sexta-feira, 31 de maio de 2013

Li até a página 100 e... #10

| 0 comentários



Meme criado pelo blog Eu leio, eu conto.



Morte e vida de Charlie St. Cloud - Ben Sherwood

Primeira frase da página 100: 
"Ela olhou para ele.
-Sim, como você sabe?"

Do que se trata o livro?

Charlie perdeu seu irmão em um acidente quando os dois eram mais novos, e desde então ele consegue ver Sam. Quando os dois estavam "do outro lado", pouco antes de Charlie ser ressuscitado, eles fizeram uma promessa... E se encontram todos os dias depois que o sol se põe. É a rotina de Charlie, nada pode mudar isso, pois pode ser que nunca mais consiga ver Sam. Tess é uma mulher corajosa que adoro andar de barco, após uma tempestade, e vendo que ela precisa cuidar melhor da sua vida, ela encontra Charlie e os dois acabam tendo um encontro.


quinta-feira, 30 de maio de 2013

[Promoção] 500 seguidores

| 5 comentários


Bom dia, galera! Quem aí está afim de mais uma promoção? O Apenas um vício em parceria com as queridas ♥ do Uma dupla resolveram sortear para vocês os livros O lado bom da vida e Eu te amo, Phillip Morris, quando os blogs alcançarem 500 seguidores no GFC (Google Friend Connect). Dois livros para apenas um vencedor, quem vai nos ajudar? Basta prestar atenção nas regras e se inscrever. :)

Preste atenção nas regras:

-Seguir o Apenas um vício no GFC.
-Seguir o Uma dupla no GFC.

Chances extras/opcionais: (Para cada chance extra realizada, você pode preencher novamente o formulário.)

- Seguir o @UmaDupla e @hey_deeds no twitter;
- Divulgar o sorteio no twitter, através do seguinte tweet  (Não esqueçam de colocar o link de divulgação): Estou participando da promoção de 500 leitores dos blogs @UmaDupla e @hey_deeds e vou ganhar dois livros incríveis. http://migre.me/eNod6 

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Sagas #12

| 3 comentários


    Hoje vou mostrar uma série que tenho muito interesse em ler: Alfa e Ômega, da Patricia Briggs. Li poucos livros com lobos, mas adoro esse tema. *-* 
Até agora a série conta com três livros, e a editora Novo Século já publicou os dois primeiros. 



Alfa e Ômega


Anna nunca soube que Lobisomens existiam, até a noite em que sobreviveu a um ataque violento... E se tornou um deles. Depois de três anos como o membro menos importante da alcateia, Anna aprendeu a manter a cabeça baixa e a nunca, jamais, confiar nos machos dominantes. Foi então que Charles Cornick, o matador de aluguel e filho do líder dos lobisomens da Amércia do Norte, entrou em sua vida. Charles insiste em afirmar que Anna não está destinada a ser somente sua grande companheira, mas também um raro e valioso lobo Ômega. A força interior de Anna e a sua presença tranquilizadora serão realmente valiosas quando ela e Charles saírem à caça de um lobisomem desgarrado, uma criatura dominada por magia tão negra que poderia ameaçar toda alcateia...

terça-feira, 28 de maio de 2013

[Anime] Shingeki no Kyojin - Attack on Titan

| 6 comentários

Imagine viver entre muralhas de 50m com aberrações de 15, 7, 5-4 metros tentando invadir para dizimar a raça humana. Imagine também um titã literalmente "Colossal" de 60 metros arrombando essa muralha para deixar os outros entrarem, e pior: causando caos e devorando pessoas.
Terrível não? Bom, felizmente isso acontece apenas no mundo dos animes e Shingeki no Kyojin contará essa história para vocês.


