quarta-feira, 30 de março de 2016

[Resenha] Os primeiros anos

| 11 comentários
Autor: Alexandre Callari
Páginas: 336
Editora: Generale
Série: Apocalipse zumbi, 1
O caos reina no mundo. A civilização entrou em colapso. As comunicações, a energia elétrica e a vida em sociedade, como a conhecemos, praticamente se extinguiram. Nem toda nossa tecnologia foi capaz de nos proteger e evitar que dois terços da humanidade morressem. Os poucos que sobreviveram estão exaustos e tentam reunir o que ainda resta das suas forças e recursos para se manterem vivos. E, para piorar, eles não estão a sós. Dia e noite, são perseguidos pelos contaminados - sempre à espreita com seus olhos vermelhos, pele pálida, dentes podres e uma terrível sede de sangue e de carne humana. Nesse cenário de terror e desesperança, Manes luta desesperadamente para manter sua comunidade unida. Ela subsiste em uma construção cercada por paredes de concreto chamada Quartel. Porém, quando alguns de seus membros estão em apuros do lado de fora, sendo cruelmente caçados pelos contaminados, Manes parte para resgatá-los. A sua ausência e a chegada do enigmático Dujas abalam severamente o tênue equilíbrio interno do Quartel, colocando em risco a vida de todos.
O perigo e o medo tomarão conta deste, que é um dos poucos redutos em que homens e mulheres vivem em "segurança". Cheio de intrigas, mistério e horror, Apocalipse Zumbi é uma aventura de ficção eletrizante, com muitos elementos de realidade que mexerão com a mente e o coração dos leitores. Alexandre Callari oferece nesta obra o melhor do gênero zumbis e, ao mesmo tempo, cria um mundo à parte, que conta com suas próprias regras e lógica. Bem-vindo ao universo de Apocalipse Zumbi!

Apocalipse zumbi
, publicado pela Generale, é um livro nacional que tem como premissa o que o título já diz: um apocalipse zumbi. E se tem um tema que eu nunca vou cansar é esse. Posso ler trocentos livros que falem sobre zumbis e eu vou continuar amando. É claro que para quem lê muito sobre o mesmo tema as comparações acabam sendo inevitáveis, e ao ler esta obra foi impossível não lembrar de algumas histórias já conhecidas. Eu não vejo isso como algo negativo, eu sinceramente acho que chega uma hora que é impossível criar algo novo, porém, em Apocalipse zumbi é possível mesmo assim notar algo característico do autor, que deixou a obra com sua identidade própria. E bem, não estou aqui para fazer comparações, então vou falar o que eu mais gostei na leitura.

terça-feira, 29 de março de 2016

[Resenha] Luzes, câmeras, confusão

| 15 comentários
Autora: Kirsten Boie
Páginas: 304
Editora: Fundamento
Série: O mistério das princesas, 1
Jenna ganhou o maior presente que uma garota poderia desejar: ser uma princesa! Tudo havia começado alguns dias antes quando, entre muitas meninas, fora escolhida para representar o papel principal em um filme. E lá estava ela, na sacada de um palácio real de verdade, lindamente vestida e maquiada, acenando para uma multidão de súditos emocionados! Por algumas semanas, Jenna seria Malena, a jovem e amada princesa de Scândia, um rico e belo país onde todos eram felizes. Era como morar dentro de um conto de fadas!
Mas aos poucos Jenna começou a desconfiar que alguma coisa muito errada estava acontecendo ali. Afinal, cadê a verdadeira princesa? Como era possível elas serem tão parecidas, a ponto de confundir as pessoas? Aquele reino era mesmo um lugar perfeito?
Jenna decide investigar e acaba desvendando terríveis segredos escondidos por trás da beleza do palácio. Nada poderia estar mais distante de um conto de fadas do que aquilo! E agora? O que acontecerá com Jenna?

Luzes, câmera, confusão é o primeiro livro da série O mistério das princesas, da autora Kirsten Boie. A série conta com dois livros lançados lá fora, e a Fundamento já publicou o segundo por aqui também. O que eu mais gosto da editora, além de ter títulos ótimos, é que eles não demoram quase nada para trazer as continuações. ♥ Outro ponto que eu gosto bastante: eles lançam ótimos juvenis/infantojuvenis, um dos gêneros que eu mais gosto, tanto que na hora de solicitar os livros fico até meio indecisa. Esta obra foi uma das escolhidas porque adoro histórias com princesas, e confesso, a capa me conquistou totalmente. Eu achei ela muito linda!

segunda-feira, 28 de março de 2016

[Resenha] Nunca jamais

| 9 comentários
Autores: Colleen Hoover e Tarryn Fisher
Páginas: 192
Editora: Galera Record
Série: Never never, 1
Charlie Wynwood e Silas Nash são melhores amigos desde pequenos. Mas, agora, são completos estranhos. O primeiro beijo, a primeira briga, o momento em que se apaixonaram... Toda recordação desapareceu. E nenhum dos dois tem ideia do que aconteceu e em quem podem confiar.
Charlie e Silas precisam trabalhar juntos para descobrir a verdade sobre o que aconteceu com eles e o porquê. Mas, quanto mais eles aprendem sobre quem eram, mais questionam o motivo pelo qual se juntaram no passado.



