segunda-feira, 1 de maio de 2017

[Resenha] Uma pequena mentira

|
Autora: K. A. Tucker
Páginas: 352
Editora: Fábrica 231
Série: Ten tiny breaths, 2
Livie, a mais centrada das irmãs Cleary, segurou as pontas após a morte dos pais num acidente em que Kacey, a mais velha, foi a única sobrevivente, e cuidou da irmã quando ela caiu em depressão. Aos poucos, Kacey superou seus traumas e encontrou a felicidade, enquanto Livie se dedicava aos estudos. Agora, no segundo do livro da série de sucesso Ten Tiny Breaths, K. A. Tucker joga o foco de sua envolvente narrativa sobre a caçula. Livie acaba de ingressar na tradicional Universidade de Princeton e está pronta para viver as emoções típicas de uma caloura, o que inclui frequentar as festas no campus, fazer novos amigos e encontrar um namorado bacana com quem possa tecer planos para o futuro. Ela só não esperava se envolver justamente com um cara como Ashton Henley, o capitão do time de remo com fama de garanhão. Com medo de ser apenas mais uma na lista de conquistas de Ashton, Livie tenta agir com a razão, como sempre fez. Mas até que ponto vale a pena dominar seus sentimentos por medo de se machucar?



Uma pequena mentira conta a história de Livie, irmã de Kacey - protagonista do primeiro livro da série -, e pode ser lido de forma independente, pois se passa anos após o volume anterior. No entanto, eu recomendo que seja lido na ordem, pois é essencial entender melhor Livie desde o início. Seu comportamento e personalidade são bastante marcantes já em Respire. A série Ten tiny breaths é um new adult que em algum momento vai quebrar seu coração em pedacinhos. Porém, eu senti que neste segundo volume o drama é um pouco menor e menos intenso, mas igualmente maravilhoso. Livie é uma personagem que eu garanto que você vai ficar curioso para conhecer melhor.

Enquanto Kacey nos divertiu com seu jeito rebelde, extrovertido e inconsequente, temos agora uma protagonista tímida, delicada e pé no chão. O contraste de sua irmã, que acha que Livie não aproveita a vida como deveria. Quando ela ingressa na Universidade de Princeton - a faculdade que seus pais sonharam para as filhas -, Kacey decide que ela precisa viver toda a experiência dessa fase, assim, a leva para uma das muitas festas no campus. Lá, ela conhece Ashton, um garoto popular e pegador, mas que tem namorada.

Ambos sentem uma forte atração, mas Livie não quer ser só mais uma na lista de Ashton, e muito menos se envolver com alguém com namorada. Nesse meio tempo ela conhece Connor, um dos melhores amigos de Ashton, mas que é o oposto dele, é educado e gentil, e não pega todas as garotas do campus. O tipo perfeito, que seu pai com certeza aprovaria, porém, por que ela continua pensando no tipo errado? Livie terá que entender melhor o que está sentindo, é algo totalmente novo, e todos esses anos que guardou os sentimentos dentro de si a deixam ainda mais angustiada em continuar sendo a pessoa perfeita e calma. 

É notável que Livie é inocente com algumas coisas, afinal, nunca se soltou ou foi rebelde, nunca fez nada errado, sempre foi a que cuidou da irmã mais velha, a mais responsável das duas. Esse comportamento reprimido sempre preocupou Kacey. Porém, algumas atitudes e escolhas de Livie me decepcionaram. Apesar de ser nova essa fase de namorar, ir para festas e beber, achei que logo ela saberia entre o certo e o errado. Mas, enfim, a protagonista é encantadora e doce, então deu para relevar.


Este é um livro muito mais divertido que o primeiro, e parte disso é por conta de alguns momentos que Kacey aparece - agora ela está bem melhor -, e por Ashton. Os diálogos entre ele e Livie são recheados de indiretas e sarcasmos, eu gostei bastante. A leitura é fluída, assim como no livro anterior, e a escrita da autora é muito envolvente. Conhecemos novos personagens neste volume, fazendo com que os anteriores não apareçam muito, mas que ganham um espacinho nos nossos corações mesmo assim.

