quinta-feira, 4 de maio de 2017

[Resenha] Esquadrão Rogue

|
Autor: Michael A. Stackpole
Páginas: 352
Editora: Aleph
Série: X-Wing, 1
Dois anos e meio depois dos acontecimentos de O Retorno de Jedi, resquícios das forças imperiais, isoladas mas ainda poderosas, se espalham pela galáxia. Esses postos avançados ameaçam a paz ao tentar derrubar a Nova República e restabelecer uma tirania violenta e opressora do lado sombrio. Para combatê-los, surge uma nova geração de pilotos de X-wing. Seguindo os passos da equipe que destruiu a Estrela da Morte, os novos pilotos encaram um desafio ainda mais perigoso e desafiador que o de seus predecessores. Mas seu líder, o lendário piloto Wedge Antilles, sabe a dura verdade: mesmo sendo o melhor esquadrão da galáxia, as missões que os Rogues enfrentarão são praticamente suicidas. Em uma das melhores aventuras de STAR WARS, que inspirou games e quadrinhos estrelados pelo esquadrão, Michael A. Stackpole presenteia o leitor com conflitos pessoais, tramas políticas e batalhas espaciais impressionantes.


Esquadrão Rogue é mais um livro do universo de Star Wars, e desta vez iremos acompanhar o esquadrão de elite mais famoso da Aliança, e no qual Luke Skywalker fez parte. Eu tenho gostado bastante dos livros que estão sendo lançados, porém, esta leitura foi um pouco diferente do que estou acostumada. O ritmo é mais lento, e as diversas descrições de cenas de batalhas e partes técnicas de naves fizeram com que a leitura fosse um pouco maçante para mim em alguns momentos. No entanto, apesar da narrativa não ser tão fluída, a história é extremamente interessante e conta um pouco mais sobre personagens que antes não foram tão explorados.

A trama se passa quase três anos após a Segunda Estrela da Morte cair e o Imperador ser morto. Porém, a vitória ainda não pende para o lado da Aliança Rebelde. A Nova República ainda precisa lidar com resquícios do Império, e para isso, Wedge Antilles, comandante do Esquadrão Rogue, formou um esquadrão baseado em política, unindo os melhores pilotos de povos que precisam se  tornar aliados. Percebemos logo no início que Antilles não concorda com algumas pessoas que são impostas ao seu esquadrão, mas, por conta da política, ele se vê obrigado a treiná-los.

– Todos vocês sabem a história deste esquadrão. Mesmo antes de sermos formalmente criados, nos foi dada a tarefa de destruir a primeira Estrela da Morte. Nós fizemos isso, e perdemos vários bons pilotos no processo. Todos eles foram e são heróis da Rebelião. Nos anos que virão, serão tão famosos quanto alguns dos antigos Cavaleiros Jedi

Há vários personagens no enredo, e mesmo tendo alguns protagonistas, todos mostram sua importância para a história. O esquadrão apresenta os melhores pilotos, mas ainda assim, há muito a ser moldado. Principalmente no que se refere a trabalhar em equipe. O livro passa uma boa parte mostrando o treinamentos destes pilotos, porém, rapidamente nos vemos em missões importantes e perigosas. Apesar da narrativa ser mais detalhada, o livro possui muita ação.

Fora alguns momentos que me vi em uma leitura arrastada, há outros que fazem o leitor não desgrudar das páginas, quando consegui me acostumar com a narrativa e descrições detalhadas foi muito mais fácil me ambientar. O enredo possui diversos dilemas, intrigas, política e traições. Todos os personagens que possuem um foco maior na trama são importantes para o desenvolvimento do que está ocorrendo.


Esquadrão Rogue é o primeiro livro da série X-Wing, e o final deixa um bom gancho para a continuação. Ainda há muito a ser explorado. O livro é totalmente focado no Esquadrão Rogue, tendo algumas referências de situações anteriores e personagens que marcaram. A trama nos apresenta pessoas corajosas, que não necessitam da Força para realizarem feitos extraordinários. Aqui é mostrado que essas pessoas são tão valorosas quanto os Jedi. 

A edição da Aleph está muito bonita e caprichada. Segue o mesmo padrão dos outros livros, com um tamanho de fonte agradável e páginas amareladas. Esquadrão Rogue faz parte do selo Legends, que para quem não sabe, são as histórias consideradas alternativas da linha temporal de Star Wars. Apesar de essas histórias não serem consideradas como parte do universo da saga, e serem como o nome propõe - uma lenda -, são livros muito bem escritos, com histórias tão envolventes quanto os cânones. Recomendo a leitura. Este é um universo que nunca cansamos de ler!

16 comentários:

  1. Eu pertenço ao grupo que fica perdida quando o assunto é SW. Sei que parece estranho, ja qu vejo SW impregnado na pessoas kkkkkk mas não consigo gostar ! E olha que adoro filmes nesse estilo, tipo Guardiões da Galáxia e outros assim. Mas SW não me desce, uma pena. Fico realmente triste.. Beijoos

    ResponderExcluir
  2. Oi Andressa, o universo de Star Wars é muito rico e achei legal a ideia de trazer uma série com histórias alternativas da linha temporal. A capa é muito bonita e acho que uma vez que o leitor se acostume com a narrativa, como aconteceu contigo, vai encontrar uma história muito boa e cheia de ação. ;)

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Bom, quando o assunto e sobre Star Wars, eu basicamento fico perdida, na realidade não entendo nada dessa serie e também nem dos filmes, eu já tinha assistido um, que lançou recentemente mas mesmo assim fiquei sem entender a historia, agora não sei se nos livros é a mesma coisa ou terá mais detalhe para me mostra!