segunda-feira, 27 de maio de 2013

[Resenha] Quase mortos

| 8 comentários

Autora: Rook Hastings
Woodsville não é como as outras cidades. Lá a noite cai um pouco mais cedo, as sombras são mais escuras e mais densas, e todas as pessoas sabem que é um lugar onde coisas estranhas acontecem. Mesmo que elas não admitam isso. Bethan preferia estar em qualquer outro lugar, menos ali. Jay tinha suas teorias, mas ainda não estava pronto para compartilhá-las. Hashim via mais do que dizia, enquanto os demônios de Kelly eram mais de carne e osso mesmo. Mas o medo de Emily tirou-os da negação e fê-los ficar cara a cara com o sobrenatural. Em todos os outros lugares, as noites de sexta-feira eram noites de sair para namorar. Mas não em Woodsville…





Fazia tempo que queria ler este livro, e não me arrependi nem um pouco depois que terminei ele. Quando vi o título pensei que fosse algo com o tema "zumbi", mas daí li a sinopse e vi que na verdade é sobre fantasmas. A história é fantástica. Os personagens são bem construídos, pois mesmo com cinco principais, conseguimos conhece-los e ter detalhes de cada um deles, nenhum acaba ficando de lado e foi isso o que me agradou no livro, além da história, é claro. E confesso que fiquei com um pouquinho de medo em algumas partes. :x 


Quando era criança, sempre sonhava que acordava repentinamente no meio da noite, com o sangue pulsando em suas orelhas, como se ele já estivesse com medo.

sexta-feira, 24 de maio de 2013

Li até a página 100 e... #9

| 3 comentários



Meme criado pelo blog Eu leio, eu conto.




Quase mortos - Rook Hastings

Primeira frase da página 100: 
"Emily Night era patética, mas, pelo menos, enquanto Kelly estivesse ali, ninguém, e isoo incluía Carter, sabia onde ela estava."

Do que se trata o livro?
Woodsville é uma cidade bem incomum, e tudo começa quando Emily, a garota "invísivel" e menos popular da sala, diz que viu/escutou um fantasma. Isso deixa Jay, o nerd, intrigado e ele resolve fazer uma "caça" ao fantasma. O grupo é formado ainda por Kelly, Hashim e Bethan. E o engraçado é que eles se odeiam. 

quinta-feira, 23 de maio de 2013

[Promoção] Lista de Desejos

| 23 comentários



Olá! Vocês participaram tanto da primeira edição da promoção Lista de Desejos que resolvemos fazer mais uma, dessa vez com dois vencedores!
Em conjunto com os blogs Ler Para DivertirApenas Um VícioLivrinhos & EuLisossomosMariana e Sua EstanteEu InsistoCatavento de Ideias e Tempo à Toa, o Fome de Livros estará presenteando dois leitores com vários livros da sua lista de desejos!

A promoção funciona assim:
Você vai deixar um comentário em qualquer um dos blogs participantes (um só, não precisa ser em todos) com uma lista de oito livros que gostaria muito de ganhar. Caso seja o primeiro sorteado, receberá em sua casa 5 livros da lista e, caso seja o segundo sorteado, receberá 4. É só isso!


quarta-feira, 22 de maio de 2013

Sagas #11

| 2 comentários

Apesar de não ter lido nenhum livro ainda da série Temeraire, ela já entrou para os meus desejados, porque adoro histórias com dragões. <3 A autora Naomi Novik já escreveu oito livros, sendo o 8° sendo lançado em agosto desse ano, ou seja, a série é grande. Acho que isso afugenta um pouco quem não curte séries, ainda mais as longas, né? :/ Quem publica aqui no Brasil é a editora Galera Record.


