segunda-feira, 2 de novembro de 2015

[Resenha] Vida após o roubo

|
Autora: Aprilynne Pike
Páginas: 264
Editora: Bertrand Brasil
Kimberlee Schaffer talvez fosse linda de morrer... só que ela acabou morrendo mesmo, há mais de um ano. Agora, precisa da ajuda de Jeff para resolver alguns assuntos pendentes. E não vai aceitar um "não" como resposta. Quando estava viva, Kimberlee não era apenas uma menina maldosa; era, também, cleptomaníaca. Portanto, se Jeff não quiser ser assombrado pelo fantasma dela até o dia de sua formatura, terá de ajudá-la a devolver tudo que roubou. Rapidamente, porém, ele descobre que é muito mais fácil roubar do que devolver. Pagar pelos erros cometidos adquire um significado completamente novo nesta versão moderna e inteligente do clássico Pimpinela Escarlate, criada por Aprilynne Pike.


Eu já li diversas resenhas sobre Vida após o roubo, mas nada como ler a obra para realmente conhecer a trama. Eu nunca li nada dessa autora, então estava bem ansiosa para conferir a história. Meu primeiro contato com Pike foi espetacular. Fazia um bom tempo que não lia em algumas horas um livro, a narrativa é tão gostosa de fazer que não tinha como ser diferente. Além, é claro, de ter uma trama interessante, divertida e com uma boa dose de drama, afinal, nada pior do que morrer e ficar vagando por aí, não é?

O pobre Jeff além de ser novo na escola, descobre que é o único a ver Kimberlee Schaffer, a garota popular mais odiada, e - absurdamente - cleptomaníaca. É claro que, até descobrir que a tal garota está morta, passa por alguns embaraços, muito engraçados, aliás. Não sabemos o motivo de ele ser o único a enxergar Kimberlee, e sinceramente? Isso nem importa. Queremos apenas saber mais sobre essa menina que parece tão mimada, e que praticamente todo mundo odeia, e qual o motivo de ela ainda estar vagando por aí. 

Jeff acaba se tornando a pessoa que vai ajudá-la a seguir em frente. Como? Devolvendo todos os itens que ela roubou durante sua vida. O detalhe é: são centenas de caixas com objetos. Como devolver tudo isso sem chamar atenção? Até porque, não tem como explicar o que um garoto que se mudou recentemente está fazendo com itens que foram roubados anos atrás. E contar que o fantasma de Kimberlee está vagando por aí é algo fora de cogitação.

Kimberlee disse que eu era a primeira pessoa a vê-la. Nada na minha vida era tão especial assim. Eu certamente não era especial.

Vida após o roubo tem uma história bem leve e divertida. A carga dramática da obra não é muito intensa, mas nos faz refletir bastante. É um misto de sentimentos, mas o principal é essa leveza que a autora colocou em sua narrativa, que nos fez acompanhar a vida - e morte - de uma garota que era muito má, e que precisa aprender algumas lições antes de poder realmente partir. Eu achei o enredo sensacional, e a autora foi nos desvendando os segredos de alguns personagens na medida certa. 

A obra possui páginas brancas, eu achei que isso fosse me incomodar na hora da leitura, mas a letra é de um tamanho bem confortável de ler, e a narrativa tão boa, que isso nem importou. E essa capa é muito bonita, eu sou apaixonada pela cor lilás, então amei muito! Leitura recomendada!

14 comentários:

  1. Amigaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
    Eu estou maluca para ler esse livro
    Eu vou comprar na Black Friday, porque vi várias resenhas positivas sobre ele e sinceramente
    estou bastante interessada, porque me parece ser um livro muito bom, principalmente pela trama que se trata de uma menina fantasma que veio do além apenas para poder acertar as coisas. Deve ser bem divertido mesmo. Espero gostar =D

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/11/resumo-do-mes-outubro.html

    ResponderExcluir
  2. O livro parece realmente divertido, mas o que realmente chamou minha atenção fpi p trecho da sinopse que diz que o livro é uma releitura de Pimpinela Escarlate, morro de vontade que conhecer esse personagem mas não acho em lugar nenhum

    www.ppyozpdance.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá, Andressa!

