[Resenha] O acordo

Autora: Elle Kennedy
Páginas: 360
Editora: Paralela
Série: Amores improváveis, 1
''O Acordo" é um romance que vai te encantar e surpreender a cada página. Hannah Wells finalmente encontrou alguém que a interessasse. Mas, embora seja autoconfiante em vários outros aspectos da vida, carrega nas costas uma bagagem e tanto quando o assunto é sexo e sedução. Não vai ter jeito: ela vai ter que sair da zona de conforto Mesmo que isso signifique dar aulas particulares para o infantil, irritante e convencido capitão do time de hóquei, em troca de um encontro de mentirinha.
Tudo o que Garrett Graham quer é se formar para poder jogar hóquei profissional. Mas suas notas cada vez mais baixas estão ameaçando arruinar tudo aquilo pelo qual tanto se dedicou. Se ajudar uma garota linda e sarcástica a fazer ciúmes em outro cara puder garantir sua vaga no time, ele topa. Mas o que era apenas uma troca de favores entre dois opostos acaba se tornando uma amizade inesperada. Até que um beijo faz com que Hannah e Garret precisem repensar os termos de seu acordo.

Eu adoro o gênero new adult, independente de todos os clichês, pois eu sei que vão ser leituras cativantes e fáceis de se apegar, e não foi diferente em O acordo. Sim, a trama tem todos os clichês possíveis, porém, o desenvolvimento que Elle Kennedy dá às situações vivenciadas pelos personagens fazem o leitor se apaixonar por cada palavra. Eu realmente adorei a história, e em se tratando do romance tudo foi escrito de maneira apropriada para agradar. Entretanto, minha única ressalva é para a parte mais dramática, o que os personagens sofreram e carregam junto consigo até hoje, eu achei que a autora tocou superficialmente nessas partes e foi uma pena. 

[Resenha] Star Wars: Academia Jedi

Autor: Jeffrey Brown
Páginas: 176
Editora: Aleph
Série: Academia Jedi, 1
O jovem Roan Novachez está ansioso! Agora que terminou a escola primária, tudo o que ele deseja é se juntar aos amigos na Academia de Pilotos. Mas seus planos vão por água abaixo quando ele descobre que foi rejeitado por essa escola e convidado a participar da Academia Jedi. Agora, sob a tutela do mestre Yoda e cercado por aliens, robôs e outros Jedi, Roan vai enfrentar todos os desafios comuns à idade, além de aprender diversas lições importantes, como utilizar a força, duelar com seu sabre de luz e o mais difícil: dançar com uma garota.


Eu simplesmente amo livros em forma de diário, ainda mais quando tem quadrinhos, meu lado criança vibra com esse tipo de leitura, pois sei que será diversão na certa. E não me enganei! Academia Jedi, primeiro livro da série de mesmo nome, tem tudo isso que eu falei e mais um pouco. Para quem não conhece nada do universo de Star Wars começar por essa leitura com certeza é uma boa pedida, pois o autor fala sobre personagens, situações, planetas e até mesmo a Força, elementos que são encontrados em tramas mais complexas.



[Novidades] Faro Editorial

Caleb Drake nunca esqueceu seu grande amor. Nem depois de se casar com Leah ou mesmo quando Olivia se casou com outro. Num momento em que a vida de todos parece entrar num turbilhão de mudanças, ele sente que precisa tomar uma decisão. Talvez a mais importante da sua vida. Caleb tem algumas certezas, mas, agora, há muito mais em jogo. Qualquer caminho que escolha trará graves consequências. Então ele descobre que, para seguir seus instintos, o preço pode ser insuportavelmente alto.
Lançamento: Agosto/16

Eventos 


Convidamos Tarryn Fisher ( autora da Série Amor & Mentiras) e Jen Sterling ( autora da série O Jogo Perfeito) para a Bienal do livro de SP em Agosto. E claro, um pulo em mais três cidades, confiram:

Bienal – São Paulo
Recife – Shopping Riomar
Belo Horizonte – Leitura Patio Savassi
Rio de Janeiro – Livraria Travessa Leblon

[Novidades] DarkSide



Por aproximadamente trinta anos o Sacerdote do Inferno – conhecido por todos nós pela sugestiva alcunha de Pinhead – tem sido um dos mais ilustres e famosos personagens do universo do terror de todos os tempos. O aclamado escritor Clive Barker, seu criador, apresenta agora o capítulo final desta saga, que teve início com Hellraiser – Renascido do Inferno. Publicado pela primeira vez no Brasil pela DarkSide® Books em 2015, o clássico de Barker se tornou um verdadeiro sucesso e liderou a lista dos mais vendidos da Amazon Brasil. Além disso, a edição chamou a atenção do próprio Barker que considerou-a a mais bela já feita para a sua novela. E agora não será diferente. Você vai entender tudo sobre o universo dos Cenobitas. Evangelho de Sangue oferece uma junção clara dentro do universo de Barker. Os leitores mais atentos já perceberam que as histórias dele se passam em um mesmo universo, mas, agora, o mundo de Hellraiser é explicitamente unido ao do detetive Harry D’Amour – que aparece em outras histórias do autor, como o conto “The Last Illusion”, presente no sexto volume dos Livros de Sangue, e no romance Everville. D’Amour, que se dedica a investigar casos sobrenaturais, mágicos e malignos, vem encarando seus demônios pessoais há anos. Quando ele se depara com uma Caixa das Lamentações – neste livro, Barker expande a mitologia da Caixa de Lemarchand, e conta que ela é só uma das muitas Caixa das Lamentações que existem por aí –, seus demônios internos são substituídos por demônios de verdade, conforme ele se vê enredado em um terrível jogo de gato e rato, absolutamente complexo, sangrento e perturbador.

Evangelho de Sangue reconduz os leitores ao tempo marcado por dois de seus maisicônicos personagens, que conduzem a história em uma batalha entre o bem e o mal tão antiga quanto o tempo, onde o autor conecta a mitologia de Hellraiser ao Inferno bíblico. Segundo o escritor inglês Michael Marshall Smith, “o embate entre D’Amour e Pinhead é meticulosamente construído, infinitamente criativo e tem muito bom humor. A personificação do mal está nos detalhes, é claro, e a imaginação singular de Barker permanece extraordinariamente fértil. Ele está no controle total de sua prosa [...] e percebe-se que este é um romance de um homem feliz por estar de volta, que ainda tem muito para nos oferecer. [...] É um universo estranho e secular. Venha ver o seu lado sombrio, se tiver coragem”.


Clive Barker retorna à sua poderosa voz narrativa em grande estilo. Evangelho de Sangue é o sombrio, sangrento e brutal épico do terror, narrado pelo mestre inquestionável do gênero, e ansiosamente aguardado pelos fãs.
Clive Barker é um homem renascentista de nossos tempos. Escreveu mais de vinte best-sellers de terror, incluindo Imajica, Livros de Sangue e a série de livros infantis Abarat. Produtor, roteirista e diretor de cinema, é o criador por trás das franquias Hellraiser e Candyman. O filme O Último Trem é baseado em um de seus contos. Dirigiu o videoclipe “Hellraiser”, do Motörhead. Desenvolveu os games Undying e Clive Barker’s Jericho. É artista plástico. Saiba mais em clivebarker.info.

“Eu vi o futuro do terror, seu nome é Clive Barker.”
STEPHEN KING, AO LER HELLRAISER NO ANO DE SUA PUBLICAÇÃO, EM 1986