Temeraire

Era napoleônica: Inglaterra e França estão em guerra. O capitão William Laurence, a serviço de Sua Majestade, captura uma fragata francesa, apoderando-se de sua preciosa carga: um ovo de dragão chinês, a mais rara das espécies de dragões. Quando o ovo choca, uma inesperada afinidade surge entro o capitão Laurance e o pequeno dragão, que recebe o nome de Temeraire. Esta relação é capaz de fazer Laurance deixar para trás sua sólida carreira na Marinha Real Britânica para lutar por um futuro incerto no Corpo Aéreo, como cavaleiro de Temeraire. Cabe a ele treinar o dragão em táticas de batalhas aéreas para integrá-lo à força aérea britânica, e prepará-lo para enfrentar as invasões napoleônicas. Após um inteno e exausitvo treinamento, Laurence e Temeraire estão prontos para participar das batalhas contra o exército francês e impedir seu avanço sobre solo britânico. Porém, para evitar que um diabólico plano do imperador francês se realize, capitão e dragão terão de passar por um batismo de fogo, arriscando as próprias vidas para defender a Inglaterra de seus inimigos.

terça-feira, 21 de maio de 2013

[Promoção] Fome de Leitura

| 7 comentários


Olá! Quem aí gosta de ganhar livros? O Apenas um vício está participando de uma promoção em conjunto com os blogs Vanessa Sueroz, Apenas Um Vício, Mell Books, Lisossomos e Mariana e Sua Estante, o Fome de Livros está comemorando 1 ano de existência e quem ganha o presente são os leitores!


Os Prêmios:
• Um Dia - David Nicholls
• Piadas Nerds - Ivan Baroni e outros
• A Grande Rainha - Sérgio Roberto de Paulo
• A Espada na Pedra - T. H. White
• Vento Sinistro - Rachel Caine
• Extraordinário - R. J. Palácio


segunda-feira, 20 de maio de 2013

[Resenha] O azarão

| 0 comentários
Autor: Markus Zusak
Antes de tornar-se mundialmente conhecido, Markus Zusak escreveu uma trilogia de sucesso que somente agora está sendo publicada no Brasil. O primeiro título chama-se O azarão. Fãs de A menina que roubava livros não podem deixar de ler os romances que iniciaram a carreira estelar desse autor. Narrado em primeira pessoa, o livro apresenta a história de Cameron Wolfe, um garoto de 15 anos perdido na vida e que vive às turras com a família. Trabalha com o pai encanador e sua mãe está sempre brigando com os filhos. Todos moram juntos numa casa pequena.
Steve é o mais velho e mais bem-sucedido. Sarah é a segunda, e está sempre dando uns amassos com o namorado. Rube é o terceiro e o mais próximo de Cameron. Os dois, além de boxeadores amadores, vivem armando esquemas para roubar lojas e outros locais do tipo. Contudo, os planos nunca saem do papel. Uma história sobre a vida e sobre as lições que dela podem ser tiradas. Um romance de formação que exibe um jovem incorrigível, infeliz consigo mesmo e com sua vida.

Esse é o primeiro livro que leio do autor e achei a narrativa muito gostosa, com apenas 176 páginas, acho que só não terminei em um dia por falta de tempo, porque a leitura é muito rápida. A história é narrada em primeira pessoa por Cameron Wolfe, um garoto de 15 anos, que nos mostra um pouco da vida de sua família. Ele e seu irmão Bruce estão sempre fazendo algo errado e decepcionando seus pais, mas é algo que eles não conseguem evitar, pois estão sempre tramando algum esquema. Nem todos se concretizam. 

Não íamos roubar nada.
Éramos casos perdidos.
Casos perdidos, deprimentes, patéticos, do tipo que não se olha duas vezes.

sábado, 18 de maio de 2013

[Resenha] Mundo das sombras - Filhas da escuridão

| 2 comentários
Autora: L. J. Smith
Ninguém em Brian Creek nunca tinha visto uma beleza tão impressionante até a chegada de Rowan, Kestrel e Jade. Só que as novas vizinhas de Mark e Mary-Lynnette Carter guardam muitos segredos por trás dessa beleza. Fugindo das leis do Mundo das Sombras, as irmãs correm perigo e tudo se complica quando descobrem que Ash, seu belo e implacável irmão, está por perto e disposto a levá-las de volta. Ash sabe que humanos e vampiros não devem se relacionar e que a pena para quem infringir esta regra é uma só: a morte.









