terça-feira, 24 de março de 2015

[Resenha] Aposta fatal

|
Autor: Jean-François Parot
Páginas: 384
Editora: Vestígio
Série: Nicolas Le Floch, 1
Nicolas Le Floch em trama sinistra na Paris do século XVIII. Em 1761, o jovem Nicolas Le Floch, vindo da Bretanha, chega a Paris e é contratado pelo Sr. de Sartine, superintendente-geral da polícia do rei Louis XV. Como investigador, Nicolas logo descobrirá a crueldade dos homens e a brutalidade das conspirações no mundo do crime parisiense, onde tudo gira em torno do jogo, da devassidão e do roubo, que se interligam por incontáveis labirintos.




Peguei Aposta fatal  para ler porque estava louca por um livro policial, porém, nesse quesito me decepcionei muito. A ambientação me chamou bastante a atenção: França, 1761, e escrito por um autor francês, já sabia que ia me apaixonar por essa época e tudo que seria descrito. E realmente amei essa parte, mas basicamente a obra é isso: detalhes muito bem descritos, uma época maravilhosa de se conhecer e costumes bem diferentes. Achei a investigação algo de segundo plano. O autor se preocupou muito mais em descrever as cenas, do que fazer os crimes serem empolgantes. Pareceu que ele dava voltas e mais voltas ao relatar cada detalhe, e no fim, a empolgação de acompanhar tudo e tentar descobrir o assassino esfriava a cada "pausa"...

Nicolas é um personagem sofrido, mas que cresceu e se tornou um investigador excelente. Após o sumiço de alguém importante, e algumas mortes, ele se vê em meio a um grande problema, pois há policias corruptos, pessoas nem um pouco confiáveis e muitas traições. A trama é fabulosa, o autor criou algo cheio de intrigas, traições e perigos. Uma pena a parte policial deixar a desejar na narrativa, pois as cenas, cadáveres e tudo mais foram muito bem escritos e reais. Parot não se segurou para criar algo bem intenso e sangrento, e dessa parte eu realmente gostei.

Colocaram os restos ao lado uns dos outros e, aos poucos, reconstituíram o que tinha sido um corpo. O estado do esqueleto retirado de sua prisão de neve mostrava bem o quanto a chusma de ratos e outras bestas tinha se encarniçado sobre ele. Não era necessário ser um grande anatomista para constatar que faltavam numeroso ossos, mas a cabeça estava lá, com o maxilar despedaçado. 

Porém, como eu disse, quando você está lá em um suspense incrível, o autor vem e começa a detalhar partes que nem são importantes naquele momento, e que poderiam não ter sido tão detalhadas, e foi aí que desempolguei, pois a leitura acabou sendo um pouco arrastada e cansativa. O maior motivo da decepção é que eu realmente fui seca para ler uma história cheia de crimes e especulações, e acabei em algo morno.

Aposta fatal tem uma ótima trama, a época retratada é muito maravilhosa, há até os bordéis e como era a sociedade naquele século, até as vestimentas descritas nos fazem imaginar na hora da leitura. Em se tratando de encantar o leitor com a ambientação, Parot conseguiu muito bem! Esse livro é de uma série, e agora que já sei como é a escrita do autor e o que esperar, estou curiosa para ler mais sobre Nicolas e sua ascensão como investigador. A edição da Vestígio está muito bonita, adoro o padrão de capa que eles colocaram nos livros, uma pena eles não terem abas. Recomendo a leitura? Sim! É o tipo de livro que você pode relevar os detalhes negativos, que aliás, podem não ter funcionado apenas para mim. ;)

23 comentários:

  1. Oie,
    não conhecia o livro e confesso que não curti muito a capa, mas gostei da história, meso não sendo muito meu estilo.

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, essa capa não é o típico que me chama atenção, também não sou muito de tramas policiais envolvendo algo bem intenso e sangrento, mais por causa da parte sangrenta, não me agrada. Também não sou muito fascinada por detalhes da época, que parece ser um dos maiores focos do livro. Mas gostei da história de Nicholas ser uma pessoa que sofreu, mas deu a volta por cima e se tornou um investigador incrível. Não acho que será uma das minhas próximas leituras, mas também não irei dizer que nunca pegarei para ler, apenas no momento a obra não me conquistou.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa combina bem com a época da trama. :)
      Isso, se tiver oportunidade, confira! ;)

      Excluir
  3. Oi Dessa, tudo bem?
    Eu não sei se leria esse livro por agora. gostei da época, e da ambientação, mas excesso de detalhes pra mim as vezes é muito cansativo. Mas a dica está anotada para um momento oportuno.
    bjus,
    Amanda Almeida
    http://amanda-almeida.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, tem alguns livros que conseguem ter uma leitura fluída apesar disso, mas esse livro não foi o caso. ;/

      Excluir
  4. Olá, não conhecia o livro.
    A capa não chama muita atenção, mas lendo a sua resenha a historia parece ser muita boa.
    A escrita é boa, com uma trama que tem tudo pra prender o leitor.
    Uma ótima opção de leitura.

