terça-feira, 4 de abril de 2017

[Resenha] Obsidiana

|
Autora: Jennifer L. Armentrout
Páginas: 320
Editora: Valentina
Série: Lux, 1
Começar de novo é um saco.
Quando a gente se mudou para o interior, bem no início do último ano do colégio, eu já vinha me preparando para o sotaque caipira, o tédio, a internet lenta e um monte de chatices…Até dar de cara com o meu vizinho lindo, alto de dar tontura e com intimidantes olhos verdes. Hummm…os prognósticos estavam melhorando.
Até que…ele abriu a boca.
Daemon é irritante. Arrogante. Dá vontade de matar. A gente não se dá bem. Não mesmo. Mas, quando um caminhão quase me transforma em panqueca, o garoto literalmente congela o tempo com um aceno de mão e aí, bom, algo inesperado acontece.
O alien gato (meu vizinho) tem poderes!!!
Você me ouviu bem. ALIEN! A verdade é que ele e a irmã têm uma galáxia de inimigos que querem roubar seus poderes. O rastro que deixou em mim brilha como árvore de natal e isso não é nada bom. O único jeito de sair viva dessa é ficar colada em Daemon até a magia alienígena desaparecer.
Quer dizer, isso se eu não matar o cara primeiro.

Obsidiana é o primeiro livro da série Lux, da autora Jennifer L. Armentrout, e publicado no Brasil pela Editora Valentina. Eu já li outra obra da autora, Não olhe para trás, então já conheço sua escrita, e gosto bastante. A primeira obra que eu li dela é um drama, já Obsidiana é um romance sobrenatural, e fazia tempo que eu não lia um tão envolvente quanto este. Eu adorei o enredo, principalmente por ter como tema alienígenas, que eu adoro e vejo poucos livros do tipo. Eu confesso que li tanta crítica positiva sobre a obra que fiquei com certo receio de que eu acabasse não gostando, mas realmente a leitura é maravilhosa.

Após a morte do pai, a mãe de Katy decide mudar de cidade para recomeçar a vida e tentar deixar a dor, que vem com as lembranças daquele ambiente conhecido, menor. As duas vão para uma cidade pequena, onde todos se conhecem, mas também onde parece ter algo estranho. Quando descobre que na casa ao lado há dois adolescentes aparentemente da mesma idade da filha, a mãe de Katy a obriga a se apresentar e se enturmar. A garota bem que tenta, mas quem a atende na porta é Daemon, um garoto lindo, sexy e... um babaca. Katy sente um ódio profundo dele e de sua arrogância! Em contrapartida, Daemon tem uma irmã encantadora, Dee logo vira amiga de Katy, e mesmo o irmão implicando com esse relacionamento, ela não lhe dá ouvidos.

O segredo desses dois irmãos não é revelado logo no início, mas sabemos o que é. Mesmo assim é interessante como Katy vai levando tudo isso, há várias indiretas e pistas que ela pensa ser coisa de sua imaginação, até que em um momento de perigo Daemon acaba revelando quem é para salvá-la. Ela então descobre que eles são alienígenas, do planeta Lux, que agora não existe mais por conta de seus inimigos das sombras, os Arum. Os Arum roubam os poderes dos Luxen antes de matá-los, e por isso, eles tentam viver escondidos. Porém, quando um Luxen usa seu poder perto de um humano, este humano fica com um rastro, que se houver um Arum por perto irá saber que seus inimigos estão próximos. E claro que Katy fica marcada, e não uma, mas várias vezes.

Obsidiana tem uma premissa previsível, talvez por sabermos que se tratam de alienígenas, menos a personagem, porém, é sempre o desenvolvimento que ganha o leitor nestes casos. E neste livro realmente o desenvolvimento é marcante, intenso e envolvente. Eu gostei bastante das reviravoltas e de como a autora conduziu Katy até a situação em que a deixou à par do grande segredo de Daemon e Dee. Foi uma leitura bastante divertida também. Daemon e Katy parecem cão e gato brigando.

