sexta-feira, 4 de julho de 2014

[Resenha] Suspeitos

|
Autor: Robert Crais
Scott não está bem desde a aterrorizante noite em que homens não identificados assassinaram sua parceira Stephanie e quase o mataram também, deixando-o cheio de ódio, humilhado e sempre à beira de um ataque de nervos. Maggie também não está bem. A pastora-alemã sobreviveu a três temporadas no Iraque e Afeganistão farejando explosivos até perder seu tratador no ataque de um homem-bomba. Seu estresse pós-traumático é tão grave quanto o de Scott. Eles são a última chance um do outro. Ele era um jovem policial em ascensão, ela foi criada para cuidar e proteger. Juntos, vão começar a investigar o caso que ninguém quer que investiguem: a identidade dos homens que assassinaram Stephanie. O que os dois descobrem é que nada é o que parece ser. Eles seguirão por um caminho que os levará através das obscuras lembranças de seus infernos pessoais. Será que conseguirão sair dessa e encontrar os culpados? Ninguém pode prever.

Todos livros que li da editora até agora apresentaram uma trama incrível, instigante e surpreendente, e com Suspeitos não foi diferente, o autor nos encanta com uma história de superação, perdas e traições. Porém, o lado investigativo do livro fica muito em segundo plano. A trama só se desenrola com investigações quase no final. Durante isso acompanhamos um homem e um cachorro aprendendo a superar traumas, mas, apesar de o livro ser fraco no lado policial, gostei bastante da história, Robert tem uma maneira agradável de narrar os acontecimentos.

Scott e sua parceira Stephanie estavam no lugar errado e na hora errada quando se depararam com o assassinato de dois homens, e acabaram entrando no tiroteio. Scott é o único que sobrevive, e precisa lidar com a morte de sua parceira, revivendo todos os dias os homens mascarados que atiraram nos dois, seja em sonho, acordado ou nas regressões que faz. Do outro lado, temos Maggie, uma pastor-alemão militar que perdeu o companheiro, ela foi baleada, mas a sua dor se concentra mesmo na perda do homem que ela sabia ser da sua "matilha". 

Homem e cachorra não poderiam ser mais perfeitos um para o outro em se tratando de traumas e perdas. É por isso que Scott resolve treiná-la para ser sua companheira na K-9, uma unidade que adestra cães. Porém, a missão não é fácil, pois ela se assusta com barulhos e manca de vez em quando. O relacionamento dos dois é encantador. No desenrolar da história percebemos que cresce uma amizade e um vê no outro um sentimento de segurança.

... eles não só poderiam, como cm certeza iriam nos processas e ficariam até com os pelos dos nossos sacos. Gosto do meu saco como ele é. Você não?
- Sim, senhor. Gosto do seu saco bem preservado.

Scott junto com outros detetives ainda tentam descobrir quem matou sua parceira, mas tudo dá errado quando ele vê que algo muito maior e podre está por trás disso. Ele já não sabe em quem confiar. Infelizmente essa parte da trama só se desenrola nos últimos capítulos, mas mesmo assim foram cenas incríveis. Porém, quem roubou a cena foi com certeza Maggie. Não tem como não se encantar com ela e seu instinto de proteção por Scott. 

Uma leitura incrível, mas que deixou muito de lado a parte investigativa, se concentrando mais na superação de Scott e da cachorra. Nem por isso o livro deixa de ser bom, eu realmente gostei de tudo, mas estava esperando um livro policial e me decepcionei um pouco. No entanto, livro recomendado mesmo assim. É uma história rápida de ler, vocês não vão se arrepender!

46 comentários:

  1. OOOOOOOOI, Dessa, boooom dia! Como está? ♥ Awn, gente! Um livro que mistura crimes com o amor entre um cachorro e um homem, adoooooro! Achei muito interessante o fato de eles se ajudarem e principalmente, de tentarem descobrir, juntos, os assassinos da Stephanie! Aaah, poxa, agora fiquei curiosa, uhasuahsuah! Oooh, uma pena saber que o livro é fraco em questão à investigação criminal... :c E eu concordo, embora não conheça o livro, sei o quanto um cachorro pode ajudar o homem a superar seus traumas e vice-versa. Esses bichinhos são sensacionais, sem mais! Adoro histórias assim! ♥ Uauhasuasuash, que frase foi aquela, meu Deus? Uauhasuhauhas! :33 Aaaah, isso que é bom em livros e filmes que contém cachorros: já que o rapaz não sabe em quem confiar, ao menos tem sua cachorrinha, que nunca o deixará! E concordo novamente, acho que não tem como não nos encantarmos com a Maggie, uahsuahs! Já imagino ela, awnnnn ♥ E sim, eu sou apaixonadaaaaaaa por esses bichinhoooos! Uma pena a parte investigativa não ter te agradado! Mas sabe que, se for pra eu escolher, prefiro mil vezes histórias de cães e homens? Pois é, hahaha! Oooobrigada por recomendar, vou procurar mais a respeitooooo! =) Adoooooorei sua resenha, Dessa, surpreendente! <3 Como sempre, né? Hahaha!