Eu nunca havia lido nada da Colleen Hoover, até o momento, mas sempre tive curiosidade em conhecer suas obras, pois o que eu mais vejo por aí são elogios sobre suas histórias. Então, quando tive oportunidade de ler algo da Colleen não pensei duas vezes, ainda mais levando em conta o enredo de Nunca jamais que só pela sinopse deixa o leitor curioso, bem, pelo menos me deixou bastante envolvida com a trama antes mesmo de ler. Sabe aquele livro que você já espera que irá te surpreender? Eu tinha certeza que ia ser um desses casos, e depois de ler a obra, confirmei o que eu esperava. Fui arrebatada pela história e personagens. Minha única crítica: POR QUE UM LIVRO TÃO CURTO? 

domingo, 27 de março de 2016

Caixinha de correio #97

| 8 comentários
Boa tarde, galera! Durante a semana eu mostrei um pouco do que chegou na minha caixa postal, e hoje o post vai ser completo, venham conferir! *-*



Parceria



Ganhei dois livros de presente do dia da mulher, do Gupo Editorial Record, eu achei lindo! ♥ Estou ansiosa para ler Vamos juntas?.



Chegou o primeiro livro em parceria com a Ler Editorial, e essa semana já pretendo iniciar a leitura. Eu achei a capa muito bonita! <3

[Novidades] Grupo Companhia das Letras

| 0 comentários

Olá, pessoal! Está no ar os lançamentos do mês de março do Grupo Companhia das Letras. Tem livros para todos os gostos, não deixem de conferir!


Seguinte


No subterrâneo de lugares onde é muito difícil chegar, duas antigas raças travam uma guerra milenar: os Avicen, pessoas com penas no lugar de cabelos e pelos; e os Drakharin, que têm escamas sobre a pele. Ambas possuem magia correndo nas veias,o que as possibilita se esconder de todos os humanos… menos de uma adolescente chamada Echo.Echo conheceu os Avicen quando era criança, e desde então eles são sua única família. A pedido de sua guardiã Avicen,a garota começa uma jornada em busca do pássaro de fogo,uma entidade mítica que, segundo uma velha profecia, é a única forma de acabar com a guerra de vez. Mas Echo precisa encontrar o pássaro antes dos Drakharin, ou então os Avicen podem desaparecer para sempre…


Último volume da série Só Perguntas Erradas, do mesmo autor das Desventuras em Série. O jovem Lemony Snicket começou seu aprendizado em uma organização misteriosa e partiu para Manchado-pelo-mar, uma cidade decadente onde se criavam polvos para a produção de tinta.
Sua excêntrica tutora, S. Theodora Markson, foge no meio da noite para pegar o trem rumo à cidade grande. Agora ele precisa investigar por que ela está indo embora sorrateiramente e quem ela precisa encontrar nesse trem. Mas um crime terrível acontece no meio da viagem… Quem é o culpado? Quem são os passageiros — bem suspeitos — do trem? Por que uma parada não programada acontece? Será que tudo isso faz parte dos planos do vilão Tiro Furado?


O sangue de Mare Barrow é vermelho, da mesma cor da população comum, mas sua habilidade de controlar a eletricidade a torna tão poderosa quanto os membros da elite de sangue prateado. Depois que essa revelação foi feita em rede nacional, Mare se transformou numa arma perigosa que a corte real quer esconder e controlar. Quando finalmente consegue escapar do palácio, Mare descobre algo surpreendente: ela não era a única vermelha com poderes. Agora, enquanto foge, a garota elétrica tenta encontrar e recrutar outros sangue novos como ela, para formar um exército contra a nobreza opressora. Essa é uma jornada perigosa, e Mare precisará tomar cuidado para não se tornar exatamente o tipo de monstro que ela está tentando deter.





quinta-feira, 24 de março de 2016

[Resenha] O fim da eternidade

| 6 comentários
Autor: Isaac Asimov
Páginas: 255
Editora: Aleph
Andrew Harlan é um Eterno: membro de uma organização que monitora e controla o Tempo. Um Técnico que lida diariamente com o destino de bilhões de pessoas no mundo inteiro: sua função é iniciar Mudanças de Realidade, ou seja, alterar o curso da História. Condicionado por um treinamento rigoroso e por uma rígida autodisciplina, Harlan aprendeu a deixar as emoções de lado na hora de fazer seu trabalho.
Tudo vai bem até o dia em que ele conhece a atraente Noÿs Lambent, uma mulher que abala suas estruturas e faz com que passe a rever seus conceitos, em nome de algo tão antigo quanto o próprio tempo: o amor. Agora ele terá de arriscar tudo - não apenas seu emprego, mas sua vida, a de Noÿs e até mesmo o curso da História.
Da extensa obra de Isaac Asimov, "O Fim da Eternidade" (publicado originalmente em 1955), junto com a série "Fundação e The Gods Themselves", está entre os melhores livros escritos pelo autor, e é considerada uma das mais bem-sucedidas histórias de viagem no tempo.


