quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

[Parceria] André Cáceres e M. C. Pereda

| 10 comentários

Boa noite, pessoal! Eu venho anunciar os últimos autores parceiros do ano do Apenas um Vício! Espero que gostem. E uma ótima virada de ano para vocês, que 2016 seja um ano de ótimas leituras! :)



André Cáceres


André Cáceres é jornalista e escritor. Gosta de fantasiar sobre mundos que não existem, passados que não aconteceram e futuros que não chegaram.Escreveu entre 2013 e 2015 para o portal UOL e vai trabalhar no jornal O Estado de S. Paulo a partir de janeiro. Enquanto se prepara para concluir a graduação em jornalismo pela Cásper Líbero em 2016, já escreve seu segundo romance, intitulado Quando os Deses Sangram. O primeiro livro, Cela 108, será publicado pela editora Multifoco no final de 2015.
Em 2014, André ficou entre os vencedores do Desafio Scribe de Contos, organizado pela rede social de escritores Scribe em parceria com o TocaLivros e o Guia da Autopublicação, tendo seu conto Hotel Califórnia publicado na antologia do concurso. O autor mantém um dos perfis mais acessados do Scribe, publicando contos, crônicas e poemas com regularidade.


Livro


Cela 108 se passa na Pátria, um país fictício governado por uma ditadura que mata seus opositores e toma os bebês recém nascidos dos pais para doutriná­los, imprimindo vínculos emocionais com o Partido e cortando pela raiz qualquer discordância. Toda e qualquer manifestação artística e cultural é reprimida e o simples pensar se torna um ato político. O controle das massas parece ser total, no entanto um grupo de rebeldes sempre existiu, agindo por debaixo dos panos, e agora começou a ganhar força. Com os revoltosos se estruturando e incomodando o regime, a Pátria está cada vez mais próxima de um ponto de ebulição. A história de Cela 108 é a jornada do protagonista Dante ao seu inferno pessoal e a tentativa de um povo de se encontrar.
Após a trágica morte pelas mãos da ditadura da militante rebelde Beatrice, mulher que Dante amava, ele decide se unir à causa e se torna um agente duplo, se infiltrando aos poucos no alto escalão do governo para preparar uma revolução na Pátria. Mas será que tomar o poder é suficiente em uma sociedade corrompida? Ou o poder cega as pessoas?
Cela 108 é um romance distópico inspirado nos grandes clássicos do gênero, como 1984, Fahrenheit 451 e Admirável Mundo Novo, questionando as próprias ideologias e utopias em uma narrativa dinâmica e cheia de reviravoltas que faz o leitor se reconhecer assustadoramente na realidade retratada pela obra.



quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

[Resenha] Os bons segredos

| 21 comentários
Autora: Sarah Dessen
Páginas: 408
Editora: Seguinte
Há segredos muito bons para serem guardados — e livros muito bons para serem esquecidos Sydney sempre viveu à sombra do irmão mais velho, o queridinho da família. Até que ele causa um acidente por dirigir bêbado, deixando um garoto paraplégico, e vai parar na prisão. Sem a referência do irmão, a garota muda de escola e passa a questionar seu papel dentro da família e no mundo. Então ela conhece os Chatham. Inserida no círculo caótico e acolhedor dessa família, Sydney pela primeira vez encontra pessoas que finalmente parecem enxergá-la de verdade. Com uma série de personagens inesquecíveis e descrições gastronômicas de dar água na boca, Os bons segredos conta a história de uma garota que tenta encontrar seu lugar no mundo e acaba descobrindo a amizade, o amor e uma nova família no caminho. 


Eu nunca havia lido nenhuma obra da Sarah Dessen então, quando a Editora Seguinte ofereceu Os bons segredos para resenhar no blog, aproveitei a oportunidade. Sempre li muitos elogios quanto a escrita da autora, e a vontade de ler algo dela sempre foi grande, mas realmente faltou um empurrãozinho. Depois de finalizar a leitura entendi porque os leitores falam tão bem da Sarah, minha primeira experiência com a escrita dela foi sensacional. 

domingo, 27 de dezembro de 2015

Caixinha de correio #91

| 12 comentários

Boa tarde, pessoal! Está no ar a última caixinha de correio do ano! Essa semana chegou bastante coisa, mas ainda estou aguardando vários livros, sabem como é: Correios + Natal = sempre tem atrasos. :/ Vamos conferir?


Parceria



Recebi os lançamentos do mês da Aleph, e nem preciso dizer o quanto eu adorei, né? Uma edição mais linda que a outra, em breve tem resenha de todos eles!