    A sinopse de Vida após o roubo me fez rir. Fico imaginando as situações que Jeff teve que enfrentar para resolver os problemas que não são dele.
    Sua resenha está maravilhosa. Parabéns!
    Abraços!
    http://surpresasnaspaginas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá Andressa!

    Eu fiquei sabendo da existência desse livro esses dias, e fiquei tipo, hã? Que enredo é esse? kkkkk
    Deve ser muito divertido, e apesar de não ser meu gênero preferido, esse eu quero ler!!
    Ah, e tenho de comentar que você está certíssima, essa capa é maravilhosa!! Amo a cor tb!

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  5. Eu não queria estar no lugar do Jeff, pois morreria de medo do fantasma da menina. Aliás, diga-se de passagem, um fantasma honesto, já que pretende devolver todos os objetos que roubou em vida. Vou pensar em ler o livro, estou precisando ler algo leve e divertido. Já vai para a minha lista! Beijos!
    http://leituras-compartilhadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Nossa, centenas de caixas de objetos roubados para devolver? Coitado do cara, a menina morre e aí ele que herda o trabalho eterno, e nada simples... rs... É bom saber que é uma história leve e divertida, mas que ao mesmo tempo nos faz refletir. O enredo parece mesmo sensacional, e também amei essa capa. Com certeza vou querer ler!

    Beijo.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  7. Oi Dessa, sua linda, tudo bem
    Eu conheci esse livro aqui no seu blog, na sua caixinha e na hora fiquei curiosa e logo em seguida vi outros livros também divulgando-o. Essa é a segunda resenha que leio do livro e já estou empolgada para lê-lo. Eu nem sei o que pensar, nossa, como ele vai devolver tudo o que ela roubou sem levantar suspeitas para ele mesmo, ele via se encrencar, risos... Gostei da mensagem também, de que ela precisa aprender e desfazer o mal que causou a todos. Sua resenha ficou ótima!!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Andressa!
    É a segunda resenha que leio desse livro hoje e só me deixa mais curiosa.
    Nunca li nada da autora e não ouvi muitos comentários bons sobre a série das fadas que ela escrevia.
    A capa está linda e me engano porque a história é completamente diferente do que pensei.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  9. Oii, adorei a resenha! Achei o enredo bem diferente, e fiquei super curiosa. Imagina um fantasma brotar na sua frente e pedir ajuda pra se redimir? Eu nem sei como reagiria kkkkk mas quero saber como foi pro principal. A capa também arrasou. Vou anotar na listinha haha
    Xx

    ResponderExcluir
  10. OIIE
    Também li o livro recentemente e adorei, é uma leitura bem leve e gostosa com uma reflexão envolvida, sua resenha está ótima, muito legal e que bom que curtiu

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. O flor, também amo essa cor e essa capa cham a atenção,ta muito bonita.Não conhecia o livro e achei a premissa diferente e até interessante. Lendo a sua resenha fiquei empolgada, quero saber que coisas ela revelou e como fizeram pra entregar os objetos roubados.Gostei, bem diferente e você disse que tem um que de cômico né? Quero.
    bjs

    ResponderExcluir
  12. Minha primeira reação com o livro foi achar que me incomodariam as páginas brancas. Também foi minha primeira experiencia com a Pike e no final... Concordo com o que você disse. A fonte é legal e a narrativa é ótima. Li em uma tarde e nem me lembrei de pensar nas páginas brancas...rs
    A única coisa que fiquei meio assim foi não ser explicado direito o motivo de ser o Jeff a ver a Kimberlee, mas, como isso não importa muito na narrativa não chegou a realmente me incomodar.
    Agora quero ler Fadas, o quanto antes :)

    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  13. Olá, achei bem legal!
    No início, pensei que se tratava de outra coisa ao olhar só pela capa, mas sua resenha mudou minha visão.
    Quem sabe?
    Beijos
    http://www.vivendonoinfinito.com/

    ResponderExcluir