Para quem nunca ouviu falar do autor, segue um fato interessante: os filmes O homem bicentenário e Eu, robô foram baseados em obras do Isaac Asimov. Mas não foi isso que me chamou atenção para o livro. Foi simplesmente a sinopse que aguçou minha curiosidade, e esse título já estava na minha lista há bastante tempo, mas só recentemente consegui comprar O fim da eternidade .

terça-feira, 22 de março de 2016

[Resenha] O livro dos vilões

| 12 comentários
Autores: Cecily von Ziegesar, Carina Rissi, Diana Peterfreund e Fábio Yabu
Páginas: 320
Editora: Galera record
Pessoas boazinhas são tão chatas. Não há nada melhor do que um bom vilão. Sei do que estou falando. Também tenho meus momentos de maldade, vocês me conhecem bem...Por isso mesmo estou certa de que vão se divertir muito com este livro: Irmãs que amam sapatos e odeiam a meia-irmã - muito natural, é claro; uma madrasta hilária viciada num app para iPad e em experiências com venenos, huahuahua; um bruxa que me lembrou muito dos tempos do colégio; e um lobo com crise de consciência... vai entender!
Então vamos parar de enrolação! Se estiverem na praia, peçam uma bebida bem geladinha e ajeitem seus óculos escuros, porque é impossível parar de ler as novas histórias desses vilões cheios de classe e... maldade!

O livro dos vilões era um livro que eu estava ansiosa para ler pois, além de amar contos, os autores são bastante conhecidos e queridos entre os leitores. Quando eu vi a obra no Kindle unlimited não pensei duas vezes ao pegar para ler. O livro dos vilões foi tudo o que eu esperava, e posso arriscar dizer que até mais, porque pela primeira vez eu gostei de todos os contos. Normalmente sempre tem aquele que se sobressai, tanto para o lado bom quanto para o lado ruim, mas nesta leitura senti todas as tramas no mesmo nível de qualidade, cada uma passando sua própria mensagem.

segunda-feira, 21 de março de 2016

[Resenha] Exodus

| 14 comentários
Autora: Julie Bertagna
Páginas: 343
Editora: Farol Literário
Trilogia: Exodus, 1
Uma Escolha Capaz de Mudar o Futuro. É 2100 e o mundo como conhecemos não existe mais. As cidades estão debaixo d’água e a civilização foi revertida a um estado primitivo. Em uma ilha isolada do norte, Mara, de apenas quinze anos, tem vontade de liderar seu povo em busca de um recomeço. Esta história comovente e poderosa leva à reflexão sobre a crise climática que enfrentamos hoje e as relações humanas levadas ao extremo.




Exodus é o primeiro livro da trilogia de mesmo nome, e nela, a autora apresenta ao leitor uma distopia onde todos os anos de descaso com o planeta tiveram consequências. Eu não entendi como essa trilogia não fez tanto sucesso como tantas outras distopias, pois a trama é sensacional e a escrita da Julie fabulosa. Esse é o tipo de livro que tudo o que é descrito pode muito bem acontecer, o que só torna a leitura ainda mais incrível. Distopia é um dos meus gêneros favoritos, e confesso que até hoje não teve uma obra que eu desgostei, na verdade, está cada vez mais difícil escolher os queridinhos. Exodus com certeza entra no páreo.

domingo, 20 de março de 2016

[Novidades] DarkSide

| 0 comentários

Você ainda não viu esse filme. Mesmo que seja fã de carteirinha, e já tenha assistido a Donnie Darko mais de uma vez - ou dez, ou quinze, quem está contando? Pois a versão que a DarkSide Books está lançando na Páscoa de 2016 é inédita. Pela primeira vez no Brasil, você poderá entrar de cabeça no universo paralelo de Frank, Donnie e seu criador. Não se trata de uma adaptação do longa-metragem de 2001, e muito menos de um romance que poderia ter inspirado o cineasta Richard Kelly. Donnie Darko, o livro, apresenta na íntegra o roteiro original. A primeira materialização da história, sua chance de conhecer a visão original dessa intrigante obra-prima. Kelly escreveu Donnie Darko muito antes de conseguir ordenar luzes, câmera, ação. E mesmo sem atores, figurinos e efeitos especiais, Donnie já estava lá, angustiado com o fim do mundo anunciado por um arauto vestido de coelho.

Um detalhe interessante: boa parte da trilha sonora já estava lá, no roteiro. As canções escolhidas pelo cineasta – de bandas como Tears For Fears, Echo and the Bunnymen e INXS – ajudam a costurar a narrativa, como numa ópera pop do final dos anos 1980, período em que se passa a história. Outra curiosidade: assim como em Os Goonies (outro sucesso do cinema que virou livro pela DarkSide Books), a trama de Donnie Darko se passa às vésperas do Dia das Bruxas, data do aniversário da editora. Quem mais poderia lançar livros assim?



A história de Donnie Darko é fácil de resumir – e talvez por isso mesmo ele tenha se transformado no filme preferido de tanta gente mundo afora: um adolescente problemático, com sintomas de esquizofrenia e sonambulismo, escapa da morte quando uma turbina de avião cai no seu quarto. Ele passa a ter visões com Frank, o humano numa estúpida roupa de coelho, ou seria o contrário? Enquanto espera pelo fim do mundo (contagem regressiva em 28:06:42:12), e pelo Dia das Bruxas, Donnie enfrenta conflitos que todos nós já experimentamos em algum momento da vida: professores autoritários, a descoberta de uma paixão, hormônios à flor da pele, diálogos reticentes entre pais e filhos, a eterna busca pelo sentido da vida –- se é que ele pode mesmo ser encontrado. Além do roteiro original, Donnie Darko, o livro surpreende pelo conteúdo extra. A começar pelo prefácio exclusivo, assinado por Jake Gyllenhaal. O astro de sucessos como Zodíaco, Soldado Anônimo, Príncipe da Pérsia e O Segredo de Brokeback Mountain, que lhe rendeu uma indicação ao Oscar, até hoje é parado nas ruas por admiradores que querem saber sua opinião sobre o que realmente Richard Kelly quis contar em seu filme de estreia. E se você também está curioso, por que não ler o que o próprio diretor e roteirista tem a dizer sobre Donnie Darko, Gretchen, Frank e companhia? Kelly concede uma robusta entrevista sobre todo seu processo de criação. Uma verdadeira aula sobre o amor ao cinema e as armadilhas da indústria do entretenimento.