Filhas da escuridão é o segundo livro da série Mundo das Sombras e preciso dizer que me decepcionei um pouco, porque jurava -talvez eu já soubesse e esqueci- que continuava com James e Poppy (do primeiro livro, Vampiro Secreto), mas eles só são citados brevemente. Na verdade, cada livro conta a história de personagens diferentes, e no fim até que acabei gostando disso, pois o Mundo das Sombras tem todo tipo de ser sobrenatural e é bacana focar em pessoas/seres diferentes. Estou louca para saber sobre quem será no 3°.

A história começa com a vinda de três misteriosas irmãs: Jade, Kestrel e Rowan. Elas estão indo para Brian Creek, viver com sua tia para fugir da família conservadora demais e das leis do Mundo das Sombras. Elas são vampiras e acabam atraindo a atenção dos irmãos Mark e Mary-Lynnette, que desconfiam de algo. Na verdade, Mary desconfia mais, pois Mark cai de amores por Jade e acaba duvidando das insinuações da irmã.

- Isso não é simplesmente péssimo? - disse Mark - Você conhece uma menina e ela parece ser bem legal e você conta dela para os seus amigos e aí, do nada, ela é um vampira. Não é uma droga quando algo assim acontece?
Ai, meu Deus, ele está histérico, percebeu Mary-Lynnette.

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Sagas #10

| 3 comentários

Outra trilogia que entrou para meu caderno: Mariah Mundi, do autor, G. P. Taylor. Quem publica os livros é a editora Planeta e o 1° saiu em 2011, mas só fui saber sobre eles ano passado. Acho que quase ninguém conhece... :/ 



Mariah Mundi

O jovem Mariah Mundi termina seus estudos. Sem saber para onde ir, decide morar no hotel Prince Regent, construído na encosta de um penhasco. Trabalha ajudando o mágico Bizmillah nos shows apresentados aos hóspedes. Não demora muito tempo para que Mariah e sua amiga Sacha descubram que algo de muito macabro acontece ali, e tentam descobrir pistas que os levem a resolver enigmas e descobrir segredos. O hotel, acima do subsolo, oferece luxos de todo tipo, mas embaixo da terra, o sarcófago egípcio do mágico pode ser uma das chaves para que Mariah desvende o grande e decisivo enigma.


quarta-feira, 15 de maio de 2013

[Resenha] Bem profundo

| 0 comentários

Autora: Portia da Costa
Uma das tarefas de Gwendolyne é esvaziar todos os dias a caixa de sugestões da biblioteca. Um dia, Gwen encontra uma carta direcionada a ela, e se trata de uma proposta indecente. Um homem misterioso começa a lhe mandar correspondências de perder a cabeça e fica claro que ele não quer ficar só no papo! Suas ideias são chocantes, mas excitam Gwen.Enquanto sua imaginação está a mil, ela ainda precisa lidar com o professor Daniel, que está fazendo uma pesquisa temporária na biblioteca. Um homem espetacular, em sua opinião. Gwen começa a fazer avanços sobre o professor inspirada pelas cartas picantes que recebe do admirador secreto.Personagens apaixonantes e um final surpreendente completam este erótico que tira o sono até das almas mais puras. Alguns envolvimentos vão longe demais, e não é possível escapa do que é bem profundo.


Eu nem ia fazer resenha desse livro, mas resolvi comentar o que achei, por isso não vai ser muito longa. A história começa com Gwendolynne, uma bibliotecária, que certa manhã ao examinar a caixa de sugestões encontra uma carta endereçada a ela. A carta é de um admirador secreto chamado Nêmeses, nela ele conta o que gostaria de fazer com Gwen, sexualmente falando, claro. Ela fica intrigada com a carta, mas no fundo acaba gostando de se sentir desejada. 

