terça-feira, 8 de julho de 2014

[Resenha] A menina submersa

|
Autora: Caitlín R. Kiernan
A Menina Submersa - Memórias' é um verdadeiro conto de fadas, uma história de fantasmas habitada por sereias e licantropos. Mas antes de tudo uma grande história de amor construída como um quebra-cabeça pós-moderno, uma viagem através do labirinto de uma crescente doença mental. Um romance repleto de camadas, mitos e mistério, beleza e horror, em um fluxo de arquétipos que desafiam a primazia do 'real' sobre o 'verdadeiro' e resultam em uma das mais poderosas fantasias dark dos últimos anos. Considerado uma 'obra-prima do terror' da nova geração, o romance é repleto de elementos de realismo mágico e foi indicado a mais de cinco prêmios de literatura fantástica, e vencedor do importante Bram Stoker Awards 2013. A autora se aproxima de grandes nomes como Edgar Allan Poe e HP Lovecraft, que enxergaram o terror em um universo simples e trivial - na rua ao lado ou nas plácidas águas escuras do rio que passa perto de casa -, e sabem que o medo real nos habita. O romance evoca também as obras de Lewis Carrol, Emily Dickinson e a Ofélia, de Hamlet, clássica peça de Shakespeare, além de referências diretas a artistas mulheres que deram um fim trágico à sua existência, como a escritora Virginia Woolf.

A menina submersa é um livro peculiar, ao ler a sinopse já havia me atraído pela trama, mas mesmo assim não me preparou para o que eu encontraria a seguir. O que me surpreendeu foi o ritmo da leitura, a achei presa e cansativa em alguns momentos, mas nada que tirasse a essência do livro. A sinopse engana o leitor, não entendam errado, mas a escrita da autora é bem diferente do que estou acostumada.

- Por que você está anotando essas coisas?
- Você poderia querer se lembrar, um dia - respondeu ela. - Quando alguma coisa deixa uma forte impressão em nós, deveríamos fazer o nosso melhor para não esquecer. Por isso, anotar é uma boa ideia.

Imp é esquizofrênica, assim como sua mãe e avó eram. Ela escreve um livro sobre sua vida e as reviravoltas quando ela encontra uma mulher nua na beira da estrada e a leva para casa. Pelo seu estado e crises, Imp acaba sendo uma narradora inconfiável, em vários momentos fiquei na dúvida se o que ela narrava tinha acontecido ou não, e confesso que mesmo ao terminar o livro não sabia o que era real e o que não era.

Uma história sobre fantasmas, lobos e sereias que irá te surpreender por ter um livro dentro do livro. Imp conversa consigo mesma, e nos confirma que sua falta de memória e desordem cronológica de acontecimentos não nos leva a confiar no que estamos lendo.

Outubro está passando, furtivo, à minha volta. Já perdi alguns dias, dias cheios de trabalho e não muito mais, tentando decidir quando e como continuar a história de fantasmas. Ou se eu deveria continuar a história de fantasmas. Obviamente, decidi que que continuaria. Essa e outra forma de ser assombrada: começar algo e nunca terminar.

A autora ainda nos apresenta um romance de Imp com outra mulher, o relacionamento das duas é encantador e foi bem desenvolvido na trama. A parceira de Imp aguenta todas suas loucuras e a ajuda em momentos de dificuldades, achei lindo as duas juntas e trouxe à trama uma sensibilidade a mais para uma história tão diferente e tocante.

A menina submersa é um livro denso, lindo e intenso, necessita ser lido com calma, pois há partes que parecem um tanto quanto sem noção, mas que são importantes para o entendimento da trama. Sempre há a metáfora de algo, tem que saber apreciar e desvendar a história que Imp nos apresenta. E mesmo assim tive dúvidas se realmente entendi tudo, rs. Gostei bastante do livro, achei diferente, mas consegui me encantar com tudo. A edição da editora está linda, o que só contribuiu para uma obra tão original e bem escrita. Recomendo!

O que mais tememos não é o conhecido. O conhecido, por mais horrível ou prejudicial à existência, é algo que podemos compreender. Sempre podemos reagir ao conhecido. Podemos traçar planos contra ele. Podemos aprender suas fraquezas e derrotá-lo. Podemos nos recuperar de seus ataques. Uma coisa tão simples quanto uma bala poderia ser suficiente. Mas o desconhecido desliza através de nossos dedos, tão insubstancial quanto o nevoeiro.