    ResponderExcluir
  5. Oi Dessa!!
    Adoro o gênero policial, acho que hoje em dia é um dos meus favoritos, ficando atrás apenas de fantasia haha
    Infelizmente não curti muito esse livro, acho que pela parte histórica e de época, pois não gosto muito.
    Mesmo assim acho que deve surpreender como todo livro policial no final.
    E pior ainda é livro muito descritivo ou que não foca onde é importante.
    Acho que vou continuar com Agatha Christie e Sherlock Holmes haha
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena. O livro tem uma trama bem bacana, só não curti a narrativa mesmo. :/

      Excluir
  6. Não conhecia o livro e não sei se leria, mas sua resenha fez parecer que dá pra relevar os detalhes negativos. Então talvez uma hora dessas eu dê uma chance! Beijos!

    http://alguns-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dá sim, Wan!
      A ambientação do livro é muito ♥

      Excluir
  7. Não conhecia esse livro.... E confesso que gosto de livros de época.... Porém não curto muito quando o escritor se apega demais a detalhes.... Acho que deixa a história bastante cansativa.... Pode ser que mais pra frente o inclua na minha lista de leitura...
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  8. Oiii. Não conhecia livro e nem me interessei rsrsrs Não sou daquelas que apostam em livros descritivos, já abandono hahaha
    Bom saber que esse livro é assim, ai já passo longe kkkk

    Beijos ;*
    Resenhista LivreandoFacebook | e | Proseando com uma BibliophileFacebook

    ResponderExcluir
  9. Ai que chato Dessa, perder a empolgação de descobrir quem é o assassino..
    Eu quero muito ler este livro, mas não imaginei que o autor seria tão detalhado em outras coisas.
    Mesmo assim, diante dos pontos positivos que você colocou sobre a época, eu leria.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia mesmo, Leticia. Dá para relevar um pouco os pontos negativos, mas então não vá ler esperando muito. rs

      Excluir
  10. Olá, Dessa.
    Adoro livros que fazem ambientações impecáveis. Porém, é uma pena que esse tenha pecado um pouco na questão da construção da parte policial. O pior é que essa era a minha principal expectativa quanto ao livro =/
    Mas acho que lerei mesmo assim, apesar de não esperar tanto da obra.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de março. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, nem me fala. Li ansiando por uma boa trama policial, mas...

      Excluir
  11. Oi Dessa!!
    Adoro livros policiais e se são de época então, pegam meu coração de vez, mas pelo que você diz, a trama policial fica um pouco de lado e isso já me broxou um pouco.
    Tudo bem que ele consegue descrever cenas lindas e devem ser ótimas e bem feitas, mas se é um livro policial, não dá pra ficar dando voltas e mais voltas sobre o que está acontecendo ou sobre o crime. Queria tanto que fosse um livro perfeitinho, mais um policial para a lista, mas acho que A Aposta não vai entrar pra minha lista de livros tão cedo, que pena! T_T
    beijos

    LuMartinho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena mesmo, o livro tinha tudo para ser ótimo, mas o autor se preocupou muito em descrever detalhes e tal...

      Excluir
  12. Olá!!!

    A série do NICOLAS já conta com vários volumes né !!! e não vejo a hora de ler , principalmente para saber mais sobre a vida a amorosa do personagem. Nesse retrato tão belo da época, não deu para deixar os assuntos do coração de fora. para mim, APOSTA FATAL pelo que vi na resenha é uma leitura excelente ..adicionarei a minha listona literária.

    *__*

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Gosto de livro ambientados em outro tempo principalmente esse que se passa na França e imagino como deve ser difícil antigamente pegar o culpado sem a tecnogia de hoje, mas não gostei de o livro ser muito descrito não gosto quando o autor descreve demais as cenas!!!

    ResponderExcluir
  14. Ao ler a sinopse e me deparar com a palavra sinistra, me desinteressei por ele, e quando você falou na sua resenha que a trama policial fica em segundo plano, perdi totalmente a vontade de ler, mesmo com descrições de época, que gosto muito.

    ResponderExcluir
  15. Tenho pouco contato com suspenses policiais, raros são os que me interessam ao ponto de fazerem com que eu dedique o meu tempo de leitura. Esse foi um dos que acabou não me chamando a atenção, infelizmente, por mais que você tenha dito coisas positivas a respeito dele.
    Gislaine | Paraíso da Leitura

    ResponderExcluir