Richard Kelly é filho de um físico da nasa e de uma professora de língua inglesa. Estimulado pelos pais, estudou literatura e artes plásticas desde cedo, e ganhou uma bolsa na faculdade de cinema da usc, na Califórnia. Aos 25 anos, dirigiu seu primeiro longa-metragem, o fenômeno Donnie Darko, considerado pela revista Empire o segundo melhor filme independente de todos os tempos, perdendo apenas para Cães de Aluguel, de Quentin Tarantino. Em 2009, dirigiu Cameron Diaz em A Caixa (2009), longa inspirado num episódio clássico de Além da Imaginação.

[Novidades] Arqueiro

| 1 comentários

Boa noite, pessoal! Está no ar os últimos lançamentos da editora Arqueiro, tem bastante coisa boa, confiram! ;)

Arqueiro


Após tomar a difícil decisão de deixar a filha no século XX e viajar no tempo novamente para reencontrar seu grande amor, Claire Randall tem mais um desafio: criar raízes na América colonial do século XVIII ao lado de Jamie Fraser. Eles partem rumo à Carolina do Norte para encontrar um novo lar e contam com a ajuda de Jocasta Cameron, tia de Jamie e dona de uma propriedade na região.
Enquanto isso, em 1969, Brianna Randall se une a Roger Wakefield, professor de história e descendente do clã dos MacKenzie, para encontrar as respostas sobre as próprias origens e sobre Jamie, o pai biológico que nunca conheceu.
Em meio às buscas, ambos encontram indícios de um incêndio fatal envolvendo os pais de Brianna. Mas Roger não pode lhe contar isso, porque sabe que a namorada tentaria voltar no tempo e salvá-los. Por outro lado, Brianna também não compartilha sua descoberta, pois tem certeza de que Roger tentaria impedi-la.

Para Durzo Blint, matar é uma arte... e ele é o artista mais talentoso da cidade. Temido por muitos, Durzo é uma lenda viva com as mãos manchadas de sangue e nenhuma culpa pelas vítimas que deixa pelo caminho.
Esse mundo sombrio também não é novidade para o jovem Azoth. Sobrevivendo entre becos sujos, ele aprendeu que a esperança é uma piada. Pelas regras das guildas, crianças são agredidas e surradas todos os dias.
Tentar contestar essa realidade seria um risco alto demais. Mas quando a morte se torna questão de tempo para ele e seus amigos, Azoth se vê forçado a vencer o medo e agarrar a chance de virar um derramador, um assassino. Ele precisa se tornar discípulo de Durzo Blint.
Para ser aceito, o garoto abandona sua antiga vida e abraça uma nova identidade. Ao se tornar Kylar Stern, ele aprenderá a transitar no mundo dos nobres, sobreviver às magias de seus inimigos e cultivar uma amizade muito especial: a da escuridão.

Caroline Piasecki vê sua vida se transformar em um pesadelo quando o ex-namorado espalha fotos dela nua na internet. De uma hora para outra, sua reputação é arruinada e o futuro promissor que a aguardaria após a faculdade já não parece tão garantido. Desesperada, ela tenta fazer com que as imagens sumam da rede e, ao mesmo tempo, procura se defender da multidão de pessoas que a julgam.
Um dia, quando um cara que ela mal conhece sai em sua defesa e dá uma surra em seu ex-namorado, tudo muda. À primeira vista, West Leavitt é a última pessoa de quem Caroline deveria se aproximar – ele tem um ar sombrio e ganha a vida de forma ilícita. Ela, por sua vez, é o tipo de garota que West sempre tentou evitar. Rica e privilegiada, jamais entenderia as dificuldades pelas quais ele já passou.
Mesmo com todas as diferenças, os dois se tornam amigos. Com Caroline, West sente que fará de tudo para ser um homem melhor, e ela encontra nele a força para reagir. Quando parece impossível resistir à paixão avassaladora, West e Caroline descobrem que às vezes a única opção que resta é ir mais fundo.