50 comentários:

  1. Oi Dessa,
    A sinopse já cativa, todos os elementos fantásticos que ela contempla. Você falou que é necessário ler o livro com calma para entender as metáforas e algumas partes que pareçam bem esquisitas e isso deixou o livro mais especial na minha opinião. Espero ficar tão tocada quanto você.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é todo especial mesmo, vale a pena a leitura! *-*

      Excluir
  2. OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOI, Dessaaaaaaaaa! *-* Tuuuuuuuudo bem, amor? Esperooooo que sim, hahahaha! ♥ Hm, interessante! Esse é um daqueles livros que mistura a fantasia com a realidade, né? E que, como você disse, nem dá para sabermos o que é real e o que é fantástico, hahaha! Um romance? Entre duas mulheres? Uauuuuu, hahaha! Achei bem diferente a história! Muuuuuitos falam bem deste livro, hahaha! <3 Adooooorei sua resenha, viu? Como sempre, hahaha! *-* E que quote lindoooooooo! Amei a frase, hahaha! :3

    Um enoooooorme e grande beijo,

    Juu-Chan || Nescau com Nutella

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii! ♥
      Diferente mesmo, a autora nos surpreende, muito!
      Obrigada! *--*

      Excluir
  3. Sinceramente eu não sei o que pensar desse livro.
    Um hora quero ler outra quero passar bem longe, mesmo lendo sua resenha ainda fiquei em dúvidas porque livros em que não consigo distinguir o que é real do que é fantasia me incomodam bastante, então ainda não sei de nada rsrsrs
    Bjokas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha, te entendo. Eu não me importo com isso, talvez por isso gostei do livro!

      Excluir
  4. Oi Dessa, tudo bom?
    Nossa, a história desse livro é totalmente diferente do que eu tinha imaginado. Parece ser interessante e essa capa é sensacional.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Tem horas que eu penso uma coisa deste livro, em outro tempo, já estou querendo distância do livro. Realmente, não sei o que pensar.

    Lucas - Carpe Liber
    http://livrosecontos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Dessa, tudo bem?
    Essa parte de ter um livro dentro do livro e de não saber se o que está lendo é real ou não, chamou minha atenção. O livro parece ser bem interessante mesmo, dica anotada.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito diferente a narrativa da autora, gostei mesmo. rsrs

      Excluir
  7. Eu sabia que esse livro tinha ganhado importantes prêmios, mas não imaginava que fosse tão profundo assim. Sua resenha me ganhou. Quero ler a obra agora.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de julho

    ResponderExcluir
  8. Oi Dessa!
    Primeiramente a capa é linda né! E a sinopse realmente é animadora e cativante! Parece ser um livro muito bom, amo metáforas, apesar de ter que ler com calma, tem partes que é complicado entender, de vez em quando é bom esse pouquinho de dificuldade, isso torna a leitura mais intensa. Achei o livro muito interessante!

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Linda mesmo! *-*
      A leitura é diferente, imagino que todos que lerem vão achar isso, tem que ter paciência para entender e se cativar. rs

      Excluir
  9. Putz Dessa perdi a oportunidade de comprar o livro em um sebo pois fiquei meia assim com a historia, agora com sua resenha me arrependi =/

    Espero conseguir outra oportunidade para ler o livro pois amei!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  10. Oi Dessa! Tudo bem? Espero que sim!
    Tó doida pra ler esse livro. Sua opinião só me deixou ainda mais curiosa.
    Amei o blog,parabéns!
    Beijos
    http://bomlivropravc.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Wow, tenho que admitir que fiquei muito curiosa com a obra. Gosto muito de livros intensos e até mesmo desconexos, eles sempre nos deixam pensando na história e podemos interpretá-la de formas diferentes. E o fator que envolve seres mágicos só me deixou com mais vontade de ler.
    Estou apaixonada pela capa e com certeza já anotei o nome para procurar o livro.
    Excelente resenha!
    Beijos

    http://meuuniversox.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, é um livro singelo e envolvente, acho que todos deveriam ler.

      Excluir
  12. Olá pela sua resenha acho que não vou gostar do livro acho que vou ficar perdida sabe
    Como vou saber se é a cabeça dela ou é verdade? Sou meia lerda mesmo.Gosto de ler um livro um atrás do outro acho que pra ler ele tem que ta com a atenção só nele :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHA, confunde mesmo, mas tenta! É uma trama linda. <3

      Excluir
  13. Olha você poderia me dizer que o livro é péssimo que mesmo assim eu iria querer ler, porque um livro que Neil Gaiman elogia está longe de ser ruim. Amo demais o Neil Gaiman e até já imaginei essas coisas sem pé nem cabeça que você falou e que servem em algum momento da trama!

    ResponderExcluir
  14. Oi, Dessa! Tudo bem?
    Essa é a primeira resenha que leio desse livro e fiquei feliz ao saber que você gostou da trama! Entendo como "A Menina Submersa" deve ser complicado, ao mesmo tempo que ele pode ser fascinante, a "não confirmação dos fatos" devido a esquizofrenia da personagem também pode ser frustrante... De qualquer forma, gosto de livros e narrativas diferentes e se tem a aprovação do Neil Gaiman, provavelmente eu irei gostar! Bjs
    Jéssica - http://lereincrivel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É frustante mesmo, terminei o livro ainda com várias dúvidas. rs

      Excluir
  15. O livro tem uma capa linda e quando vi fiquei bem curiosa, mas não sei se quero ler...e vejo pela sua resenha que o livro é um tanto quanto confuso rs, e sem um fechamento total..eu odeio quando os livros deixam o final aberto ou faltando coisas sem finalizar.
    Mas acho legal se falar de uma doença pouco explorada no mundo literario a esquizofrenia..ou eu que li pouco do assunto.
    Não sei se vou ler, na duvida ainda, quero e ao mesmo tempo fico na duvida rs,
    beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É ruim isso mesmo, mas a leitura é tão peculiar, que sei lá. rsrs
      Adorei poder ter lido, sério. *-*

