terça-feira, 9 de dezembro de 2014

[Resenha] Despedaçada

|
Autora: Teri Terry
Kyla foi Reiniciada: sua memória foi apagada pelo Opressivo governo dos Lordeiros. Mas, quando lembranças proibidas de um passado violento começam a aparecer, surgem também dúvidas: ela pode confiar naqueles que passou a amar, como Ben? As autoridades querem a morte de Kyla. Com a ajuda de amigos no DEA, ela vai a fundo, sondando seu passado e fugindo. A verdade que ela busca desesperadamente, no entanto, é mais surpreendente do que ela poderia imaginar. Ao final do terceiro volume desta aclamada série, os mais profundos e imprevisíveis segredos serão revelados.



1. Reiniciados
2. Fragmentada

Podem ler a resenha até onde avisa que tem spoilers sem medo! ;)

Despedaçada é o último livro da trilogia 'Reiniciados', e eu confesso que estava ao mesmo tempo ansiosa para ler e com medo. Medo por ela terminar de um jeito "ruim" e eu me decepcionar, medo por a autora dar um final que eu não gostasse, e principalmente, medo do desapego. Desde o primeiro livro gostei tanto da trama que realmente fiquei com medo dessa "separação" pós fim de trilogia. Porém, o que falou mais alto foi a ansiedade e curiosidade, e assim resolvi pegar logo o livro e finalizar essa distopia tão incrível e bem escrita.

A autora judiou dos leitores em todos os aspectos. Quando o livro já estava na reta final e mais e mais segredos se revelavam eu ficava pensando: "Será que vai ser tudo esclarecido? Já está acabando, não vai ter páginas para tudo isso!!!" Parecia que a autora não ia conseguir nos revelar tudo, mas estamos falando de Teri Terry, e claro que ela iria finalizar 'Reiniciados' com chave de ouro. Todas as dúvidas que temos desde o primeiro livro são respondidas, e cada segredo revelado é mais surpreendente que o outro.

Ninguém nunca diz nada. Não é esse o maior problema de todos? Se todos nos uníssemos (as pessoas por todo o país) e disséssemos Pare, já chega!, toda vez que algo acontecesse, isso não acabaria?

Quem ainda não leu os dois primeiros livros é melhor ficar longe do próximo parágrafo, ok? Ok.

Kyla passou por tudo que passou, e depois de ser dada como morta após a bomba, ela precisa se esconder de Nico e dos Lordeiros, e assim, vira Riley. Aiden, do DEA a ajuda a se transformar para ficar diferente. Porém, a única coisa que ela deixa mudarem é seu cabelo, os olhos verdes continuam! Após mudar, ela vai de encontro à sua mãe antes de ser reiniciada, a verdadeira. Kyla não lembra dela, mas sim de seu pai, e isso a magoa. Stella é alguém perturbada, ainda mais após perder a filha, que dirige uma escola para jovens. Com regras rígidas, faz de tudo para não perder mais ninguém, e é assim que Kyla percebe o quanto seu desaparecimento a afetou. Despedaçada finaliza tudo que vimos desde o primeiro livro. Porém, ao ir de encontro à sua mãe, mais segredos são revelados, alguns colocando em dúvida quem ela realmente é. 

Podem ler a partir daqui!

A autora terminou muito bem a trilogia, sinceramente não esperava gostar tanto. Porém, o rumo de alguns personagens, e talvez até da própria Kyla, não agrade a todos. Eu gostei de tudo o que aconteceu. O ritmo foi intenso do início ao fim, fazendo a leitura ser muito fluída e empolgante. Quem ainda não leu os livros não sabe o que está perdendo. Distopia ótima e bem desenvolvida, não pensava em um jeito melhor de terminar, e por isso, amei o final!

Não tenho nenhuma crítica a fazer sobre Despedaçada, ou sobre a trilogia em si, e acredito que a maioria que acompanhou essa trama tão surpreendente também vai concordar comigo. Essa premissa de reiniciar jovens que cometeram algum crime contra a sociedade, e também mostrar o abuso de poder de quem iniciou isso foi muito bem trabalhado. Um tema intenso e chocante, e a Teri conseguiu fazer o leitor entrar para dentro da trama. Recomendo? Óbvio!

23 comentários:

  1. Oi Dessa!!!!
    Não se já te disse como essa trilogia virou uma das minhas favoritas, mas ela é hahah
    Fui ler o primeiro livro sem conhecimento algum dá trilogia e me impressionei completamente.
    Li o primeiro livro em um dia e meio acho, e logo já fui pegando o outro, daí eu tentei ler um pouco mais devagar por nao ter o terceiro livro ainda.
    Mas eu me surpreendi muito com o final de Fragmentada.
    Já tenho alguns pensamentos do que pode acontecer em Despedaçada haha
    Nem li o parágrafo de "spoilers" haha
    Espero ganhar esse livro no Top, pq senão mesmo assim terei que compra-lo haha
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Trilogia muito incrível, né? Ela me prendeu bastante!
      Nossa, você leu rápido. :OO rsrs
      Ah, o parágrafo com spoilers é dos anteriores, não do terceiro. rsrs
      beijos