A vida de West Leavitt foi do céu ao inferno em poucos meses. Ele achava que era possível ter um futuro melhor, mas acabou retornando para os dramas diários de sua família. Agora, em meio a uma tragédia, o rapaz não sabe o que fazer para ajudar Frankie, sua irmã caçula. Quando ele está prestes a desmoronar, só uma pessoa lhe vem à mente: a jovem segura e determinada que ele um dia pensou merecer.
Longe dali, Caroline Piasecki sonha mais uma vez com West: a pele contra o seu corpo, o cheiro dele, a mão deslizando pela sua barriga... Mas sonhos são apenas sonhos. Ela sabe que o ex foi embora e não vai voltar. Por mais doloroso que seja, Caroline precisa se esquecer do tempo que passaram juntos. Até que seu celular toca e um West transtornado está do outro lado da linha. Sem pensar duas vezes, Caroline vai ao seu encontro.
Só que muita coisa mudou desde que eles terminaram. West tenta afastar Caroline de sua vida de todas as maneiras. Ao mesmo tempo, o desejo que sentem um pelo outro parece ter ficado até mais forte no período em que estiveram separados. West ainda sente algo por ela, mas não se considera uma boa companhia para ninguém. Caroline quer estar nos braços de West, mas sabe que deve partir para que ele não sofra.
Nesse embate de emoções, eles precisarão encontrar os próprios caminhos e descobrir: por mais intenso que seja o laço que os une, ainda é possível um recomeço?

Duas meninas encontram um livro mágico e cada uma se vê envolvida numa história que parece ser contada sozinha.
Kai chega ao Texas para visitar sua tia-avó Lavinia – uma senhora extravagante, durona e fã de hip-hop. Do outro lado do mundo, no Paquistão, Leila deseja ser tratada como uma princesa pela família de seu pai e viver fortes emoções.
Elas só não fazem ideia de que seus mundos completamente diferentes estão prestes a se chocar graças a um enigmático livro em branco.
Quando Kai escreve no livro, suas palavras magicamente aparecem no exemplar de Leila. As meninas então percebem que O cadáver excêntrico reage a cada frase acrescentada – não importa se foi inspirada pelo ataque de um chihuahua ou por um mal-entendido com uma cabra – com um trecho da história de amor vivida por Ralph Flabbergast e Edwina Pickle mais de cinquenta anos antes.
Uma história incomum sobre livros e magia entrelaça essas três perspectivas – de Kai, Leila e Ralph – de uma forma divertidae emocionante. É uma narrativa mágica sobre o destino e os laços invisíveis que nos ligam uns aos outros.

A sonhadora Calpúrnia Hartwell sempre fez tudo exatamente como se espera de uma dama. Ainda assim, dez anos depois de ser apresentada à sociedade, ela continua solteira e assistindo sentada enquanto as jovens se divertem nos bailes. Callie trocaria qualquer coisa por uma vida de prazeres.
E por que não se arriscar se, aos 28 anos, ela já passou da idade de procurar o príncipe encantado, nunca foi uma beldade e sua reputação já não lhe fará a menor diferença? Sem nada a perder, a moça resolve listar as nove regras sociais que mais deseja quebrar, como beijar alguém apaixonadamente, fumar charuto, beber uísque, jogar em um clube para cavalheiros e dançar todas as músicas de um baile. E depois começa a quebrá-las de fato.
Mas desafiar as convenções pode ser muito mais interessante em boa companhia, principalmente se for uma que saiba tudo sobre quebrar regras. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, para acompanhá-la? Afinal, além de charmoso e devastadoramente lindo, ele é um dos mais notórios libertinos de Londres.
Contudo, passar tanto tempo na companhia dele pode ser perigoso. Há anos Callie sonha com Gabriel e, se não tiver cuidado, pode acabar quebrando a regra mais importante de todas – a que diz que aqueles que buscam o prazer não devem se apaixonar perdidamente.


sábado, 19 de março de 2016

[Resenha] Amazônia - Arquivo das almas

| 8 comentários
Autor: Paul Fabien
Páginas: 332
Editora: Isís
Em um futuro não muito distante um casal de oficiais, Vitã e Helena, participam de várias campanhas militares. Em todas as oportunidades lutam para defender a grande floresta Amazônica. Eles não imaginam que uma nova missão irá lançá-los na mais espetacular e perigosa das aventuras. O grande enigma começaria dentro da Amazônia, um lugar inóspito e assustador repleto de mistérios e grandes perigos. Após vários confrontos se deparam com as cavernas de Abisinia, na Colômbia, onde encontram a origem do verdadeiro mal e descobrem antigos segredos gravados em inscrições cuneiformes, registradas por outras civilizações pré-diluvianas.

Eu simplesmente adoro livros de ficção científica! Mas não é só ser do gênero e, pronto, gostei, não. A história tem que ser bem desenvolvida, tem que ter elementos criativos, pode até ter algo já visto em outras histórias, mas tem que ter sua identidade própria. E foi o que o nosso autor parceiro fez, uma ficção científica totalmente original, pois se passa na Amazônia, onde ele utiliza da cultura do país, mas em uma época futura, com tecnologias extremamente avançadas. Eu sinceramente não sei porque não havia lido a obra antes, pois desde o início a trama me chamou a atenção, mas foi passando o tempo e... Demorei séculos para ler, e me arrependo, pois a leitura foi sensacional do início ao fim.

quinta-feira, 17 de março de 2016

[Resenha] Eu amo New York

| 10 comentários
Autora: Lindsey Kelk
Páginas: 292
Editora: Fundamento
Série: I heart, 1
Será que fugir do ex-noivo rumo ao destino mais vibrante e inesquecível do planeta pode ser o suficiente para curar um coração partido? Para Angela Clark, a inglesa mais indecisa do mundo... sim! Com um pouco mais do que um par de sapatos Louboutin e seu passaporte, é New York - a cidade onde a vida pulsa de verdade - que Angela escolhe como seu destino de aventuras. E lá encontrará a ajuda da pessoa mais antenada da cidade, Jenny, sua nova melhor amiga. Indecisa entre dois homens ma-ra-vi-lho-sos, tentada pelas vitrines das lojas mais famosas do mundo e com medo de ter que voltar para Londres, Angela terá que tomar muitas decisões. E o mais importante: ela relata essas experiências para os leitores do blog de uma revista famosa! Hummm... será que isso vai dar certo?! E será que Angela vai querer chamar NY de “casa” para sempre? E você? Depois de uma temporada em NY, não iria querer chamar essa cidade fabulosa de “casa” também?