Ashton tem um drama familiar que vai partir o coração do leitor. Esta foi a parte mais emocionante e intensa do livro. Suas atitudes, vistas por outro ângulo, fizeram muito mais sentido, e nos fazem perceber o quão ruim é julgar alguém antecipadamente. Uma pequena mentira é uma leitura excelente, os fãs de new adult vão gostar bastante. Eu estou curiosa para saber quem será o protagonista do próximo volume, e espero que a editora lance logo. Recomendo!

16 comentários:

  1. Oi Andressa, gostei da capa do livro e tô interessada em lê-lo, mas tô preocupada com essa possibilidade de triângulo e já tô imaginando que decisões ela tomou e te levaram a se decepcionar um pouco, ao mesmo tempo que tô curiosa. :D

    ResponderExcluir
  2. Oi Dessa!
    Eu nem sabia que o livro Respire tem um segundo volume. Eu sou apaixonada por narrativas divertidas e sempre que os personagens dão aquelas alfinetadas uns nos outros, me divirto horrores.
    Acredito que eu vá gostar dos livros, e vou seguir seu conselho e ler na ordem.
    Beijokas
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  3. Essa sinopse é tudo que eu adoro saber sobre um livro. Um romance com um menino que não tem nada pra ser romântico KKKKK isso sempre chama nossa atenção não é? Eu não sabia desse segundo volume, o primeiro foi bem comentado em vários blogs que eu sigo e sei que é muito bom, mas nem sonhava com esse outro. Quando voce falou que os diálogos são divertidos lembrei do livro O Acordo, que também se passa numa universidade. Já fiquei caidinha por esses livros, hahaha. Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi, Dessa!
    Tinha conferido sua resenha do livro anterior, e fiquei visivelmente aliviada, por assim dizer, ao saber que esse é menos dramático que o anterior, ainda que tenha um drama intenso da mesma forma. Interessante o contraste entre as duas irmãs, e acho que me identificaria mais com a Livie, pelo jeito mais centrado e tímido de ser - mas provavelmente me irritaria muito com ela pelas decisões e atitudes erradas que ainda tomou durante o livro. Sobre o mocinho, confesso que de cara fiquei meio balançada pelo Connor que você citou no início, mas só de saber que há todo um segredo familiar por trás do Ashton já fiquei curiosa com ele também. New adult não é um estilo que eu leia com frequência, mas quando a premissa me chama a atenção gosto de dar uma chance, e é o caso desses livros. Espero ter a oportunidade de fazer a leitura em algum momento, ao menos do primeiro livro, e conhecer os personagens. Gostei muito da resenha, como sempre!
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ SammySacional.blogspot.com.br ♥
    ♥ DandoUmadeEscritora.blogspot.com.br ♥

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Gostei da capa do livro e super fofo. Esse livro já tinha lido uma resenha sobre ele e a historia me encantou, com apesar de não ter lido nada do primeiro ainda sim me deixou super curiosa para conhece a historia dessa duas irmã e claro sobre Livie, uma garota totalmente diferente da irmã né..estarei colocando em minha lista de leitura!

    ResponderExcluir
  6. Estou pra lá de curiosa em relação a esses livros, tanto o primeiro, como o segundo.
    Parecem ser histórias evolventes, com uma pitada mais intensa e bem apaixonante.
    Os personagens parecem ser bem desenvolvidos e a história num todo, muito bem construída.
    Gosto de livros assim! E espero conferir em breve. Confesso que sua resenha me deixou ainda mais curiosa.
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  7. Oi Andressa!
    Quero muito ler os dois, adoro NA <3 Alem disso, achei as capas lindas *-*
    Ja tinha lido a resenha de RESPIRE e gostei muito desse também. Eu adoro triângulos amorosos, mas sempre fico agoniada enquanto estou lendo `rs
    Espero ler em breve!
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Infelizmente eu ainda não li o primeiro livro, entretanto, meu deu uma vontade enorme de ler o segundo. Só de imaginar ela tentando resistir aos encantos do Ashton já fico doidinha. Realmente me empolguei com a história, gostaria muito de ler esse livro!! Beijos!!