    Um enoooooorme e grande beijo,

    Juu-Chan || Nescau com Nutella

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii, bem e tu? :D
      É fraquinho sim, mas o relacionamento desses dois compensa. rsrs <3
      Que bom que gostou da resenha. <3 hahaha *--*
      Beijos

      Excluir
  2. Gostei da sinopse do livro, mas pelos seus comentários de não focar tanto na parte investigativa e foi a parte que me chamou a atenção, gosto de romances policiais e livros com bastante suspense e caçadas, mas parece que esse não é desse tipo. Mesmo assim fiquei com vontade de lê-lo =)

    Visite o blog "Meu Mundo, Meu Estilo"
    Participe do TOP Comentarista de Julho e concorra a um Exemplar Volume Único As Crônicas de Nárnia"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é ótimo, mesmo sem tanto dessa parte investigativa. :D

      Excluir
  3. Oi Dessa, tudo bem?
    Que pena que o autor não desenvolveu muito a parte investigativa. Mesmo assim, eu fui lendo a resenha e me encantando com o relacionamento dele com a Maggie, gostei do enredo, quero muito ler, vou colocar na lista.
    beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii
      Coloque mesmo! O livro é envolvente!

      Excluir
  4. Acho que vou gostar do livro, achei o título, a sinopse e a resenha bem interessante, não gosto de livro muito policial, mais um motivo para eu achar que vou gostar(hahaha). Gosto de histórias surpreenderas, esse é mais um livro que entrará para minha lista de leitura!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Até entendo seu ponto de vista. É chato esperar por uma coisa e se deparar com outra completamente diferente. Não sou muito fã desse gênero policial rodeado de drama também não. Quando eu pego um romance policial pra ler eu quero suspense e emoção, não mimimi ): Então acho que essa é uma leitura que, particularmente, não iria me agradar muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, foi uma decepção por não ter o que eu esperava, mas não pela trama em si, sabe?

      Excluir
  6. Adoro história de superações em que há animais em destaque. Mas esse livro não me convenceu. Parece ser um tanto lento, ainda mais se o que é proposto na sinopse, que seria uma história policial, só começa a decorrer mais para o fim do livro.
    Até leria, mas só se estivesse bem livre, sem nenhuma opção...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é tocante e tal, só esperava mais ação mesmo, mas nem por isso desgostei da trama! :D

      Excluir
  7. Oie, tudo bom?
    Parece ser uma boa leitura por causa da situação do protagonista. Achei bacana o lance da superação, mas pode surpreender quem pegar o livro para conferir uma narrativa policial. Acredito que deve ser interessante descobrir o que está por trás do crime.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, me surpreendeu, rsrs. Mas mesmo assim curti a história. *-*

      Excluir
  8. Não tenho nada contra quem lê ou gosta de livros que envolvam cães, porém estes não me agradam. Não sei, eu não consigo encarar como uma boa história.
    Outra coisa que não gostei foi da obviedade do que eles iriam investigar, e também por todo excesso de drama criado em torno da história. Definitivamente não gostei e não leria o livro.

    Beijos,
    Gabriella Suzart
    http://mbgsuzart1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que pena. rsrs Eu gostei bastante da trama, só me surpreendi/decepcionei mesmo por conta da falta de maiores investigações e tal. :/

      Excluir
  9. Oiee.
    Livros com animais não me agradam, apesar desse não ser o protagonista ainda assim me incomoda. E Ainda tem o fato do lado policial do livro ter ficado em segundo plano, o que só reforçou a minha intenção de não o ler.
    Vou deixar pra quem gosta rsrs
    Bjokas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena, rsrs. Apesar de tudo isso é um ótimo livro! :D