Eu amo New York foi um livro que eu precisei solicitar depois de ler tantas resenhas elogiando a trama. E sinceramente? Eu não esperar gostar tanto quanto eu gostei. Eu me diverti muito com a personagem, e não digo de dar altas gargalhadas, nem nada do tipo, mas sim, de me arrancar sorrisos e imaginar algumas cenas cômicas que a personagem principal passou. A autora escreveu um chick lit leve e, ao mesmo tempo, com certa dose de drama, afinal, não é nada bom ficar por dez anos com uma pessoa e descobrir que ela anda te traindo com a parceira de tênis, não é?

[Novidades] Grupo Editorial Record

| 1 comentários

Boa noite, pessoal! Está no ar os últimos lançamentos do Grupo Editorial Record. Mas já aviso, tem muito livro bom, prepare o bolso! :D

RECORD


O capitão da Confederação Nathaniel Starbuck regressa à linha da frente da Guerra de Secessão, mas ainda não consegue escapar de suas raízes nortistas. E é apenas questão de tempo até ser acusado de espionagem. Para limpar seu nome, ele terá de encontrar o verdadeiro traidor. Conseguirá Nathaniel restaurar a honra de seu nome? Bernard Cornwell é um autor de sucesso, com diversos livros best-sellers no Brasil e no mundo. Traidor é o segundo livro da série As Crônicas de Starbuck, de Bernard Cornwell.
Care Santos conduz o leitor a uma encantadora história que atravessa séculos e une três mulheres: Sara, proprietária de uma das confeitarias mais tradicionais de Barcelona; Aurora, criada fiel de uma família aristocrata; E Mariana, esposa do fabricante de chocolate mais famoso do século XVIII e inventor de uma prodigiosa máquina que acaba virando alvo de conspiração.


quarta-feira, 16 de março de 2016

[Novidades] DarkSide

| 2 comentários


O morcego e a caveira finalmente juntos

Era inevitável: o Cavaleiro das Trevas e a DarkSide® Books acabam de unir forças. E já podemos avistar o bat-sinal do que vem por aí: uma das mais sombrias aventuras do eterno Homem-Morcego. Batman: Arkham Knight é a adaptação literária oficial do game que conquistou fãs e críticos em 2015. Uma parceria entre a DC Comics, a Warner e a DarkSide® Books que virá com aquele padrão quase psicopata de qualidade que os fãs brasileiros merecem. Se você já jogou Arkham Knight, prepare-se para reviver a história com uma resolução muito maior que a de qualquer console ou pc: a da sua imaginação. As páginas do romance têm adrenalina de sobra, e mesmo quem não é íntimo dos videogames vai se sentir explorando os becos escuros de Gotham City.




Tudo começa um ano após a morte do Coringa. A cidade, que havia se transformado num hospício a céu aberto, finalmente volta à sua rotina normal. Mas é claro que a paz não pode ser duradoura em uma metrópole que esconde vilões como Charada, Pinguim, Hera Venenosa, Arlequina e Duas Caras.
Desta vez, quem inicia uma nova onda de terror é o insano Espantalho. Na noite do Dia das Bruxas (31 do outubro, aniversário da DarkSide® Books!), o vilão detona um ataque químico para demonstrar o poder de sua toxina do medo. Os infectados sofrem delírios terríveis e, em seu desespero, acabam matando uns aos outros. Quase 6 milhões de habitantes fogem às pressas. Mas um certo herói jamais deixaria sua cidade natal à mercê dos bandidos. Com o apoio de Robin, Oráculo, Asa Noturna, Alfred e do comissário Gordon, Batman parte para a batalha. Munido de inteligência dedutiva, resistência física invejável e aparatos tecnológicos que nem os exércitos mais bem armados do mundo têm acesso, Bruce Wayne não necessita de superpoderes – o que não significa que essa vai ser uma tarefa fácil... Dois inimigos fatais surgem para desafiar o Homem-Morcego. O primeiro é o misterioso Cavaleiro de Arkham – um assassino com habilidades e armadura tão semelhantes às do herói mascarado que é quase como se Batman enfrentasse um clone. E para desequilibrar ainda mais essa luta, o segundo inimigo surge do nada. Mas ele não estava morto? O Coringa está de volta... ou é só um delírio? Descubra nas páginas de Batman: Arkham Knight. Pronto para jogar?

Ficha Técnica
Título | Batman: Arkham Knight
Autor | Marv Wolfman
Tradutor | Alexandre Callari
Editora | DarkSide®
Edição | 1a
Idioma | Português
Especificações | 280 páginas (estimadas), Limited Edition (capa dura)
Dimensões | 16 x 23 cm
.










