antes de ler.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Oi Andressa ;)
    Que pena que o livro decepcionou. É triste quando isso acontece :/
    Eu gosto do mundo da magia e do místico, mas que não gosto de clichês já montados. Odeio reviravoltas absurdas e sem conexão com a história, além de personagens chatinhas com você disse que tem. A capa realmente é linda.
    Não me animei pra ler, mas valeu pela resenha ;)
    Bjs

    ResponderExcluir