A Seguinte entrou em contato de novo e ofereceu dessa vez Estrelas Perdidas para ler e resenhar no blog. Logo tem resenha!

sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

[Resenha] O maravilhoso mágico de Oz

| 11 comentários
Autor: L. Frank Baum
Páginas: 208
Editora: O melhor de cada tempo
Série: Mundo de Oz, 1
Dorothy é uma órfã que vive no interior do Kansas com seus tios. Inesperadamente, um ciclone a leva para uma misteriosa e fantástica terra, um lugar mágico e colorido, cercado por um deserto imenso e governado por um mago poderoso. Em seu caminho, Dorothy enfrenta muitos perigos como bruxas malvadas e monstros gigantes, mas conhece também três amigos incríveis que vão ajudá-la nessa jornada: um Espantalho que deseja um cérebro, um Leão que queria ser corajoso e um Homem de Lata que espera ganhar um coração. Os quatro se unem para encontrar o Mágico de Oz que, segundo dizem, pode realizar todos os seus desejos, e assim Dorothy poderá, finalmente, voltar à casa de seus tios.

Eu já havia lido esse clássico escrito por Baum, mas este é aquele tipo de história que você precisa reler muitas vezes, pela bela mensagem que traz e por ser tão cativante e leve. Quando eu vi essa edição da Vermelho Marinho, que saiu pelo selo O melhor de cada tempo, eu precisava muito ler. E foi através dela que descobri que na verdade há uma série sobre o mundo de Oz, imaginem a minha empolgação quando soube disso. Foi muito bom reler a obra, e poder entender coisas que antes não tinha reparado.

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

[Resenha] Chamado às armas

| 15 comentários
Autora: Elle Casey
Páginas: 368
Editora: Geração editorial
Série: A guerra dos Fae, 2
Chegou a hora da guerra no segundo volume da série "A Guerra dos Fae! Em Chamado às Armas", os Fae da luz são convocados a fazer uma importante mudança e treinar seus dons mágicos para enfrentar os Fae das Trevas. Jayne Sparks e seus amigos Spike, Chase, Finn e Becky estão na iminência de uma guerra sangrenta e devem sofrer uma mudança, como crianças trocadas, para serem membros dos Fae da Luz com identidades mágicas. Poderão se transformar em elfos, ninfas, daemons, íncubos, anões e duendes verdes, querendo ou não aceitar suas novas identidades, desapontando-se com elas ou não. Como será resolvida a questão entre os Fae da Luz e os Fae das Trevas? Serão Jayne e seu grupo de amigos capazes de dar conta de uma missão tão espinhosa? Muitas respostas a estas perguntas, e outras tantas que foram provocadas pelo primeiro volume da série, serão respondidas aos leitores. E surgirão novos e fascinantes enigmas.

1. As crianças trocadas

Chamado às armas é o segundo volume da série A guerra dos Fae, escrito por Elle Casey. Eu havia dito na resenha do anterior que depois daquele final eu precisava desesperadamente ler o segundo, mas eu sou daquelas pessoas que se demora muito tempo para fazer algo, acaba perdendo o interesse. E foi mais ou menos o que aconteceu, não perdi o interesse em ler a continuação, mas sim de ler imediatamente, por isso a demora para sair a resenha. Essa obra foi uma ótima sequência, conseguimos conhecer melhor os personagens e entender esse mundo em que eles acabam se metendo.

domingo, 20 de dezembro de 2015

Caixinha de correio #90

| 4 comentários

Boa noite, pessoal! Estou há semanas sem postar caixinha de correio, mas é que tem chegado pouca coisa, por isso deixei acumular. Tem bastante coisa bacana, vamos conferir?


Parceria



Na verdade não sou parceira - ainda, rs - da Seguinte, mas como eu me inscrevi, eles ofereceram o livro para os blogs não parceiros resenhar, e eu aceitei. Nunca li nada da autora, então estou bem curiosa para conferir a leitura!


 

Recebi da Editora Nacional os últimos lançamentos. Estou curiosa para ler Operação Harém. Em breve vai ter resenha dos dois livros.

sábado, 19 de dezembro de 2015

[Resenha] Elo

| 13 comentários
Autora: Imogen Howson
Páginas: 384
Editora: Farol Literário
Série: Elo, 1
Elissa costumava ter tudo: a atenção de todos, popularidade e um futuro promissor. Mas os três últimos anos fizeram sua vida mudar radicalmente: ela vem lutando contra terríveis visões, dores-fantasma e misteriosos hematomas que aparecem do nada. Depois de muitas idas e vindas a especialistas, surge uma promessa de cura, uma cirurgia para apagar a parte superativa do seu cérebro, que provoca tais alucinações. Às vésperas da operação, no entanto, Elissa faz uma descoberta chocante por trás daquelas visões: ela enxerga o mundo pelos olhos de outra garota.