      Excluir
  16. Oi Dessa,
    Essa sinopse havia chamado muito a minha atenção e sua resenha só confirmou a minha vontade de ler o livro.
    Sou fã de livros densos e 'difíceis de ler', acho que me adapto bem nessa categoria e consigo adentrar a história com bastante afinco.
    Gostei do que você escreveu, deixou bem claro o que podemos esperar do livro e acho que é isso que temos que fazer em uma resenha.
    Beijos
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gosta e lê fácil esse tipo de livro. *-*
      Então você vai gostar bastante!

      Excluir
  17. Já tô querendo ler esse livro desde que foi lançado..gostei bastante da sinopse e adorei a capa..com certeza ele já tá na minha listinha =P

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/livroaoavesso

    ResponderExcluir
  18. Oii
    Este livro é muito bem falado. Tenho vontade de lê-lo.
    Gostei de sua resenha, fiquei curiosa quanto as partes se noção..rs
    Parece ser boa a história.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Olá, eu estou querendo ler esse livro desde que a editora anuncio o seu lançamento, e agora com a sua resenha fiquei com mais vontade ainda de lê-lo, gosto de livros onde você desconfia se a narrativa é verídica ou se é mais uma alucinação do protagonista então acho que vou gostar dele.

    Visite o blog "Meu Mundo, Meu Estilo"
    Participe do TOP Comentarista de Julho e concorra a um Exemplar Volume Único As Crônicas de Nárnia"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai gostar mesmo, é uma ótima história, bem diferente mesmo.

      Excluir
  20. Oi, estou desejando esse livro só pela capa e sinopse kkk Essa é a primeira resenha que leio sobre ele e descobri que ele não é o que eu imaginava! Parece uma obra bem escrita e totalmente bem articulada, daquelas que te prendem não só pelo enredo, mas pela dificuldade da compreensão. Quero muito conhecer o que se passa nele, porque amo universos fantásticos e todo esse drama psicológico me atrai.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é muito linda, né? rs
      Pelo jeito você vai adorar o livro então, leia sem falta!

      Excluir
  21. Não conhecia o livro, mas fiquei curiosa quanto ao enredo, parece serem livro bem i interessante.

    ResponderExcluir
  22. esse livro deve ser muito bom, sua sinopse foi muito
    bem feita, o que você falou sobre o livro me deixou mais interessado
    do que antes....

    ResponderExcluir
  23. Eu ja li algumas resenhas negativas desse livro e fiquei com um pé atras, mas agora da pra ver que é um livro uqe precisa ler com calma né, é um livro diferente, não sei se estou com animo pra ler algo assim.. hahahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que pena, mas se tiver oportunidade leia, sim! :D

      Excluir
  24. A capa do livro me chamou atenção neste livro, achei muito bonita. Parece ser ótimo, gosto de livros que tenham fantasmas, sereias e lobos. A falta de memória dela também me lembrou de outros livros de eu já li. Espero ler em breve, fiquei curiosa em conhecer esta história.

    ResponderExcluir
  25. Oii! Acabei de ler esse livro *-*
    Confesso que os motivos que me fizeram comprar foram a lindeza da capa e a loucura da personagem! Mas acabei me encantando profundamente pela narrativa da Caitlín :)
    O livro tem um desenvolvimento bem lento, ele realmente me tirou da minha zona de conforto e eu adorei a experiência.
    O engraçado é que em alguns momentos eu queria dar quatro estrelas para ele e em outros eu queria favoritar, hahah. Até agora não decidi ainda!

    Beijos,
    www.naestradadafantasia.com

    ResponderExcluir
  26. Resenha maravilhosa!!!!! Preciso desse livro agora rs.

    ResponderExcluir
  27. Adorei sua resenha e concordo: tem q ler com calma. Já resenhei esse livro também, vou deixar o link do meu blog se quiser conferir. Aproveite também para participar do sorteio: todos os comentários em postagens de setembro e outubro estão concorrendo
    http://livroslapiseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Olá, Dessa.
    Sua resenha ficou muito boa! Você soube captar bem a essência do livro.
    Li mês passado para o mês do terror, como é chamado outubro, e até fiquei postergando a leitura porque eu sou uma pessoa muito medrosa e fujo de livros desse gênero. Mas fiquei muito surpresa ao iniciar a leitura e me dar conta de que não era um livro de terror, está mais para um livro de suspense, um livro de fantasia e não senti mesmo, mas ficava ansiosa para saber o que ia acontecer toda vez que a Eva era citada.
    Achei fantástico a forma como a autora consegue fazer com que o leitor se sinta dentro da mente da personagem, especialmente naquele capítulo sete, em que a Imp tem a crise. Se é desesperador para mim, que sou uma pessoa "normal", fiquei imaginando como deve ser para as pessoas esquizofrênicas.
    Abraços.

    Minhas Impressões

    ResponderExcluir