      Excluir
  10. Só vi a cachorra na capa depois que li a resenha... acho que ela podia aparecer mais.
    Adorei a resenha e adoro quando tem animais nas estórias... lembrei muito do filme k-9 e eu sou a lenda, apesar do segundo não ter nada a ver, hehehe... só porque curti muito os filmes mesmo.
    Bem, eu espero que Maggie e Scott façam justiça e que venham mais livros com estórias como esta.
    Ameiii... Bjs

    ResponderExcluir
  11. Olá não leio muito onde tem algum bicho como uma das protagonistas no livro,acho que vou em arriscar nesse leitura ,pela capa não nada no livro rsrs

    ResponderExcluir
  12. Oi Dessa,
    O livro parece ser muito bom, mas eu não imaginei que a parte investigativa fosse mais no final, mesmo assim todo o drama e a superação com certeza faz o livro valer a pena.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale a pena mesmo, eu gostei muito do livro.

      Excluir
  13. Eu já disse que toda vez que vejo suas resenhas dos livros dessa editora eu fico babando?
    Na Bienal eu estou lascada, pois já coloquei todos os livros na lista de compras!!!
    Adorei este também. Investigativo com superação. Que mais que eu quero??

    Preciso!

    Bjks

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, desculpa por aumentar sua lista! :P

      Excluir
  14. Oii!
    Fiquei muito curiosa com esse livro, já sou apaixonada pro histórias que envolvem ação e investigação, mas nunca havia me deparado alguma que envolva também as emoções de um cachorro!
    Deve ser lindo, fiquei muito curiosa!
    Ótima resenha!
    Beijos,

    http://meuuniversox.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Dessa como assim: o livro se chama suspeitos e o autor deixou a parte investigativa meio fraca e mal desenvolvida??? Tô passada, afinal se o nome do livro fosse qualquer outra coisa, mas com suspeitos o mínimo que a gente espera é uma trama super bem elaborada em volta da investigação, pistas, etc. Gente, sendo assim esse eu passo apesar de achar a sinopse e a capa muito interessantes!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, é bem fraquinha mesmo. rsrs
      Mas não passe, não! Mesmo assim a trama é liinda, vale a pena ler, sério! *O*

      Excluir
  16. Não conhecia esse livro e só por ter um animal tb como personagem eu já gostei :)

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/livroaoavesso

    ResponderExcluir
  17. Oii
    Ainda não conhecia o livro, mas gostei da descrição. Pena que as investigações são somente no final.
    Gostei de sabe que tem um cachorro na história..rs
    Leria com certeza.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Oie,
    não conhecia o livro, alias, mtos dos livros que você posta eu não conheço rsrsrs
    o livr parece ser bom.
    Dica anotada

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, que bom que você conhece novos livros aqui então! ;D

      Excluir
  19. Olá,
    Venho acompanhando resenhas cada vez mais legais sobre os livros desta editora. E achei bem legal a premissa deste livro, primeiro porque sou apaixonado por romances policial e segundo por essa história de superação. Uma mistura bem legal.

    Lucas - Carpe Liber
    http://livrosecontos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os livros da editora são sempre ótimos, não me decepcionei com nenhum até agora. *-*

      Excluir
  20. Sou super fã de romance policial, bom nessa resenha é que eu sei que o livro tem pouco do lado policial e isso faz com que eu nao crie muitas expectativas em relação ao livro, mas gostei da resenha, é um livro que quero muito ler *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia mesmo, a história é linda e a pouca ação que tem é muito boa! :D

      Excluir
  21. Oiii, amo romances policiais e mesmo que esse não seja tão cheio de aspectos que formem esse gênero, eu gostaria de lê-lo, pelo fato de amar cães! Tenho seis aqui em casa e os amo muito. Sempre me emociono com livros ou filmes que mostram um relacionamento entre homem e cão.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, seis? hahaha *-*
      Adoro cachorros também ♥

      Excluir
  22. Não conhecia o livro, mas gostei do enredo, parece ser um livro bem fofo .

    ResponderExcluir
  23. Gostei bastante da capa, mas a estoria deve ser bem chatinha....
    #só_acho...
    a genter pode mudar de opinião né?
    vô ver se eu compro.....

    ResponderExcluir
  24. Gostei muito da resenha, o livro parece ser bom, fiquei curiosa em conhecer a história de Scott e Maggie. Não é o estilo de livro que eu goste de ler, mas posso dar uma chance.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dá uma chance, sim! É muito boa a leitura. :D

      Excluir