Nesse meio tempo, Daniel aparece em sua vida, um professor que usa a biblioteca para fazer pesquisas. Ela já conhecia ele de vista, mas depois de esbarrar nele os dois passam a conversar mais. E acabam se aproximando e tendo um relacionamento bem diferente. Nisso, ela começa a se comunicar com Nêmeses por mensagens instantâneas. Os dois fazem um jogo erótico, onde ele "pune" ela, mandando fazer coisas como não usar calcinha, se mostrar para alguém... Ela conta sobre ele para Daniel, e ele resolve ajudá-la a cumprir essas punições -safadinho-.

terça-feira, 14 de maio de 2013

Li até a página 100 e... 8#

| 1 comentários



Meme criado pelo blog Eu leio, eu conto.



Mundo das sombras, Filhas da escuridão - L. J. Smith

Primeira frase da página 100: 
"Que tipo de animal grande podia estar lá? Não era um cervo porque eles emitem um som que parece um ronco. Podia ser alguma coisa maior que um coiote, mais alta. Um urso?"

Do que se trata o livro?
As irmãs Rowan, Kestrel e Jade vão para Brian Creek morar com a tia, a Sra. Burdock. Elas na verdade estão fugindo das leis do Mundo das Sombras, e o irmão, Ash, tem a missão de levá-las de volta. O Mundo das Sombras é uma sociedade secreta formada por lobisomens, bruxas, vampiros e outros seres sobrenaturais.

segunda-feira, 13 de maio de 2013

[Novidades] Novo Conceito

| 1 comentários

Alguém aí quer conhecer os lançamentos de junho da editora Novo Conceito?! \o/



Indomável


Milhares de pessoas já conhecem o rosto sorridente e a mensagem revigorante de Nick Vujicic, o coach motivacional que é, ele mesmo, uma motivação para todo o mundo. Apesar de ter nascido sem braços nem pernas, Vujicic não deixou de desfrutar de grandes aventuras, desenvolver uma carreira excepcionalmente compensadora e viver significativos relacionamentos amorosos.Nick Vujicic consegue superar as provações e dificuldades de sua vida ao concentrar-se na certeza de que nasceu com um propósito único e relevante. E não importa o quanto tudo pareça, às vezes, desesperador e difícil, Nick continua a acreditar, porque ele sabe: seu poder é desencadeado quando a fé entra em ação.E esta experiência de fé, esta certeza de que a dificuldade está aí para ser superada, pode ser conquistada por qualquer pessoa que realmente queira ter uma vida inacreditavelmente maravilhosa.As adversidades do mundo moderno como: problemas de relacionamento; desafios da carreira e do trabalho; preocupações com a saúde; pensamentos autodestrutivos e vícios; bullying e intolerância são infortúnios que podem ser descartados.É realmente possível conquistar o desejado equilíbrio entre corpo e mente; coração e espírito. Mas esta é uma conquista que demanda know-how;um conhecimento que Nick Vujicic tem de sobra — e está disposto a compartilhar.
Não faz meu tipo de leitura. ):



De volta para a casa

Cassie Madison fugiu de Walton, Geórgia, para Nova York quando soube que sua irmã, Harriet, e seu amor, Joe, tinham-na traído e iam se casar. Ao chegar em Manhattan, sua ideia era se reinventar, mergulhar de cabeça na carreira e até mesmo perder o sotaque provinciano. Tudo para apagar seu passado marcado pela traição e por uma família que não lhe tratara com o devido cuidado.Mas, numa noite, um único telefonema de sua irmã trouxe de volta tudo que ela pretendia esquecer. Com o pai muito doente, ela foi obrigada a fazer a viagem de volta e, enquanto arrumava as malas, seus maiores medos eram que o pai morresse sem que ela pudesse estar com ele e... encontrar a família feliz que Harriet e Joe tinham construído.Já em Walton, Cassie percebe que enfrentará uma imensa batalha particular, porque, afinal, ela não consegue deixar de amar seus sobrinhos - e nem deixar de se sentir em casa, naquela cidadezinha de sua infância.Enquanto se divide entre o rancor e a esperança, velhas e queridas lembranças e uma mágoa insustentável, o destino arrumaria uma forma de aproximá-la do que realmente importa: o verdadeiro amor.
Boh, adoro essas histórias de traição e tal. :x E achei linda a capa. *-*

