quinta-feira, 20 de março de 2014

[Resenha] Um teto todo seu

|
Autora: Virginia Woolf
Baseado em palestras proferidas por Virginia Woolf nas faculdades de Newham e Girton em 1928, o ensaio Um teto todo seu é uma reflexão acerca das condições sociais da mulher e a sua influência na produção literária feminina. A escritora pontua em que medida a posição que a mulher ocupa na sociedade acarreta dificuldades para a expressão livre de seu pensamento, para que essa expressão seja transformada em uma escrita sem sujeição e, finalmente, para que essa escrita seja recebida com consideração, em vez da indiferença comumente reservada à escrita feminina na época. Imaginando, por exemplo, qual seria a trajetória da irmã de Shakespeare – caso o famoso escritor tivesse uma e ela fosse tão talentosa quanto o irmão –, Woolf descortina ao leitor um cenário em que as mulheres dispunham de menos recursos financeiros que os homens e reduzido prestígio intelectual. Será que à irmã de Shakespeare seria dada a mesma possibilidade de trabalhar com seu potencial criativo? Como o papel social destinado aos dois sexos interfere no desenvolvimento (ou na falta) de uma habilidade nata? Virginia mostra como, na época, a elaboração da competência de uma pessoa dependia de seu sexo, uma vez que a sociedade reservava aos homens e às mulheres papéis, atribuições e concessões bastante distintas. A maioria das mulheres não dispunha da liberdade e da privacidade necessárias para ter um lugar próprio para refletir e laborar na escrita. Daí a afirmação da escritora de que“uma mulher precisa ter dinheiro e um teto todo seu se quiser escrever ficção”. Uma mulher precisa ter condições financeiras e espaço para pôr-se a contemplar suas ideias e colocá-las no papel. Com a linguagem original e a fluidez de pensamentos que lhe são características, Woolf aponta neste ensaio um padrão duplo presente na sociedade, segundo o qual os homens eram estimulados a aprimorar suas habilidades criativas enquanto às mulheres era reservado um papel de sujeição. Esta edição traz, além do ensaio, uma seleção de trechos dos diários de Virginia, uma cronologia da vida e da obra da autora e um posfácio escrito pela crítica literária e colaboradora da Folha de S. Paulo Noemi Jaffe.

Ainda não tinha lido nada da Virgínia Woolf, então quando recebi Um teto todo seu aproveitei a oportunidade e o passei na frente de outros livros... E o que dizer? Ele é um livro de não ficção da autora, e não é que eu não tenha gostado, mas é totalmente diferente do que estou acostumada a ler. Virgínia escreve muito bem e utiliza de um humor que faz o leitor apreciar a leitura, mas, para conhecer seu trabalho esse não foi a melhor escolha., simples assim. Talvez se fosse outra pessoa teria desistido de ler mais alguma obra da autora. 

A narrativa do livro é fluída, e há momentos que a história prende profundamente o leitor, mas em outros momentos a autora divaga muito sobre o assunto, muitas vezes mudando o foco principal, que é falar sobre mulheres e ficção, deixando a leitura cansativa. Outro fator que deixou a leitura um pouco arrastada foram as várias menções a autores, que eu não conhecia a maioria, me deixando meio que "boiando". 

O ensaio se trata de uma personagem que Virgínia criou e que precisa escrever sobre mulheres e ficção e acaba tratando de um assunto mais profundo: feminismo. Acompanhamos sua descrição de como as mulheres eram tratadas antigamente, quando não havia igualdade e direitos. Lemos vários comentários de autores que assumem que mulher é um ser inferior ao homem, algo que hoje em dia seria totalmente absurdo e repudiado, já que adquirimos diversos direitos. Naquele tempo as mulheres não escreviam livros, poesias, nem nada. E as que se aventuravam acabavam fazendo às escondidas, muitas vezes dividindo o tempo com os filhos, tarefas de casa e etc.

Tudo o que eu poderia fazer seria dar-lhes a minha opinião sob um ponto de vista mais singelo: uma mulher precisa ter dinheiro e um teto todo seu, um espaço próprio, se quiser escrever ficção...

O assunto tratado em Um teto todo seu é fabuloso, adorei acompanhar o avanço da mulher na sociedade, e o título do livro explica bem o tema central: toda mulher precisa de um teto todo seu para escrever, além de algumas libras, ou seja, ela precisa de independência, de um espaço onde possa abusar de sua criatividade sem ser criticada por ninguém.

Como eu disse antes, esse tipo de leitura é totalmente fora da minha zona de conforto literária, mas curti bastante a obra, e com certeza lerei outro livro da autora. Recomendo!

37 comentários:

  1. muito muito bom resenha ótima
    beijos
    @livroazuis
    livro azul.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Dessa,
    já tinha visto a capa por ai, mas confesso que não tinha lido resenhas.
    O livro parece ser bom.

