segunda-feira, 19 de maio de 2014

[Resenha] Aqualtune e as histórias da África

|
Autora: Ana Cristina Massa
Maria, Guilherme, mais conhecido como “Orelha”, e Aqualtune só queriam curtir as férias juntos. Eram amigos desde sempre. Mas não imaginavam que uma simples viagem para uma fazenda longe da cidade grande se transformaria na maior aventura da vida deles. A revelação de uma antiga lenda africana, a presença de Cambinda, uma avó bem diferente das “vovós”, e a figura de Zumbi, o guerreiro dos Palmares, mudariam o destino de Aqualtune e seus amigos. Para se salvar, eles precisam correr contra o tempo. Com a ajuda de Kafil, um garoto esperto que conhece bem a floresta e seus segredos, Aqualtune vai enfrentar as forças da natureza, unir o passado e o presente e descobrir a verdade por trás da antiga lenda. Mas o tempo não espera por ninguém, e não vai esperar por eles.


Aqualtune e as histórias da África é um livro rico que mistura ficção com histórias reais. A trama traz vários elementos do povo africano, como cultura e religião, e é um prato cheio para aprender coisas novas. A autora utilizou disto para criar um enredo fantástico com personagens jovens e cheios de energia para uma boa aventura. Me surpreendi com a história, esperava algo mais bobinho, mas pelo contrário, é tudo muito bem construído e com um bom embasamento.

Aqualtune odeia seu nome, ela prefere ser chamada de Alice, junto com Maria e Orelha eles vão para uma fazenda dos pais de Maria, lá conhecem vó Cambinda, uma senhora que conta lendas do povo africano, em especial, de uma escrava que era uma princesa e escondeu um tesouro precioso. É a partir daí que a aventura desses amigos começa.

O interessante é que eu pesquisei e realmente tem algo sobre a Aqualtune, não conhecia a história dela e adorei descobrir. A narrativa da autora nos transporta para aquele mundo, e as festas, mais conhecidas como Congada, e rituais são tão bem detalhados que parece que estamos participando de um. Achei tudo fantástico.

Em noites de festa ninguém dorme cedo. E na vila dos quilombolas era noite de festa. De longe dava para escutar os tambores numa cadência animada, ritmada. Uma fogueira iluminava parte do céu de laranja.

Uma leitura leve e que irá agregar conhecimento para quem ler. É algo bem juvenil, pelo relacionamento dos personagens e diálogos nota-se isso, mas mesmo assim recomendo para todos. Alice é uma menina curiosa e forte, que irá encantar o leitor com seus vários "porque's", ela e os amigos são uma turma divertida que só deixou o livro mais alegre.

 

A edição da editora está muito linda! Eles tiverem muito cuidado com a diagramação, e além dessa capa linda, todo ele por dentro está de arrasar. Não deixem de ler, são só 164 páginas, quando você perceber já acabou, e ainda vai ficar com vontade de quero mais, rs. ;)

27 comentários:

  1. Oi, Dessa
    Adorei a sua resenha. É uma boa maneira de aprender sobre a cultura Africana, que é tão rica. Gostaria muito de ler. A capa é lindíssima.

    ResponderExcluir
  2. oie Dessa
    não conhecia o livro, mas como meu amor por livros juvenis é imenso, já fiquei instantaneamente interessada. Sem contar que a diagramação tá linda.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  3. Não gostei da sinopse do livro,e não curto muito esse gênero também. Mas parece ser uma ótima história pra quem curte .
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  4. Que lindo Dessa, acho genial quando autores se utilizam de lendas, mitos de cultura antiga para desenvolver seus livros, e isso enriquece a leitura, trazendo de volta coisas que a gente só saberia se estivesse debaixo da mangueira e ao redor da fogueira. São histórias que o tempo vai apagando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também adoro isso, deixa a história tão rica! *-*

      Excluir
  5. Achei bem legal o tema do livro e fiquei bem curiosa. Não faz muito meu gênero mas eu daria uma chance a ele sim.

    http://alguns-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Poxa Dessa gostei do livro. Não tinha ouvido falar ainda..é bem diferente.
    Gosto de livros que misturam um pouco de cultura com ficção.
    Com certeza eu leria.
    Bela resenha..


    Blog: livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br
    Fanpage: facebook.com/livrosvamosdevoralos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A leitura é leve e rápida, vale a pena ler, viu?

      Excluir
  7. Gosto de livros alegres e com pitadas de aventura.
    Adorei a resenha e me interessei pela história.

    ResponderExcluir
  8. Amei, logo de cara já gostei da capa e da sinopse, mas fiquei com medo de se tonar aos poucos meio chata a narrativa, pelo que vi na resenha não parece ser assim.
    Tô muito afim de ler um livro de aventura!
    Se eu não me engano acho que já li, no Ensino Fundamental, alguma obra dessa autora, ou então estou confundindo os nomes, haha, mas não lembro se gostei da escrita... :)
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é mesmo. É uma aventura do início ao fim! *-*

      Excluir
  9. Adorei essa sua resenha uma ótima oportunidade de conhecer mais um pouco da cultura africana que é bem rica mi surpreendi *-*
    Vou ler esse livro para conhecer mais não custa neh *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia mesmo! *O*
      O livro é lindo por dentro, sério!

      Excluir
  10. Olá Dessa,
    Mesmo achando ótima a sua resenha, o enredo do livro não me agradou. Não sei se iria ler.
    Beijos

    As Leituras da Mila

    ResponderExcluir
  11. Oi Dessa, tudo bem?
    Super diferente essa história. Eu adoro quando misturam as lendas de um povo com fantasia e aventuras, é uma forma muito melhor de conhecer a cultura. Gostaria de ler também.
    beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também adoro isso. O livro é sensacional e a leitura leve!
      Leia. :D

      Excluir
  12. Ahhhh o livro é pequenininho. Deve ser lido em poucas horas.
    Achei o enredo interessante e uma forma de conhecer outras culturas. Nunca li nada que fale sobre a cultura africana, então seria uma ótima descoberta.

    ResponderExcluir
  13. É a primeira vez que vejo falar desse livro, ele é super interessante né, achei a edição bem caprichada, não faz o meu estilo de leitura, mas eu gostaria muito de ler ele, pois com certeza ele nos mostra muitas coisas bacanas sobre a cultura africana.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A edição da editora está linda, vale a pena ter na estante, viu?

      Excluir
  14. Achei lindo o livro, realmente uma edição bem caprichada! Mas não me interessei muito pela sinopse, não faz meu gênero.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. A sinopse não me chamou muito a atenção, mas essa capa e essa edição me deixaram com muita vontade de ler.

    E-mail: juliamariamoraes2013@gmail.com
    Nome de seguidor: Julia Moraes

    ResponderExcluir
  16. Adorei o enredo desse livro, adoro saber de outras culturas, mas sei bem pouco sobre a África, a única coisa que não me agradou foi essa capa, acho q podia ser melhor.

    ResponderExcluir
  17. Cara, que ediçao linda!
    Super me interessei pq voce disse que dá aprender várias coisas. E eu nao conheço muito sobre a África (pretendo mudar isso).
    Como o livro é curtinho, se tiver oportunidade, super lerei-o.

    Amei saber que Aqualtune existe *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, não é tãaao explorado a cultura africana, mas tem alguns detalhes bacanas de conhecer sabe?
      Leia mesmo. *-*
      E sim, também achei demais quando li que Aqualtune existia mesmo!

      Excluir