[Resenha] O mundo fantástico de Tom Gates

| 3 comentários

Autora: L. Pichon
Não leia se você for... 1. Minha irmã mal-humorada, Délia; 2. Marcos Meldrew (que é um idiota); 3. a Sra. Worthington, que tem um bigode (é complicado não OLHAR). Eu sou Tom Gates. Quando os professores não estão com seus OLHARES MALIGNOS em mim, eu gosto de desenhar e pensar em formas de incomodar a Délia. Meus professores acham que eu me distraio fácil e que tenho “falta de concentração”. O que é um pouco exagerado, já que agora mesmo estou MUITO concentrado em qual biscoito devo comer primeiro... hmmm.






Tom Gates escreve em seu livro tudo que acontece com ele em casa e na escola. Ele adora atormentar sua irmã Délia, ficando horas no banheiro só para ela não usar, ou então esconder seus óculos dentro de um saco de salada. :O Está sempre arrumando uma desculpa para o professor Fullerman de porque não entregou o dever de casa, além de passar horas desenhando em seu caderno nas aulas. 
Tom e seu melhor amigo Derek tem uma banda chamada Cães Zumbis, e quando descobrem que a banda favorita deles (Mano 3) irá fazer um show na cidade, Tom resolve se comportar melhor e convencer seus pais a deixá-lo ir. Será que ele consegue?

domingo, 12 de maio de 2013

[Novidades] Galera Record

| 1 comentários


Alguns dos lançamentos ainda não tinha visto nem capa... Ando muito desatualizada. :/ 
Férias, cadê você? <3


Como dizer adeus em robô

Com um toque melancólico, o livro conta a singular ligação entre Bea e Jonah. Eles ajudam um ao outro. E magoam um ao outro. Se rejeitam e se aproximam. Não é romance, exatamente — mas é definitivamente amor. E significa mais para eles do que qualquer um dos dois consegue compreender... Uma amizade que vem de conversas comprometidas com a verdade, segredos partilhados, jogadas ousadas e telefonemas furtivos para o mesmo programa noturno de rádio, fértil em teorias de conspiração. Para todos que algum dia entraram no maravilhoso, traiçoeiro, ardente e significativo mundo de uma amizade verdadeira, do amor visceral, Como dizer adeus em robô vai ressoar profunda e duradouramente.

Apesar dessa capa simples demais, fiquei bem interessada no livro. 

sábado, 11 de maio de 2013

[Anime] Psycho-pass

| 0 comentários

Oi gente, tudo bem?
Calma, eu voltei pra felicidade de vocês ou não trazendo um anime ótimo chamado Psycho-pass. 

Caixinha de correio #8

| 0 comentários


   Hoje a caixinha de correio saiu mais tarde porque fiquei horas em cima de um trabalho chato de faculdade. ): Mas pelo menos acabei! \o/
Agora nem sei se aproveito o resto do dia vendo minhas séries ou lendo, rs. 
Enfim, essa semana como sabia, chegou apenas um livro. ;_;


TROCA


Troca do Skoob. 
Ganhei o 2° um tempo atrás, mas ainda não tinha esse. Agora posso ler a série. *-* 


Bom findi, pessoal. E assim que aliviar os trabalhos/provas da facul, vou tentar postar mais aqui. ;)


quinta-feira, 9 de maio de 2013

Sagas #9

| 2 comentários


Hoje vou mostrar uma trilogia que tenho muito interesse em ler: Wake. Tenho que tomar vergonha na cara e ler/comprar, porque já faz tempo que foi lançado. :x E aproveitar também que já estão todos por aqui, né? Assim posso ler um atrás do outro. \o/

A editora Novo Século que publicou a trilogia, e tem até um hotsite bem legal: Hotsite Wake.