Depois de terminar a leitura de Elo percebi o quão pouco a sinopse nos diz sobre a trama. Eu já havia gostado bastante da história, mas depois de tudo, me surpreendi demais com o que eu encontrei na obra. Eu não esperava nada do que foi descrito, exatamente por a sinopse não revelar quase nada. Talvez isso seja algo bom, fazer o leitor se surpreender, mas ao mesmo tempo, pode ser que o leitor não se interesse o suficiente e acabe não pegando o livro para ler, perdendo assim uma leitura incrível. Eu sou apaixonada por distopias, não teve nenhuma até hoje que não foi satisfatória e que não gostei, mas quando essa mesma distopia tem elementos de ficção científica, aí sim é muito amor envolvido. ♥ 

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

[Parceria] Marcela Campbell, Marcio Sidney, Matheus Peleteiro e Sergio Rossoni

| 19 comentários

Boa noite, pessoal! Está no ar mais um post apresentando os novos autores parceiros do blog. Espero que gostem, e aguardem muitas resenhas!


Marcela Campbell

Marcela Campbell, 1994, estudante de psicologia, escritora do livro Aprendendo em Seis, criadora e palestrante dos projetos de combate ao bullying: Projeto Broto, formando violetas e Projeto Violeta; Aprendendo em Seis da literatura à realidade, jovem, escola e sociedade.












Livro


Aprendendo em Seis conta a história de seis jovens da hierarquia carioca que ficam na detenção por exatas seis semanas em um dos melhores colégios da cidade do Rio.
Abordando assuntos comuns nessa fase da vida pessoal e escolar, a narrativa passeia por temas já conhecidos, como o bullying, mas prezando os sentimentos daqueles que o sofrem. Também fala sobre o culto ao físico, a compulsão alimentar, a competitividade, a dificuldade de ser aceito pela sociedade e por si mesmo. Além disso, levanta questões acerca de preconceitos, rótulos e problemas familiares.
Apesar de todos terem suas próprias histórias, os seis encontraram na detenção uma maneira de atravessar todas essas dificuldades. Ali podem ser eles mesmos, sem máscaras nem mentiras, e entendem que, juntos, podem enfrentar o mundo.





segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

[Resenha] Operação Stormbreaker

| 31 comentários
Autor: Anthony Horowitz
Páginas: 160
Editora: Fundamento
Série: Alex Rider contra o tempo, 1
Alex passou por cima do homem, montou na bicicleta e partiu. A distância, um terceiro homem corria na direção dele. O garoto o ouviu gritar uma única palavra: “Pare!” Então houve o estampido de um tiro e uma bala passou zunindo.” O que pode ser pior do que descobrir que você passou toda a vida acreditando em mentiras? Foi isso o que aconteceu com Alex Rider depois da morte de seu tio, Ian, que o tinha criado desde pequeno. Ian não era um pacato gerente de banco, como o adolescente pensava, mas um agente do Serviço Secreto britânico assassinado brutalmente durante uma missão. O que Alex tinha a ver com essa confusão? Nada, até ser convocado a ajudar na investigação iniciada por Ian Rider. O agente vinha seguindo um empresário milionário, inventor de um supercomputador que seria doado às escolas públicas do país. O Serviço Secreto não engolia o altruísmo do homem e,depois do que houve com Ian,todos sentiam que precisavam saber quais eram as reais intenções do milionário antes que fosse tarde demais...Existiria mesmo uma ameaça? Só quem poderia ter certeza era Alex, que entrou na fábrica do empresário com a cara e a coragem (e alguns equipamentos espiões de alta tecnologia). Mas o jovem logo percebeu que precisaria de muito mais senão quisesse terminar como o tio. Será que Alex tem o sangue frio e a atração quase fatal pelo perigo de que todo espião precisa? Emoção, aventura e perigo do começo ao fim! Fique de olho no livro que deu origem ao filme Alex Rider contra o tempo.