    ResponderExcluir
  9. Boa tarde Andressa!
    Essa série parece maravilhosa. Acho que penso isso, principalmente, porque AMO livros como esses, que tratam de pessoas verdadeiras, seus problemas, suas personalidades, seus relacionamentos etc. Também gosto de livros que se passam em ambientes universitários. Interessante saber que cada livro possui uma protagonista diferente, assim sempre nos surpreendemos a cada volume. Sua resenha me deixou com uma vontade ainda maior de vencer o Top Comentarista.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  10. Oi Andressa!
    Li os dois livros em inglês faz tempo, e amei demais... principalmente o primeiro.
    A Kacey e o Trent me emocionaram muito!
    Você me relembrou o quanto amei ler a série, tenho que reler agora kkkk

    ResponderExcluir
  11. Fiquei feliz quando soube que esse livro retrataria a estória da irmã da personagem anterior, pois dessa forma podemos continuar acompanhando o drama familiar, das quais elas passaram, e fiquei ainda mais interessada por leitura, porque nesse livro da para notar que a leitura e ainda mais envolvente e fluida. Vai ser bem gostoso rever os personagens anteriores, e conhecer os novos, e nos envolver novamente.

    ResponderExcluir
  12. Que legal que pode ser lido de forma independente,mas mesmo assim prefiro ler na ordem. Não sabia que ainda teria mais livro e esses dois já estão na minha lista de desejados, estou ansiosa para ler eles :)

    ResponderExcluir
  13. Oi Andressa,
    Tenho muito interesse em conhecer esta série, pois já li muitas resenhas positivas e por se tratar do tipo de história que gosto de ler. Me parece que Livie teve que amadurecer precocemente devido a tragédia que assolou sua família e isso se reflete em sua personalidade mais reservada. Acredito que essa nova fase de sua vida será uma chance dela vivenciar novas experiências e conhecer novas pessoas. Só um ponto me deixa um pouco receosa com esta leitura que é a possibilidade de um triângulo amoroso, acho eles desnecessários e tiram um pouco o foco da trama.

    ResponderExcluir
  14. Tenho Respire aqui para leitura e espero poder conhecer Livie e Kacey, que pelo jeito é bem avoada.
    Quando se entra na faculdade, em um romance NY, geralmente se espera comportamentos diferentes do que o normal, e acredito que por isso Livie se vê mais solta e com vontade de fazer e experimentar coisas que ainda não tinha feito.
    Parece uma boa trama e ainda elucida o passado de Asthon que não é o ue se pensa dele.
    Deve ser um bom livro.
    FELIZ DIA DAS MÃES!
    “Sê humilde para evitar o orgulho, mas voa alto para alcançar a sabedoria.” (Santo Agostinho)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE MAIO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. nossa eu nem sabia que o respire tinha continuação,
    eu fiquei curiosa para ler o respire, pois estou vendo muito elogios sobre ele.
    pelo jeito então o livro é quase um spin-off, já que pode ser lido separadamente. mas pelo que eu entendi da história o bom de ler em ordem é que conhecemos a razão pela qual a livie age desse jeito, né?
    espero poder conhecer as irmãs em breve

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Essa é uma serie que estou vendo só comentários positivos, o primeiro livro da serie me deixou bem curiosa e com esse não foi diferente, mesmo não tendo uma historia tão intensa, gostei muito dessa diferente de um personagem para outro e de um livro para o outro, fiquei curiosa para saber mais sobre a personagens e bem curiosa para conhecer a escrita da autora e descobrir quais as surpresas que encontraremos nesse livro !!

    ResponderExcluir