      Excluir
  2. Sempre temos esse medo quando os outros livros foram bons e chegamos no final. rsrsrs
    Agora que fiquei doida pra ler mesmo, por saber que tem um ritmo intenso do início ao fim.
    Amei a resenha! Bjs, Dessa <3

    ResponderExcluir
  3. Amiga eu ainda não li a série reiniciados, porque como eu havia dito antes, eu ainda não li nenhuma série que tenho na minha estante. Só tenho lido meus livros independentes. Mas tenho bastante curiosidade de ler, pois dizem que a história é ótima.
    E com sua resenha acabei ficando que mais curiosa pra saber sobre os personagens e os acontecimentos que giram em torno da personagem principal.
    Espero gostar tanto do livro como a maioria dos leitores, porque deve ser uma história simplesmente fantástica =D

    Enfim...Olha parabéns pela sua resenha amiga
    Muito sucesso pra ti
    Se cuida

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, a trama da trilogia é muito interessante, viu? Tente ler logo! rsrs

      Excluir
  4. Estou há um tempo paquerando as capas da trilogia. Eu não costumo ler distopias, mas essa com Kyla me interessou.
    Sobre também apagar as memórias e um estado horrível em que se encontra o povo no governo de Lordeiros.
    Também tenho medo de as autoras terminarem o último livro cagando nele.
    A autora parece ser ótima, ou não... fazendo segredos bem ao fim dos livros? Maldade mesmo.
    Que bom que foi intenso e surpreendente, espero ler e essa resenha foi a primeira que vi do último livro.
    Abraços Andressa,
    ThayQ.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu adoro distopias! É difícil eu me decepcionar com alguma. *-*
      Muita maldade, mas adorei tudo! rsrs

      Excluir
  5. Ainda não li nenhum livro dessa trilogia, mas pretendo ler. Esperava comprar eles na Black Friday, mas quem disse que baixou o preço hehehe. Gostei de saber que você gostou do jeito que o livro terminou.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Eu gosto desse tipo de livro em que a protagonista tem que ir "montando" as coisas para que se encaixem.
    Hoje mesmo li uma resenha de outro livro em que um Ben não era confiável! hahahah fica a dica pra vida aí :p

    Beijos,
    Duas Leitoras

    ResponderExcluir
  7. Oiiii Dessa. Ainda não li essa série, mas tenho muita vontade. =D
    Não sou tão fã das distopias, mas eu adorei a premissa dessa :)
    E a resenha também. Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Dessa,
    ainda não iniciei a série, mas tenho vontade de ler.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  9. Olá, Dessa. Ainda não li nenhum dos livros da série, então pulei o parágrafo que você disse. rs
    Eu tenho muita vontade de ler a série depois de terminar as que eu tenho em aberto. A premissa me parece muito boa e o fato da autora terminar bem a série me anima ainda mais.

    Excelente resenha, Dessa.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de dezembro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aproveita que a editora já lançou todos aqui e leia essa trilogia! *--*

      Excluir
  10. eu gostei muito da capa desse livro bem bunitin eu quero muito compras esse livros!!
    http://mergulhado--emhistorias.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Oiee ^^
    Eu gostei bastante dessa trilogia, mas o desfecho dela me decepcionou bastante. Achei muito cansativo e parece que a autora deixou as coisas mais interessantes pra depois *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não achei cansativo, só achei cada vez mais cheio de mistérios, parecia que não ia dar tempo de revelar tudo. rsrs

      Excluir
  12. oie
    eu ainda não li nenhum livro dessa série, mas morro de curiosidade. Além das capas serem lindas, a história parece ser muito boa, e é bom saber que a trilogia encerra de modo satisfatório.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  13. Oi Dessa.
    Tão bom quando a autora/o autor consegue dar um fim digno pra história né
    Tenho muita vontade de ler essa trilogia, a premissa é muito interessante.

    ResponderExcluir
  14. Acho a ideia dessa trilogia ótima, super diferente e tal, mas algo no modo como a autora conduz os livros não me agrada. Ela segura demais as informações, deixa tudo para o fim o que me deixa cansada. Comigo pelo menos acontece isso. Ainda falta ler esse último, espero gostar quando ler.

    Bjs, @dnisin
    www.seja-cult.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente ela deixa tudo para o fim, e eu até que gosto disso, deixa as coisas mais emocionantes. rsrs

      Excluir
  15. Desde que que vi o primeiro livro da trilogia me interessei bastante a historia me pareceu bem diferente e com um tom de distopia, achei muito legal a capa e quero muito ler essa trilogia !!!

    ResponderExcluir
  16. Quero muito ler este livro, quero saber como é o final da trilogia. Desde o final do segundo livro fiquei curiosa quanto ao encontro da Kyla com a verdadeira mãe. Estou bastante ansiosa para ler. Fico feliz em saber que a trilogia teve um ótimo desfecho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Teve sim! Acho que você não vai se decepcionar. *-*

      Excluir