A série Alex Rider contra o tempo está nos meus desejados há muito tempo, eu adoro livros com espiões, ainda mais sendo algo juvenil, tinha tudo para me ganhar, e depois de fazer a leitura foi realmente o que aconteceu. Operação Stormbreaker é um livro curto, mas que possui uma trama bem empolgante, leve e fácil. Não é uma trama com nada muito mirabolante, é uma história simples, por assim dizer, pois como eu disse, é mais juvenil. No entanto, o autor consegue nos cativar com o enredo criado. Foi uma leitura sensacional, e serviu bem para ler depois de uma obra mais densa.

sábado, 12 de dezembro de 2015

[Resenha] Quem teme a morte

| 12 comentários
Autora: Nnedi Okorafor
Páginas: 412
Editora: Geração
Numa terra devastada por uma hecatombe nuclear, uma jovem e misteriosa mulher com o incomum nome de Onyesonwu – que pode ser traduzido como Quem Teme a Morte – descobre que tem superpoderes e foi escolhida para salvar a humanidade. Este seria um romance distópico como qualquer outro se não transcorresse na África e sua autora não fosse a surpreendente Nnedi Okorafor, elogiada pelo prêmio Nobel nigeriano Woyle Soyinka. Fantasias, batalhas, tradições e alta tecnologia, sonhos, visões, discriminação racial e sexual, tudo se mistura numa narrativa tensa e poética que confere uma nova linguagem para os romances do gênero.

Eu não costumo ler muitos livros de fantasia, é quase como se eu tivesse ficado adulta demais para esse gênero literário. Mas resolvi aproveitar a oportunidade que a editora Geração me ofereceu e cai de cabeça nessa estória que apesar de futurista, tem sua essência centralizada na magia. E apesar do meu receio inicial, fui envolvida de uma forma bem positiva pelo enredo.

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

[Promoção] 2 anos do Pausa para um livro

| 11 comentários

O Pausa Para Um Livro está completando dois anos de existência, e para comemorar o blog se uniu a outros 22 amigos para trazer diversos kits lindos para vocês. Foi tudo pensado com muito carinho e esperamos que todos possam participar.
Regras:
  • Será um vencedor para cada kit;
  • Comentar nesse post para validar sua participação deixando seu e-mail para contato;
  • Seguir as regras obrigatórias do formulário.
  • Período do sorteio 10/12/2015 a 10/01/2016;
  • O ganhador deve residir em território nacional;
  • Cada blog ficará responsável pelo envio do seu livro em até 45 dias ÚTEIS após o sorteio. 
  • Nenhum blog tem qualquer responsabilidade por extravio ou perda por conta dos Correios.
  • Os ganhadores deverá responder o e-mail em até 3 dias. Caso não o faça, será desclassificado e novo sorteio será feito.

domingo, 6 de dezembro de 2015

[Resenha] Quebra de confiança

| 16 comentários
Autor: Harlan Coben
Páginas: 272
Editora: Arqueiro
Série: Myron Bolitar, 1
No primeiro caso de Myron Bolitar, Harlan Coben nos faz mergulhar na indústria do sexo e nos negócios escusos por trás da contratação de grandes atletas. Este é um momento importante na carreira de Myron Bolitar. Depois de agenciar alguns atletas pouco conhecidos, ele agora é o empresário de Christian Steele, a maior promessa do futebol americano de todos os tempos. Talentoso, bonito, centrado e carismático, tudo indica que o rapaz também poderá arrematar milhões em contratos de publicidade.
Mas, ao mesmo tempo que vive o auge na carreira, Christian enfrenta um drama na vida pessoal. Um ano e meio atrás, sua noiva, Kathy Culver, desapareceu subitamente e, exceto pelos fortes indícios de que tenha sofrido uma agressão sexual, a polícia não conseguiu descobrir nada sobre sua última noite no campus da Universidade Reston.
Prestes a ser contratado em uma negociação que pode ser a maior de todos os tempos em sua categoria, Christian recebe o exemplar de uma revista que traz a foto de Kathy em um anúncio de disque sexo. Além disso, o caso acaba de ganhar mais um ingrediente de terror: três dias atrás, Adam Culver, pai dela, foi morto em um assalto bastante suspeito. Agora, com a ajuda de Win, seu melhor amigo, Myron tentará impedir que as notícias sobre a ex-noiva de Christian atrapalhem a carreira do rapaz e irá em busca da verdade – doa a quem doer.