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  3. Conheço a autora, mas não conhecia o livro.
    Achei a capa bem linda e feminina.
    Gostei da estória... pode parecer um romance meloso de início (pela capa e tal)
    Mas não é nada disso... mostra a força da mulher... precisamos de independência, de dimdim, de um teto todo nosso... de amor tb, né? acho que isso podia fazer parte do livro tb.
    Mesmo sendo também diferente do que costumo ler me interessei...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito lindinha a capa mesmo! *-*
      É uma leitura recomendada para todas as mulheres! :D

      Excluir
  4. Estava com muitas expectativas sobre a temática em si, mas depois da sua resenha não creio que será bom conhecer a escrita da Virginia por esse livro. Embora seja um livro de não ficção (gênero que eu gosto bastante), acho que por ter uma abordagem que resulta de pesquisas e tudo mais acaba tornando a leitura chata. E como foi dito por você, ninguém merece ter durante toda a leitura referências a autores desconhecidos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A leitura é meio cansativa, mas foi muito bom ler sobre as mulheres, sabe?
      Mas, se você não conhece nada da autora, realmente é melhor começar por outro livro. rs

      Excluir
  5. Não conhecia o livro, parece ser bem interessante, vou procurar para ler.

    detudoumpouco28.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. não conhecia a autora entretanto acredito que possa ser uma leitura agradável
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá Dessa,
    Não conhecia o livro e nem a autora e mesmo tendo um enredo fabuloso como disse, não sei se iria ler, pois não gosto de nada arrastado, gosto de uma dinâmica boa.
    Adorei sua sinceridade na resenha!
    Beijos

    As Leituras da Mila

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Obrigada! Tem sempre que ter sinceridade, né? :D

      Excluir
  8. Não conhecia nem a autora e nem o livro :P
    Parece que o livro que aborda um assunto bem interessante, porém minha praia são os livros com histórias : /
    || Zombies Vegetarianos ||

    ResponderExcluir
  9. Oie :)
    O tema parece ser bem interessante, mas não é um livro que eu leria no momento.
    Não sei, a história não me chamou a atenção nem me despertou a vontade de ler!
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem interessante mesmo! ^^
      Mas, que pena. ):

      Excluir
  10. Gostei de você ter sido sincera. Já vi alguns blogs literários que nunca dão crítica se quer de livro algum. Vou pesquisar alguns livros da autora, acho que este realmente não seria um bom começo, quem sabe eu encontre algum que me agrade, não é mesmo?

    Beijos
    http://palavrasdeumeumesmo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi.

    Não li nada dela ainda, mas espero gostar. Ainda não sei se leria o livro, mas quem sabe, porque ando lendo de tudo um pouco haha.

    Beijos
    http://fernandabizerra.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Gosto muito dos livros de Virginia ♥ Ela é uma dama. Ela sabe escrever muito bem sobre mulheres (e até homens) de uma forma poética e gosta de ler.

    Beijinhos, Helana.♥
    In The Sky. Blog

    ResponderExcluir
  13. Oie, tudo bom?
    Eu sei que é uma autora conceituada, mas ainda não li nenhum livro dela. Também está fora da minha zona de conforto, mas já sei por onde não começar.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii!
      Isso mesmo, não comece por esse. rsrs

      Excluir
  14. Já conhecia a autora, e apesar de ela ser bem elogiada, não sou fã de livros de não-ficção, então nem adianta eu tentar ler, vai ser uma leitura "arrastada" pra mim.
    E-mail: juliamariamoraes2013@gmail.com
    Nome de seguidor: Julia Moraes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não sou muito fã de não-ficção, mas adorei o tema abordado nesse. xD

      Excluir
  15. ADOREI a resenha e o livro!! Fora que essa capa é linda!
    Enfim, eu li semana passada, a resenha vai pro ar amanhã. Achei uma lição de história!!
    E foi isso que senti lendo a resenha!!

    Bjkas

    Lelê
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é muito bonita mesmo. :D
      Que bom que você curtiu a leitura. *-*

      Excluir
  16. A resenha está ótima. Mas não é um gênero que me agrada muito.
    Boa leitura à quem gostou e vai ler.

    ResponderExcluir
  17. Oi, o livro também não é muito o meu estilo, mas ele parece ser muito interessante, ainda mais falando desse jeito da mulher, eu fiquei curiosa, e realmente todas precisamos de um teto somente nosso, adorei a resenha.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  18. Parece ser um livro bem interessante, apesar de não ser meu estilo, o tema abordado parece ser bem interessante. Nunca li nada desta autora e achei muito ruim ela ter divagado algumas partes da narrativa, mas parece ser uma boa leitura e uma forma de conhecer outros estilos de literatura! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi muito bom conhecer novos estilos mesmo. :D
      Um tema fantástico que a autora abordou muito bem!

      Excluir
  19. Não conhecia esse livro..achei a capa super fofa..nunca li nada da Virginia e acho que eu não começaria por esse livro..não curto mt livro em que há partes maçantes no livro..principalmente sendo um não ficção..

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Eu nunca li nada da autora, mas tenho de curiosidade. Acho que vou começar por esse só por conta da sua recomendação. Gostei bastante da capa e de conferir sua resenha!!
    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu na verdade recomendo não ler esse livro se você ainda não leu nada da autora...

      Excluir
  21. Esse livro não me interessou... a sinopse não me interessou.. vc disse que se fosse outra pessoa desistiria de ler alguma outra obra da autora... acho q me encaixo aí... hahahahaha
    melhor deixar pra quem gosta né... rsrs

    ResponderExcluir
  22. Talvez não tenha sido tão interessante pra vc pq não conhece os autores a quem ela faz menção. Pra mim, por exemplo, foram estas menções a autores que amo que me interessaram no livro.

    ResponderExcluir