WAKE


... Janie não pode contar a ninguém sobre o que acontece com ela – eles nunca acreditariam, ou pior, achariam que é uma aberração. Então, a adolescente vive no limite, amaldiçoada com uma habilidade que ela não quer e não pode controlar. Mas, de repente, Janie entra em um pesadelo horrível, que lhe causa um imenso terror. Pela primeira vez ela deixa de ser espectadora e se torna uma participante. O romance Wake é o primeiro de uma trilogia que conquistou espaço nas listas de bestsellers dos EUA tanto individualmente, como na categoria série. O livro é aguardado com grande expectativa pelos leitores brasileiros. “Um romance lírico, cujas imagens permanecem com você, muito tempo depois de virada a última página, como o mais memorável dos sonhos.” Cassandra Clare Autora de City of Ashes, bestseller do The New York Times “Linguagem enxuta, desenvolvimento rápido de personagens e circunstâncias misteriosas conduzem a narrativa para uma ágil e satisfatória conclusão. McMann também dá atenção especial para a ciência dos sonhos. School Library Journal


terça-feira, 7 de maio de 2013

Li até a página 100 e... #7

| 0 comentários



Meme criado pelo blog Eu leio, eu conto.


Bem profundo - Portia da Costa

Primeira frase da página 100: 
"A saleta contém variados equipamentos de limpeza, esfregões e baldes, e regadores para os vasos de plantas ornamentais espalhados pelo edifício"

Do que se trata o livro?
Gwendolynne trabalha em uma biblioteca e certo dia recebe uma carta  misteriosa e quente de um admirador secreto. Esse admirador que se chama de Nêmeses, conta o que gostaria de fazer com ela.ui E não é que a maluca acaba gostando? E acha que não é perigoso. Aham.

segunda-feira, 6 de maio de 2013

[Resenha] Quem poderia ser a uma hora dessas?

| 4 comentários
Autor: Lemony Snicket
Em uma cidade decadente, onde se criam polvos para a produção de tinta, onde há uma floresta de algas marinhas e onde um dia funcionou uma redação de jornal em um farol, um jovem Lemony Snicket começa o seu aprendizado em uma organização misteriosa. Ele vai atender seu primeiro cliente e tentar solucionar o seu primeiro crime, aos comandos de uma tutora que chama carro de “esportivo” e assina bilhetes secretos. Lá, ele vai cair na árvore errada, vai entrar no portão errado, destruir a biblioteca errada, e encontrar as respostas erradas para as perguntas erradas - que nunca deveriam ter passado pela cabeça dele. Ele escreveu um relato sobre tudo o que se passou, que não deveria ser publicado, em quatro volumes que não deveriam ser lidos. Este é o primeiro deles.





Apesar de ter odiado o fim de Desventuras em Série, adoro a escrita do autor, as histórias sempre são meio malucas e divertidas, e ele sabe contar de uma maneira descontraída. Então quando vi que uma série nova ia ser lançada, foi direto para minha lista de desejados. 

Quem poderia ser a uma hora dessas? é narrado por Lemony Snicket (pseudônimo do autor Daniel Handler), um garoto de quase 13 anos que teve uma educação incomum. Membro de uma sociedade secreta, ele precisa escolher uma tutora dentre uma lista de 52. E propositalmente escolhe a pior da lista: S. Theodora Markson. 
Os dois precisam ir a cidade Manchado-pelo-mar para investigarem o roubo da estatueta da Fera Ressonante, lá conhecem pessoas esquisitas e grandes mistérios. 