Depois de ter lido Que falta você me faz, que foi meu primeiro contato com o autor, decidi que leria todas as outras obras já publicadas do Harlan Coben. Eu adoro o gênero policial, então era inadmissível que eu ainda não tivesse lido nada dele. E que arrependimento de não o ter conhecido antes. Como fã de histórias desse tipo, fiquei muito envolvida com a escrita do autor, ele consegue criar situações de tensão e reviravoltas em que o leitor não espera nada daquilo acontecer. E o elemento principal: as investigações são realizadas com muito humor e sem nenhuma ponta solta. Eu já havia ouvido falar de seu famoso personagem, Myron Bolitar, então resolvi iniciar a série de mesmo nome. 

sábado, 5 de dezembro de 2015

[Resenha] Doce perdão

| 21 comentários
Autora: Lori Nelson Spielman
Páginas: 322
Editora: Verus
Hannah Farr é uma personalidade de New Orleans. Apresentadora de TV, seu programa diário é adorado por milhares de fãs, e há dois anos ela namora o prefeito da cidade, Michael Payne. Mas sua vida, que parece tão certa, está prestes a ser abalada por duas pequenas pedras... As Pedras do Perdão viraram mania no país inteiro. O conceito é simples: envie duas pedras para alguém que você ofendeu ou maltratou. Se a pessoa lhe devolver uma delas, significa que você foi perdoado. Inofensivas no início, as Pedras do Perdão vão forçar Hannah a mergulhar de volta ao passado - o mesmo que ela cuidadosamente enterrou -, e todas as certezas de sua vida virão abaixo. Agora ela vai precisar ser forte para consertar os erros que cometeu, ou arriscar perder qualquer vislumbre de uma vida autêntica para sempre. Após o sucesso mundial de A lista de Brett, Lori Nelson Spielman retorna com este romance terno e esperto sobre nossas fraquezas tão humanas e a coragem necessária para perdoá-las - assim como para pedir perdão.

Depois de ter lido A lista de Brett, da Lori Nelson Spielman, e ter me apaixonado por sua escrita e enredo, não tinha como eu não ler seu novo livro, lançamento da Verus. Doce perdão também possui uma história linda e desafiadora, mas a comparação entre as duas tramas para por aí. Em sua nova obra, Lori nos dá uma lição de vida: o perdão. Saber perdoar é muito importante, mas o mais difícil é pedir perdão. Com um enredo leve, divertido e emocionante, a autora nos apresenta uma personagem muito humana, com medos e inseguranças como qualquer pessoa da sua idade, mas que cometeu alguns erros no passado.

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

[Parceria] Editora Generale

| 17 comentários

Boa noite, pessoal! Venho anunciar a nova editora parceira do blog: a Generale, selo da Évora! Estou muito contente com a nova parceria, e espero que vocês curtam também! ;)


                                                     


Fundada por Henrique Farinha, a Editora Évora chega ao mercado com uma proposta inovadora, pautada em obras de qualidade, conteúdos de alta relevância e inovadores que agreguem valor e através deles, ajudem os leitores a realizarem objetivos e projetos pessoais e profissionais com excelência.O catálogo da editora contará com obras de ficção e não ficção, de autores relevantes nacionais e internacionais.


Algumas obras


Cheio de intrigas, mistério e horror, Apocalipse Zumbi é uma aventura de ficção eletrizante, com muitos elementos de realidade que mexerão com a mente e o coração dos leitores. Alexandre Callari oferece nesta obra o melhor do gênero zumbis e, ao mesmo tempo, cria um mundo à parte, que conta com suas próprias regras e lógica. Bem-vindo ao universo de Apocalipse Zumbi!

Branca de Neve e os sete anões não é uma história criada pela Disney, que adaptou o conto de fadas dos irmãos Grimm e produziu o longa-metragem infantil de maior sucesso da história. Originalmente um conto adulto do folclore oral europeu, Branca de Neve remonta a séculos de tradição, mesmo antes de os irmãos Grimm a registrarem pela primeira vez.

Pela primeira vez, o público brasileiro terá a oportunidade de apreciar o único romance escrito por Robert E. Howard, criador do personagem Conan, o Bárbaro. Neste livro, também são publicados três contos inéditos: "Além do Rio Negro", "As negras noites de Zamboula" e "Os profetas do Círculo Negro".

Uma banda formada por três amigos e dois irmãos, no auge da fama e do sucesso, decide que, após quatro anos longe de sua pequena cidade natal, finalmente é hora de voltar para casa. A princípio, viajam apenas para descansar e se recuperar da desgastante vida de artista e, para mais tarde, voltar à impiedosa rotina. Mas não é necessário muito tempo para que o passado venha resgatar histórias, conflitos, lembranças e um sentimento de nostalgia que havia sido deixado para trás.



Site | Facebook

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Pilha de leitura #31

| 11 comentários


Boa noite, pessoal! E está no ar a última pilha de leitura do ano. Em novembro li dez livros, e da pilha que tinha escolhido, apenas um dos livros ficou de fora. Foram leituras variadas e muito boas, mas espero que dezembro seja melhor ainda! ♥ Vamos conferir o que eu andei lendo?