Sabe do que elas são capazes? Que tal mudar a história da literatura e deixar um legado que segue influenciando a arte e a cultura pop 200 anos após sua criação? Mary Shelley tinha apenas 19 anos quando escreveu Frankenstein, marco do terror e da ficção científica.

Empoderada desde o berço, Shelley era filha de ninguém menos que Mary Wollstonecraft, a autora do primeiro tratado feminista da história, “A Reivindicação dos Direitos da Mulher”, de 1792! Mary Shelley foi uma estudiosa de filosofia e ciências, além de defensora do amor livre – 150 anos antes de Woodstock.

Mulheres como Mary Shelley inspiram. Revolucionam. Dão vida a tudo. E merecem destaque. A DarkSide® Books prepara uma edição digna da obra-prima de Mary Shelley para o segundo semestre de 2016.

FRANKENSTEIN é o primeiro título da coleção Medo Clássico DarkSide®. E uma homenagem a todas as nossas autoras, leitoras e mulheres que transformam diariamente o mundo. Deveríamos ter 365 Dia Internacionais das Mulheres.

segunda-feira, 14 de março de 2016

[Resenha] Herdeiro de Sevenwaters

| 16 comentários
Autora: Juliet Marillier
Páginas: 496
Editora: Butterfly
Série: Sevenwaters, 4
O domínio de Sevenwaters é um lugar remoto, estranho, guardado e preservado por homens silenciosos e criaturas encantadas, além dos sábios druidas, que deslizam pelos bosques vestidos em seus longos mantos...Os chefes do clã de Sevenwaters têm sido, geração após geração, os guardiões de um dos últimos refúgios dos Tuatha De Danann, os Seres da Floresta. É nesse cenário, rodeado pela floresta de Sevenwaters, que humanos e criaturas do Outro Mundo convivem ao mesmo tempo em harmonia e desconfiança. Quando Lady Aisling dá à luz um novo herdeiro de Sevenwaters, cabe à sua filha Clodagh a responsabilidade pela casa e pelo irmão. Porém, ele é raptado, e em seu lugar é deixado um ser que pouco lembra um bebê humano. Para recuperá-lo, Clodagh tem que se aventurar no Outro Mundo, acompanhada por um misterioso guerreiro, e enfrentar o poderoso príncipe que agora reina. E a recompensa pode ser maior do que ela imagina...

Quando eu finalizei Filha da profecia achei que era o último da trilogia, tanto que na minha resenha eu mostro o quanto fiquei chateada pelo término. No entanto, não aceitei esse fim muito bem, e não falo isso por o final ter sido em aberto, ruim ou algo do tipo, ele foi perfeito, mas simplesmente não podia acabar a história de Sevenwaters ali, Juliet precisava escrever mais sobre essa mitologia linda e envolvente... E ao procurar por aí, vi que realmente tinha mais um livro da série. Na verdade, um não, mais três! Eu fiquei tão feliz quando descobri isso que corri no twitter para perguntar a Butterfly se eles iriam lançar o quarto livro, Herdeiro de Sevenwaters, o que eles responderam que sim!! Eu sou apaixonada por essa série, acho ela incrível e muito bem escrita, então morri de felicidade quando a editora lançou não muito tempo depois essa continuação. ♥

domingo, 13 de março de 2016

Caixinha de correio #96

| 6 comentários

Boa noite, leitores! Essa semana tenho vários livros para mostrar para vocês. Fui sexta na minha caixa postal e saí de lá com um monte de pacotes! ♥ Vamos conferir?


Parceria



Recebi a solicitação de fevereiro da Arqueiro, e sinceramente não sei por qual leitura começar. A garota sem passado parece ser um thriller intenso e envolvente, mas ao mesmo tempo estou louca para ler as continuações, O leão ferido e Era uma vez no outono, de duas séries que eu estou adorando. E agora? :(



Recebi da Gutenberg o lançamento da Lisa Kleypas. Nem sabia que eles iam começar a lançar livros dela também, e já amei! ♥



Corte de espinhos e rosas recebi de surpresa da Galera, e que livro lindo, gente (e enorme), estou ansiosa para ler. E Nunca jamais é uma das solicitações de fevereiro da Record, em breve tem resenha.



Mais um livro da Rachel Gibson! ♥ Recebi da editora o lançamento, e estou ansiosa demais para ler, eu amo essa mulher!


Trocas



Como é viciante trocas livros no Skoob, né? Não consigo mais parar! hahaha E o bom é que consigo livros que quase ninguém mais quer, mas que eu não tenho dinheiro para comprar no momento. Entrevista com o vampiro é o primeiro da série Crônicas vampirescas, e pretendo conseguir mais alguns antes de iniciar ela. Mortal é uma série que eu tenho na estante totalmente fora de ordem, estou tentando conseguir os que faltam para poder ler na ordem correta. E o livro de Pretty little liars é o quarto da série, já li o primeiro, mas quero ler a série sem interrupções, então também quero conseguir boa parta dela.

sábado, 12 de março de 2016

Três anos de Apenas um Vício !