A senhora Sallis é quem os contrata, e acusa a família Mallahan de terem roubado a estatueta. Ao irem na casa dessa família para averiguar os fatos, Lemony encontra Moxie, uma garota quase da idade dele e que pretende ser jornalista. Alguma coisa parece esquisita nessa história toda, e Lemony descobre que alguém perigoso está atrás da Fera Ressonante.

sábado, 4 de maio de 2013

Caixinha de correio #7

| 5 comentários

Mais uma caixinha recheada. Quem não gosta? *-*
Essa é a segunda e última parte de livros que me dei de presente, e não ter mais nada para receber agora é tão triste... :/ 
Ir me preparando psicologicamente para semana que vem, rs. 

COMPREI



Achei em promoção na Saraiva e resolvi incluir no carrinho, espero que seja bom. 

sexta-feira, 3 de maio de 2013

[Resenha] Amor contra o tempo

| 2 comentários

Autora: Myra McEntire
Desde quando se tornou especialista em identificar pessoas de outras épocas entre os demais presentes em um local, Emerson Cole soube que algo estava errado com ela. Depois, quando descobriu que essas pessoas não estavam mesmo ali - que eram, na verdade, projeções do passado - e que, ao tentar tocá-las, elas desapareciam como fumaça, Em teve certeza. E então vieram os remédios, a depressão, o colégio interno. Agora que seu período no internato chegou ao fim e ela está de volta ao lar (mesmo que lar signifique "dar-trabalho-para-o-irmão-mais-velho-e-a-esposa-dele"), Emerson vê sua sensação de paz prestes a desmoronar. Alguns fantasmas não estão mais desaparecendo com um simples toque. E com a chegada de Michael Weaver, o consultor de uma misteriosa organização que promete ajudá-la a se libertar dessa condição, um simples toque poderá condicioná-la a algo ainda mais perigoso: a paixão.


Antes de tudo: só eu achei bizarro o nome da protagonista?! Sério, comecei o livro (tenho mania de às vezes não ler a sinopse) e achei que era um garoto, até estranhei, porque jurava que tinha lido por cima em algumas resenhas que era garota. Daí li a sinopse e "ah, Emerson é o principal mesmo, é garoto. OK!" Quando me deparo em alguma parte com "ela". o_o Voltei pra ler a sinopse e li o livro desde o começo para ver se eu entendi direito. E sim! É uma garota, rs. Desabafos à parte, vamos ao que interessa...

quinta-feira, 2 de maio de 2013

Sagas #8

| 1 comentários

Na coluna de hoje vou falar sobre uma série muito fofa: Linhas, da autora Sophia Bennett. *-*
Quem publica aqui no Brasil é a editora Intrínseca, e conta com 3 livros. Dois já foram lançados aqui. /o/


Linhas


Nonie é fascinada por moda e adora customizar as próprias roupas. Por causa disso, seu jeito de vestir é completamente diferente do de todas as outras adolescentes de 14 anos em Londres. Ainda assim, ela não tem muita certeza de que é realmente voa em alguma coisa, o que é um vergonha, já que uma de suas melhores amigas Jenny, acaba de participar de uma superprodução do cinema ao lado do casal de atores mais quente de Hollywood (para não mencionar o astro adolescente do momento), e a outra amiga, Edie, é a melhor da classe em tudo e aparentemente vai conseguir salvar o mundo antes de entrar para a faculdade (Harvard, evidentemente).Quando as três amigas conhecem Crow, uma garotinha refugiada de Uganda que se veste com asas de fada e tutus de balé e tem um talento impressionante como estilista - mas também tem dificuldades para aprender a ler e sofre com a implicância de outras meninas da escola -, elas decidem ajudá-la, cada uma à sua maneira. Mas quem realmente está ajudando quem? Divididas entre o que parece ser o céu de qualquer fashionista e a causa humanitária das crianças na guerra civil de Uganda, elas acabam descobrindo que nada é mais importante que seguir os próprios sonhos.