Daemon é aquele personagem que exala perigo nas atitudes, mas que no fundo tem bom coração. Sempre com uma resposta irônica na ponta da língua, ele cativa o leitor com seu charme e confiança. Eu gostei que a autora não colocou os dois personagens em um romance do nada, sabe aquele "olhei e me apaixonei?", não, o romance inicia aos poucos. Claro que é bastante clichê esse negócio de se odiar, brigar, xingar e depois se amar, mas quem se importa?!

E Katy? Gente, não tem como não amar ela! A garota é blogueira literária e nos identificamos em vários momentos com ela, principalmente a vontade de ficar em casa lendo do que fazer qualquer outra coisa. É muito legal uma personagem que nem a gente! ♥

Eu gostei muito do enredo, este primeiro volume nos apresenta um pouco dos Luxen e Arum, seus poderes e como eles fazem para sobreviver em outro planeta, mas acredito que nos próximos volumes terão ainda mais informações sobre isso. Estou bem animada para ler a continuação.

A capa é muito linda, representa bem Daemon com seus olhos verdes e sedutores. A diagramação está bem caprichada, gostei bastante da edição. Um romance sobrenatural apaixonante e bem escrito. Recomendo a leitura!

6 comentários:

  1. kkkkkkkkkkk, eu achava que Obsidiana era um livro nacional, e vala descubro que não é e que além disso, é uma Quintologia? Como assim produção, eu estava bem tapada nesse livro, lesei mesmo e agora que li, sabendo que é extremamente clichê, mesmo assim já quero ler, e achei curioso o nome dos títulos serem pedras preciosas, fiquei curiosa por saber o que isso tem a ver com a história propriamente dita!

    ResponderExcluir
  2. Oi Andressa, tudo bem?
    Não importa muito se já sacamos a história no começo né. Já li inúmeros livros que eram previsíveis mas que o autor fez valer cada palavra escrita. Sinceramente, essa é a primeira resenha que leio desse livro. Acho que é porque ele nunca chamou minha atenção sabe, e por isso não sabia que se tratava de alienígenas. Acho que li pouquíssimos livros com esse tema até hoje.
    Beijokas
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  3. Oi.
    Estou bastante curiosa com essa série há um tempinho, e confesso que boa parte é apenas pela sinopse divertida.
    mas como tenho problemas de ansiedade, prefiro esperar a série estar completa antes de comprá-la e iniciar a leitura.

    ResponderExcluir
  4. Desde a primeira vez que vi essa capa que eu estou querendo ler esse livro. Não conheço a escrita da autora, mas tenho lido algumas resenhas positivas sobre Obsidiana, só não gostei de saber que algumas coisas são previsiveis, mas saber que a personagem nos conquista já é um ótimo ponto positivo.

    ResponderExcluir
  5. Oi Andressa,
    Sempre fui muito apaixonada por romance sobrenatural e, por isso, essa série esta na minha lista de desejados. O que gosto da sinopse de Obsidiana é que a história se iniciará em um drama, devido a morte do pai de Katy e isto é algo que me prende bastante. Depois disso os elementos principais do livro serão inseridos e é aí que a autora nos apresentará Daemon. Confesso que muitos pontos do plot me parecem bastante clichês, mas por se tratar de aliens estou esperando que a autora surpreenda com uma escrita envolvente e alguns elementos únicos. E estou feliz em ver que a editora já lançou o 3º volume da série, assim não precisarei esperar uma eternidade para dar seguimento.

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    De tanto ler resenhas e comentários sobre essa série, tenho curiosidade!
    A premissa não chama muito minha atenção, mas se tiver uma oportunidade, vou ler sim. Parece uma leitura bem divertida e os personagens cativantes.
    Ótima resenha!
    Beijos.

    ResponderExcluir