| 35 comentários

Dia onze de março o blog completou TRÊS anos de existência! O post atrasou, mas ainda está valendo, né? Eu nem acredito que já estamos completando três anos, sinceramente, não achei que eu iria tão longe, mas escrever no blog se tornou muito mais que um hobby. ♥ O que ajudou o blog a crescer, foram vocês leitores, e eu só posso agradecer por esse carinho todo. Através de vocês, o blog conseguiu parcerias com autores e editoras, e ok, ganhar livro é bom, mas o que mais me anima quando o blog entra na lista de seleção é saber que o trabalho está sendo reconhecido e tendo um bom retorno. Tendo em vista isso, quero agradecer algumas editoras que são parceiras do blog desde quando ele não tinha nem um aninho: DarkSide, Farol Literário, Petit, Butterfly, Chiado, Única, Geração, Aleph, Grupo Pensamento, Faro Editorial, Belas-Letras e Tordesilhas. Essas editoras acreditaram no blog quando ele ainda não tinha muitos acessos, comentários ou seguidores, e continuam parceiras até hoje, então só posso agradecer! Muito obrigada também aos autores que assim como eu, estavam iniciando seu trabalho e mesmo assim confiaram no blog para resenhar seus livros. Às editoras e autores que o blog conseguiu com o tempo: vocês também têm uma grande importância no amadurecimento do Apenas um vício, muito obrigada! ♥

E antes de falar da parte que vocês adoram (promoções! <3), eu quero deixar um aviso: esse ano o Apenas um vício vai estar presente na Bienal de São Paulo! *comemora* Então quero conhecer todos vocês, leitores, autores, editoras e blogueiros! ♥

E claro que não podia faltar sorteio! Esse ano não tive tempo de preparar uma gincana, mas tem muiiitos livros e vários ganhadores, então participem! O banner abaixo vai direcioná-los a uma página onde estão todos os sorteios ativos de 3 anos do blog, pode ser que mais kits apareçam, então fiquem ligados! E ah, vai ter sorteio no insta e página do face também. ;)


sexta-feira, 11 de março de 2016

[Resenha] Olhe pra mim

| 10 comentários
Autora: Adriana Chiovatto
Páginas: 156
Editora: Vermelho marinho
Tati é uma menina linda e inteligente, mas bastante tímida, quando se trata de garotos. Tudo parece perfeito em sua vida: tem pais legais, vai bem na escola e tem as duas melhores amigas do mundo: Mi e Dani, que a apoiam em tudo. Sua vida, porém, vira de cabeça pra baixo quando se apaixona por Rafa, o garoto mais bonito do colégio, pois, apesar de ser legal e gentil com todo mundo, Rafa parece nunca sequer olhar pra ela. As coisas só pioram quando os dois caem no mesmo grupo do trabalho de Artes. Agora, Tati precisa aprender a lidar com seus sentimentos enquanto trabalham juntos, tentando fazer de tudo para que o menino de seus sonhos olhe pra ela.

 Olhe pra mim é o livro de estreia da Adriana Chiovatto, e posso dizer sinceramente que ela começou muito bem! Que escrita cativante e que trama fofa, enquanto eu lia a obra me lembrava muito dos meus tempos de adolescente. Daquele amor inocente, dos olhares, da insegurança. A autora criou um enredo jovem, e que permite ao leitor vivenciar novamente essa época tão boa, em que tudo era mais simples. Aos leitores que ainda estão nesse idade, a leitura vai ser uma ótima forma de entender o mundo adolescente, amizades e... garotos! No entanto, acho que a trama mesmo se encaixa mais no período em que vivenciei isso do que atualmente, ultimamente as garotas estão mais maduras, e acho que nem todas têm ou vão ter essa experiência mais pura, em que apenas um olhar era a coisa mais maravilhosa do mundo.

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a Seguinte

| 77 comentários

Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terá apenas um ganhador;
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.

a Rafflecopter giveaway

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a Fundamento

| 48 comentários

Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terá apenas um ganhador;
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.


a Rafflecopter giveaway

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a Geração editorial

| 58 comentários

Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terá apenas um ganhador;
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.

a Rafflecopter giveaway

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a Companhia Editora Nacional

| 42 comentários

Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terão dois ganhadores;
*o primeiro sorteado leva Surtada na dieta, Os bons segredos e Sedução no convento. O segundo sorteado leva os três livros restantes.
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.

a Rafflecopter giveaway

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a Farol Literário

| 89 comentários

Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terá apenas um ganhador;
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.


a Rafflecopter giveaway

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a Faro Editorial

| 68 comentários

Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terá apenas um ganhador;
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.

a Rafflecopter giveaway

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a DarkSide

| 73 comentários


Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terá apenas um ganhador;
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.

a Rafflecopter giveaway

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a Arqueiro

| 87 comentários

Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terá apenas um ganhador;
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.

a Rafflecopter giveaway

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a Tordesilhas

| 69 comentários

Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terá apenas um ganhador;
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.

a Rafflecopter giveaway

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a Empíreo

| 30 comentários

Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terá apenas um ganhador;
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.

a Rafflecopter giveaway

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a Jangada

| 42 comentários

Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terá apenas um ganhador;
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.

a Rafflecopter giveaway

[Sorteio] 3 anos de Apenas um vício em parceria com a Coquetel e Pixel

| 47 comentários

Informações:

- O período da promoção é de 11/03 até 31/03;
- O resultado será postado em até 72h;
- Terá apenas um ganhador;
- O envio é feito em um prazo de 60 dias;
- Não nos responsabilizamos por extravios ou dados informados incorretamente;
- O ganhador terá um prazo de 48h para responder o e-mail com seus dados;
- É obrigatório residir em território brasileiro.

a Rafflecopter giveaway