segunda-feira, 27 de maio de 2013

[Resenha] Quase mortos

|

Autora: Rook Hastings
Woodsville não é como as outras cidades. Lá a noite cai um pouco mais cedo, as sombras são mais escuras e mais densas, e todas as pessoas sabem que é um lugar onde coisas estranhas acontecem. Mesmo que elas não admitam isso. Bethan preferia estar em qualquer outro lugar, menos ali. Jay tinha suas teorias, mas ainda não estava pronto para compartilhá-las. Hashim via mais do que dizia, enquanto os demônios de Kelly eram mais de carne e osso mesmo. Mas o medo de Emily tirou-os da negação e fê-los ficar cara a cara com o sobrenatural. Em todos os outros lugares, as noites de sexta-feira eram noites de sair para namorar. Mas não em Woodsville…





Fazia tempo que queria ler este livro, e não me arrependi nem um pouco depois que terminei ele. Quando vi o título pensei que fosse algo com o tema "zumbi", mas daí li a sinopse e vi que na verdade é sobre fantasmas. A história é fantástica. Os personagens são bem construídos, pois mesmo com cinco principais, conseguimos conhece-los e ter detalhes de cada um deles, nenhum acaba ficando de lado e foi isso o que me agradou no livro, além da história, é claro. E confesso que fiquei com um pouquinho de medo em algumas partes. :x 


Quando era criança, sempre sonhava que acordava repentinamente no meio da noite, com o sangue pulsando em suas orelhas, como se ele já estivesse com medo.

A história se passa em Woodsville, uma cidade bem incomum e com um ar sobrenatural. Tudo começa quando Emily, a garota que todo mundo ignora e implica interrompe a aula do Sr. Bacon e confessa que já viu um fantasma, isso gera várias piadas por parte de seus colegas, principalmente Kelly, a popular e ameaçadora garota da turma. Após tudo isso, o professor consegue colocar ordem na turma e divide os alunos em grupos para um trabalho sobre Hamlet. O grupo acaba sendo formado por Emily, Kelly, Bethan, Jay e Hashim.
Bethan é inteligente e só anda de preto, e é considerada uma esquisitona, Jay é o nerd da turma e Hashim assim como Kelly, é popular e o melhor jogador de futebol. O que eles tem em comum? Nada. Eles não se suportam, ou seja, o grupo é totalmente improvável. Não apenas o trabalho os une, mas Emily, que ao se reunirem na casa de Bethan, além de contar mais sobre o suposto fantasma, também revela que sua mãe está desaparecida.
É então que Jay, para ficar mais próximo de Kelly, e também porque gosta desse assunto, resolve começar uma "caça" ao fantasma. O grupo fica mais unido e tenta resolver alguns mistérios em relação à mãe de Emily e fantasmas.

Eu acho que, se pudesse bloquear as coisas que me dão medo e agisse como se elas nunca fossem acontecer, eu bloquearia.

Já falei que adorei o livro? No início você não da nada por ele, pois recém estamos descobrindo melhor sobre a trama e o grupo, mas depois a leitura engrena. Sabe aquele livro que tu vai lendo e não sabe o que vem a seguir? Ele não é nem um pouco previsível, e não é focada apenas na mãe e nos fantasmas, fala um pouco da situação de Kelly também, que está sendo ameaçada por uma gangue. Achei os personagens cativantes, mesmo com suas personalidades marcantes. E o final? Que final foi aquele? Fiquei de boca aberta e incrédula, primeiro temos o desfecho da história principal, depois temos um gancho para o próximo livro.... E não esperava por nada disso, sério. Apenas louca para ler a continuação.


8 comentários:

  1. Eu quase comprei esse livro na promoção da Saraiva! Só não comprei pois tinha outros mais urgentes, rsrs. Lendo sua resenha, pude perceber vários pontos da história que tende a me agradar, quando eu tiver um dinheirinho sobrando, acho que vou comprar :)

    Beijos

    Da Imaginação a Escrita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Compre, eu pelo menos adorei o livro. :)

      Excluir
  2. Não conhecia esse livro, parece bem interessante. E com um final de tirar o fôlego assim deve ser bom mesmo. :)

    http://nerdicesdeumagarota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Também não conhecia, mas gostei pela sua resenha :) esse tipo de história chama a minha atenção haha e melhor ainda, tem continuação!

    http://www.pontodasletrasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sim, adoro quando tem continuação também!

      Excluir
  4. Não estava dando nada pelo livro até seus comentários sobre os plot twist e clif hanger no fim do livro e eu simplesmente não resisto a um livro que faça isso bem. Com certeza vou ler!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha que bom que "convenci" alguém a ler. ^^

      Excluir