    ResponderExcluir
  4. Esse livro é uma boa pedida pra quem curte esse universo né?
    Infelizmente, não é o meu caso rs. Confesso que não curto muito não essa história. Não consegue me prender sabe!
    Mas parece ser um livro interessante, claro! As capas chamam bastante a atenção né!?
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  5. Boa tarde Andressa!
    Tenho muita curiosidade de assistir aos filmes da saga Star Wars, assim como de ler os livros. Mas acho que, se fosse começar a ler as histórias escritas, não começaria por este, pois acho que é mais pra quem realmente é fã da série, com cenas maçantes, como você disse. Não sou muito fã de descrições tão detalhistas.
    Enfim, a resenha é um prato cheio para quem é fã da série e comemora a mesma no dia 4 de maio.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  6. Star Wars nunca foi muito meu estilo, não entendo nada quando o assunto é esse. Apesar de parecer interessante, para quem gosta, não acho que seria um livro que eu compraria. Mas a capa é incrível. Beijos

    ResponderExcluir
  7. Acredita que nunca li ou vi nada de star wars? Meus amigos até hoje brigam comigo por isso kkk
    Tenho que tirar um fim de semana para pelo menos ver os filmes!
    Dei esse livro de presente pra um amigo e ele adorou *-*

    ResponderExcluir
  8. Apesar de achar a série Star Wars, interessante, envolvente, e cativante, confesso que nunca me interessei pela leitura, pelo fato de aborda um gênero que não costuma me despertar interesse. Da para notar que esse livro te envolveu do começo ao fim, e te despertou vontade de ler a continuação. Para quem e fan ou se interessa pela série, com certeza vai adquirir essa obra.

    ResponderExcluir
  9. Oi Andressa!
    Aprendi a gostar de Star Wars faz dois anos. Isso porque um amigo meu é doido pela história. Só assisti aos filmes e pretendo ler os livros, ou, pelo menos começar a ler esse ano né.
    Espero gostar tanto quanto você.
    Beijokas
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  10. Oi. Não conheço nada sobre esse universo Star Wars, mas tenho muita vontade, pretendo fazer uma maratona para assistir aos filmes e depois quero ler os livros que ouvi dizer serem muito bons, assim como a sua resenha me comprovou que esse é.

    ResponderExcluir
  11. Oi Andressa!
    Não consigo acompanhar os livros ou os filmes de Star Wars, alem de ser tanta coisa, não sinto nenhum interesse :(
    Eu fico pensando se não vou me arrepender de estar perdendo algo que possivelmente eu gostaria... Quem sabe um dia assisto alguma coisa rs
    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Oi Andressa,
    Eu gosto do universo de Star Wars, mas tive pouca experiência com as histórias através de alguns filmes e já faz muito tempo que os assisti, portanto, não me recordo com detalhes de tudo o que aconteceu. Essas novas histórias que estão sendo contadas são ótimas para mostrar ao leitor outras ambientações das guerras e inserir os jovens da atualidade neste mundo tão complexo. Tem alguns pontos de maior destaque neste livro como a trama política, pois aí teremos um claro exemplo do quanto ela pode afeta e influenciar nas guerras e os treinamentos dos pilotos, pois deve ser algo bem interessante de acompanhar.

    ResponderExcluir
  13. Andressa!
    Como boa fã do Star Wars, claro que tenho vontade de ler o livro, mesmo com sua observação de que tem trechos mais lentos e descritivos, na verdade, gosto de livros bem descritivos, porque gosto dos detalhes, ainda mais quando se trata de ficção, porque preciso entender como as coisas funcionam direitinho.
    FELIZ DIA DAS MÃES!
    “Sê humilde para evitar o orgulho, mas voa alto para alcançar a sabedoria.” (Santo Agostinho)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE MAIO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. eu adoro star wars, mas ainda não tive oportunidade de ler nenhum livro das séries
    sem falar que foram tantos lançamentos que eu me perdi na ordem, mas enfim
    eu gosto muito de um livro de ficção e obrigada por avisar que tem horas que o livro é meio arrastado
    assim quando eu for ler eu não desisto, pois sei que fica melhor
    obrigada

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Também acho bem interessante esses livros do universo Star Wars, já li alguns que gostei muito e acho o tema explorado nesse livro bem interessante, pois quase não vemos falar muito deles no filme, porém acho que por se tratar de um Esquadrão e as cenas serem mais visuais, acaba mesmo ficando arrastado as cenas, por isso esse é um livro que não daria certo comigo !!

    ResponderExcluir
  16. Oi, Dessa!
    Star Wars é uma franquia muito amada por várias pessoas, e não nego que já tive uma ou outra curiosidade nos filmes, mas no fim das contas continua não sendo um enredo que me chama a atenção de verdade. Interessante, para quem gosta, essa expansão através dos livros, que mesmo sendo apenas lendas devem ser ótimos para ambientar o universo tão famoso. É complicado mesmo a questão da descrição, meu ritmo de leitura cai ainda mais quando isso acontece, mas bom saber que apesar disso a ação é constante e consegue avançar sem maiores problemas. Ainda que não seja uma dica em especial para mim, já que fico toda perdido nos termos e universo da saga e dos livros, é uma boa pedida para quem curte Star Wars mesmo! Que bom que gostou!
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ SammySacional.blogspot.com.br ♥
    ♥ DandoUmadeEscritora.blogspot.com.br ♥

    ResponderExcluir